Edmilson Teixeira

6 de maio de 2015

PSC na sede da AMA

Na manhã de segunda-feira em Maceió, o presidente estadual do PSC, economista Marcos Calheiros e o secretário do partido, Ronaldo Lessa Campos, recepcionaram a maior liderança nacional hoje do PSC. Trata-se  do deputado federal André Moura (centro da foto), ele que é de Sergipe. Moura veio palestrar com os prefeitos alagoanos na sede da AMA, na qualidade de relator parlamentar da proposta do Pacto Federativo. Disse que é um projeto que promete ser a salvação das prefeituras do país; e que ainda este ano, entrará em votação tanto na Câmara como no Congresso, com o apoio dos seus devidos presidentes Eduardo Cunha e Renan Calheiros respectivamente.  

Paripueira

Prefeito Abrahão Moura e seu vice, Haroldo estão sendo acusados de mandar derrubar um palhoção que estava sendo construído para os festejos juninos pela associação Atlântico Norte. A cena foi registrada no Loteamento Porto Belo, local programado para o esperado evento. Segundo  Armando que é o presidente da associação, toda bronca é porque a entidade se distanciou politicamente de Abrahão para qualquer tipo de apoio para a eleição que se aproxima.  

Cadastro Ambiental

A boa notícia para muitos proprietários rurais de Alagoas, é que o prazo que deveria findar ontem para que eles se inserirem no Cadastro Ambiental Rural (CAR) foi prorrogado por mais um ano. A informação é do IMA regional, depois que na última semana o ministro substituto Francisco Gaetani, durante audiência pública na Câmara dos Deputados, teria falado sobre o adiamento para “intensificar a mobilização e divulgação sobre a importância do programa”.


Cadastro Ambiental – mapa

A direção do IMA em Alagoas informa que o trabalho no Estado “está sendo intensificado em espécies de mutirões”, realizando-se capacitações sobre o sistema e cadastramentos em dez município. São eles: Belo Monte, Delmiro Gouveia, Igreja Nova, Senador Rui Palmeira, Poço das Trincheiras, Joaquim Gomes, Penedo, Junqueiro, Boca da Mata e Taquarana.

Palmeira dos Índios

A comunidade palmeirense foi contemplada ontem, com a implantação do Centro Integrado de Atendimento à Criança e ao Adolescente do interior de Alagoas. O Centro funcionará nas dependências da (Funador) Fundação de Apoio ao Menor. A ação é fruto da parceria firmada entre a Defensoria Pública, Ministério  Público, Conselho Tutelar, CREAS,  CRAS e as secretarias municipais de Saúde e Educação daquele município. A  meta é oferecer serviço multidisciplinar para crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade.

Palmeira dos Índios- cardápio

O atendimento ocorrerá às terças-feiras, nos períodos da manhã e da tarde. Crianças e adolescentes que necessitarem de questões relativas à saúde, educação, acompanhamento e orientação psicológica, bem como orientação jurídica e solução extrajudicial de conflitos, poderão procurar o local. O espaço também é voltado para  famílias que necessitam regularizar questões relativas à guarda, tutela e adoção de crianças, além de prestar atendimento aos adolescentes em conflito com a lei.

Pilar

Durante o dia de ontem, foi realizado o mutirão oftalmológico na escola municipal Renato Mendonça, promovido pelo Instituto Oftalmológico de Alagoas (IOFAL) em parceria com a Prefeitura  local. Durante o evento foram atendida cerca de 300 pessoas. O mutirão oftalmologista teve como objetivo prevenir o glaucoma e catarata.

Batalha

Cursos de qualificação voltados para o trabalhador e a visita do “Ônibus do Trabalho e Emprego” ao município de Batalha são algumas das ações discutidas entre o presidente da Assembleia Legislativa, deputado  Luiz Dantas e o secretário de Estado do Trabalho e Emprego, Rafael Brito. Por meio do serviço itinerante, são oferecidas ações do Sistema Nacional de Emprego (Sine).

Batalha – promessa

“Vamos inserir agora em maio a cidade de Batalha no roteiro de visitas do ônibus itinerante da Secretaria do Trabalho para que os cidadãos do município possam ter a oportunidade de tirar Carteira de Trabalho e fazer parte do cadastro de emprego do Sine”, disse Rafael Brito.

Peixaria

Nesses primeiros quatro meses do ano, o Projeto de Povoamento de Alevinos promoveu em 12 municípios do estado, a doação de 117 mil peixes, ação que beneficiou 171 famílias. É um projeto dirigido pela Secretaria de Estado da Agricultura, Pesca e Aquicultura. Os peixes são das espécies curimatã, tambaqui e tilápia.

 

Peixaria – alvo

Este ano, o projeto atendeu a várias regiões do estado, desde cidades, a povoados e propriedades rurais. O peixamento aconteceu nos municípios de Boca da Mata, Anadia, Rio Largo, Jaramataia, Penedo, São Miguel dos Campos, Viçosa, Junqueiro, Delmiro Gouveia, Coruripe, Traipu e São Brás. O programa conta com a parceira da Codevasf e do Centro de Ciências Agrárias (Ceca), da Ufal.

 

Pão de Açúcar / Piranhas

 

As oficinas “Ampliando Saberes” movimentam os artesãos, artistas e bordadeiras de duas comunidades às margens do rio São Francisco – Ilha do Ferro em Pão de Açúcar, e Entremontes, em Piranhas. De acordo com a artista visual Maria Amélia Vieira, que coordena as oficinas juntamente com o marido, o também artista visual Dalton Costa, as aulas ocorrem em dois dias da semana, mas os alunos se intensificam em outros dias.  “Eles estão bastante empolgados e produzindo muito. Estão loucos para comercializar, mas pedi para que aguardem  a exposição no dia 30 de maio”, conta Amélia. 

Pão de Açúcar / Piranhas – logística

 

O projeto é uma iniciativa do braço sertanejo do museu Coleção Karandash de Arte Popular e Contemporânea, com sede em Maceió e um barco atracado em Pão de Açúcar, que desde 2008 faz intervenções de arte educativa em povoados ribeirinhos entre o município pãodeaçucarense e Piranhas. Este ano, as oficinas estão sendo patrocinadas pelo edital “Patrimônio Cultural Brasileiro”, da Caixa Econômica Federal.