Flávio Gomes

8 de abril de 2016

Dois cenários

Do jornalista Luis Nassif, em seu blog: “De um lado, tem-se quase uma unanimidade contra Dilma Rousseff no meio empresarial e nas classes médias urbanas. De outro, uma unanimidade a favor entre movimentos sociais e um grande resistência contra o golpe nos meios jurídicos e intelectuais. Qualquer lado que saia vencedor rachará ainda mais o país. Há duas maneiras de resetar o jogo e reiniciar. E, aparentemente, começa a se formar um consenso em torno delas. A primeira, através da tal repactuação. Se falhar, a saída será a convocação de eleições gerais – para Presidente, senado e câmara -, valendo-se de uma possibilidade existente no parlamentarismo. Ao apresentar a proposta, o presidente do Senado Renan Calheiros não está falando sozinho. No próprio Palácio do Planalto há defensores da idéia, como uma das saídas para o impasse, especialmente devido a um certo desânimo com a posição da presidente, que não parece disposta a abrir mão de nenhum centímetro de seu espaço nas articulações políticas e na gestão de governo e continua emperrando as articulações.”

Sentimento

O deputado federal Paulão (PT/AL) diz que a oposição tem três ideias fixas: tirar Dilma Rousseff do governo, via impeachment; colocar o ex-presidente Lula na prisão; acabar com o registro do Partido dos Trabalhadores, como ocorreu, há anos, com o PCB. Mas garante que não irá ocorrer nenhuma dessas situações.

Conveniência

Tem deputado federal da bancada de Alagoas se preservando quanto ao impeachment de Dilma Rousseff. Publicamente diz que ainda não se definiu. Mas a amigos e aliados que o questionam revela: “Eu vou votar em favor do impeachment. Não digo agora para não perder as verbas federais que consegui para os municípios”.

 

“Convencimento”

Qual teria sido o “argumento” utilizado pelo senador Renan Calheiros para “convencer” o deputado Cícero Almeida a mudar a posição em relação ao impeachment da presidente Dilma: impedir que ele seja candidato a prefeito de Maceió ou atuar pela sua cassação no TSE? Antes, Almeida era a favor; agora, é contra.

Agenda

Uma comitiva do governo do Nepal esteve ontem com Rui Palmeira, prefeito de Maceió, e será recebida hoje, em Arapiraca, pela prefeita Célia Rocha. A delegação é integrada também por representantes do Fundo das Nações Unidas para a Infância, a Unicef. O objetivo é avaliar as ações do município pela infância.

Luto

O médico Osman Catarina, que faleceu provavelmente em decorrência da gripe H1N1, atuou na política: foi prefeito do município de Maravilha, no Sertão alagoano. Era de família tradicional do bairro do Poço, em Maceió: filho do advogado Osman Catarina e irmão de Júlio Catarina, também advogado, ambos já falecidos.

Filantropia

Por conta do Dia Mundial de Combate ao Câncer, a APALA monta hoje no Shopping Pátio Maceió, para vender os produtos e apresentar informações sobre o câncer infantil, mostrando os sinais e sintomas iniciais. Tem apoio da Braskem, que forneceu uniformes usados na empresa para serem reciclados e comercializados.

Comparação

O deputado Benito Gama (PTB-BA) defende “eleição geral agora, que seria o ideal para zerar a política do Brasil”.  Como não crê nisso, votará pelo impeachment. E argumenta: “A presidente Dilma e o PT envolveram o País numa tempestade perfeita. A opinião pública está muito mais forte contra ela do que esteve contra Collor”.

 

 

*Seis mestres do Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Direito da Ufal fazem hoje lançamento de seus livros, resultados das dissertações concluídas na área de Direito Público. Às 18 horas, no Escritório Fontan Lins Maia Advogados, em Jaraguá.

*A 5a edição da festa “Os Bons Tempos Voltarão” acontece hoje, a partir das 22 horas, na antiga boate Middò, hoje Le Hotel. O traje, não obrigatório, inclui calças boca de sino e sapatos cavalo de aço. No repertório, Bee Gess, Billy Paul, As Frenéticas…

*O cantor Nando Reis realiza hoje, em Maceió, um show da turnê “Sei”, a partir as 22 horas, no Sítio Lagoa Doce, na Barra Nova, com participação da banda “Os Infernais”. Os ingressos podem incluir traslado. Informações:  3357.8007.

*De hoje a domingo acontece a 3ª Bienal de Orquídeas do Nordeste, organizada pela Associação dos Orquidófilos e Bromeliófilos de Alagoas, na sede do Ibama/Alagoas. Das 9 às 15 horas, diariamente, haverá palestras, oficinas e venda de flores.

* As inscrições para a Oficina de Preparação de Atores, iniciativa da secretaria estadual da Cultura, terminam hoje. Interessados devem procurar o MISA, em Jaraguá. A oficina será ministrada pelo ator alagoano Chico de Assis, reconhecido nacionalmente.

*Estudantes dos cursos técnicos e de extensão da Escola Técnica de Artes da Ufal que estejam em situação de vulnerabilidade socioeconômica, podem concorrer a 48 bolsas de manutenção acadêmica e auxílios. O prazo de inscrição termina hoje.

* Balanço da estréia dos clubes alagoanos na Copa do Brasil: Coruripe 0x1 Botafogo RJ, Invinhema MS 0 x 2 CRB e Genus RO 2  x 0 ASA. Só o CRB se garantiu na próxima fase. Irá enfrentar o vencedor do confronto Vasco da Gama x Clube do Remo.

 

 

“Eles não querem agrado, querem derrubar o governo” 

Luiz Inácio Lula da Silva

 Ex presidente da República, ao dizer que não adianta agradar à oposição, pois “quanto mais agrada mais sai porrada na rede de televisão”