Roberto Baia

4 de maio de 2016

Um novo estilo

O vereador Fabrício Faustino (PSD) adotou um novo estilo para fazer política em sua terra natal, Paulo Jacinto. Considerado um crítico ferrenho da atual administração, Faustino optou pelo diálogo e apresentação de propostas na sua caminhada rumo a Prefeitura, onde vai disputar o pleito com políticos experientes e que foram alvos das suas críticas e denúncias envolvendo a administração pública, a exemplo do ex-prefeito Marcos Lisboa.

“mantenho, no entanto, um diálogo permanente com as autoridades que combatem atos de corrupção por parte de gestores que usam a máquina para se locupletarem”, disse o vereador.

 

Seguidor fiel

Por falar em Paulo Jacinto, o ex-prefeito Marcos Lisboa está acusado pelo Ministério Público pelo desvio de aproximadamente R$ 3 milhões do Instituto da Previdência Municipal (IAPAJ). Lisboa foi prefeito da cidade de 2005 a 2012, e conseguiu eleger o sucessor, o atual gestor Nildo do Jaime, que acusado de improbidade administrativa devido à fraude em licitações, teve o pedido, por parte do MP, de afastamento das funções por um período de 180 dias.

Pelo andar da carruagem, Nildo do Gomes seguiu fielmente os ensinamentos do mestre.

 

Nova casa

A Rádio Pajuçara FM de Arapiraca, que opera com a frequência 101,9MHZ começou a fazer mudanças importantes em sua programação. 

A primeira cartada da emissora foi contratar o consagrado radialista Ailton Avlis para ancorar o programa Pajuçara na Hora primeira edição.

 

Novo programa

O profissional que estava na Rádio Nova FM pediu demissão na emissora do empresário Aurelino Ferreira Barbosa para apresentar o programa, agora com quatro horas de duração, iniciando às 06h da manhã, com um conteúdo jornalístico e uma visão de comunidade com prestação de serviço.

 “Estava muito bem na Nova FM, mas trabalhar na Pajuçara FM significa voltar ao horário nobre e fazer jornalismo como gosto nas manhãs de Arapiraca”, comentou o profissional.

 

Proposta

Ailton Avlis revelou que a proposta do Sistema Pajuçara de Comunicação (PSCOM) é oferecer um espaço para a sociedade de Arapiraca e da Região Metropolitana, dando a oportunidade de cobrar do poder público em todas as suas esferas.

 

Ricardo Nezinho

“Se algum professor for perseguido ou demitido por fazer política dentro da sala de aula, renuncio ao meu mandato”.

A frase é do deputado estadual Ricardo Nezinho (PMDB), durante entrevista concedida na manhã desta terça-feira (3), ao Programa Show de Notícias, na Rádio 96 FM de Arapiraca.

Projeto polêmico

Ao falar do polêmico projeto Escola Livre, de sua autoria e aprovado, na semana passada, pela maioria dos deputados na Assembleia Legislativa Estadual (ALE), Ricardo Nezinho lançou o desafio para mostrar que, segundo ele, o projeto está sendo mal interpretado.

 

Baseado no ECA

Segundo o deputado, o projeto nasceu depois que uma comissão de pais de alunos, pastores evangélicos e professores o procuraram para entregar um projeto semelhante contendo 15 artigos.

De acordo com o parlamentar, o projeto está baseado no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), Lei de Diretrizes e Base (LDB) e do Estatuto do Magistério do Estado de Alagoas.

 

Tramitação

Ainda na entrevista, Ricardo Nezinho disse que o projeto passou sete meses em tramitação na Assembleia Legislativa e ninguém o procurou para contestar se o projeto era viável ou não.

“Se alguém tivesse me procurado, para falar sobre o assunto, eu teria discutido e até feito alterações no projeto, mas não aconteceu isso e o documento foi aprovado por unanimidade pelos deputados”, afirmou.

 

Apoio do arcebispo

Ricardo Nezinho também falou sobre o uma carta-documento emitida pelo arcebispo de Maceió, Dom Antônio Muniz, que declarou apoio ao projeto de lei Escola Livre.

De acordo com a carta aberta assinada por Dom Antônio Muniz, o projeto trata sobre os princípios necessários de neutralidade e pluralismo.

“Estranho observar que alguns setores educacionais sejam capazes de se posicionar contra a neutralidade política e ideológica no ambiente escolar, onde deveriam ser formados cidadãos com senso crítico que saibam conviver com o contraditório”, diz um trecho da carta, apontou Nezinho.

 

 

… O leite é um dos principais itens nutricionais para o desenvolvimento de crianças e, sim, dos adultos. Seus benefícios vão além do alimentar-se – fato comprovado cientificamente em sua carga reguladora para os processos de energia no corpo humano.

 

… Pensando nisso, o federal Programa do Leite está assegurado em Arapiraca, graças ao trabalho contínuo do governador Renan Filho e da prefeita Célia Rocha.

 

… Segundo o presidente da Federação das Associações Comunitárias de Arapiraca (Facomar), Braz Antônio de Farias, ele beneficia diretamente 5.426 famílias de Arapiraca.