<![CDATA[ Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas ]]> <![CDATA[Mulher é a quinta pessoa da mesma família assassinada em Porto Real do Colégio]]> Uma série de assassinatos envolvendo pessoas de uma mesma família está assustando os moraldores da cidade de Porto Real do Colégio, no interior de Alagoas.

Na manhã desta segunda-feira (25), uma mulher identificada como Eunice Luiz dos Santos, 50 anos, foi assassinada com diversos disparos de arma de fogo, dentro da cozinha de uma escola situada no povoado Canoinha, na zona rural do município.

A mulher havia acabado de chegar à Escola Professora Antônia Rosa, onde trabalhava como cozinheira, e foi surpreendida por um pistoleiro lque efetuou disparos de arma de fogo.

Os projéteis atingiram as costas da vítima, que morreu no local antes mesmo de receber socorro médico.

Moradores relataram que Eunice Luiz é a quinta pessoa da mesma família a ser assassinada. 

Uma guarnição do 11º Batalhão de Polícia Militar (11º BPM), chegou a fazer buscas pela região, mas não conseguiu encontrar o autor do homicídio.

O crime teria sido motivado por vingança. Um parente de Eunice Luiz teria confidenciado a pessoas mais próximas que vai sair da cidade, com medo de ser a próxima vítima. A polícia de Porto Real do Colégio está investigando o casol.

]]>
<![CDATA[Quadrilha criminosa fortemente armada explode agência bancária em Alagoas]]> A agência do Bradesco foi alvo da ação de bandidos, na madrugada desta segunda-feira (25), na cidade de Major Isidoro, na Bacia Leiteira alagoana.

Os moradores foram acordados, por volta das três horas da madrugada, pelo barulho de duas grandes explosões no centro da cidade.

Ainda de acordo com testemunhas, pelo menos seis homens fortemente armados efetuaram vários disparos para o alto, a fim de evitar a aproximação de pessoas em volta da agência bancária.

O bando estava em uma caminhonete de cor preta e de placas não anotadas.

O único caixa eletrônico ficou totalmente destruído com o impacto da explosão. O valor levado pelo bando não foi informado à imprensa, mas o gerente informou que o caixa eletrônico havia sido abastecido na tarde de sexta-feira, por conta da feira livre desta segunda (25).

A polícia foi acionada e isolou a área em volta do prédio, que ficou parcialmente destruído com a explosão.

]]>
<![CDATA[Funcionário de usina é baleado durante assalto na parte alta]]> Um funcionário do escritório da Usina Santa Clotilde, na parte alta de Maceió, foi baleado com um tiro no braço durante um assalto neste sábado.

A tentativa de homicídio teria ocorrido por conta de que um dos criminosos ter visto o funcionário se abaixar para pegar uma mochila.

Os três bandidos fugiram levando celulares e documentos do escritório.

Câmeras de segurança poderão ajudar à polícia na identificação dos criminosos. 

Vítima foi socorrida para o Hospital Geral do Estado (HGE).  

]]>
<![CDATA[Alagoanos são presos com 70 quilos de maconha dentro de casa]]> Um centro de distribuição do entorpecentes foi desmontado, na manhã desta terça-feira, 19, no bairro de Aruana, zona de expansão de Aracaju, Sergipe. Durante a ação policial, dois alagoanos foram presos em flagrante com 70 quilos de maconha dentro da residência, que era utilizada para prensagem e distribuição de drogas.

Em coletiva de imprensa, realizada nesta tarde, na sede da Departamento de Narcóticos da Polícia Civil (Denarc), em Aracaju, o delegado Osvaldo Resende informou que as investigações tiveram início há pelo menos um mês após denúncia de que a residência, alvo da operação, era um local de distribuição e prensagem de drogas.

“Com base nas informações, as equipes do Denarc, em parceria com agentes da Delegacia-Geral, diligenciaram pelo local informado, localizado na Aruana, no intuito de constatar a sua veracidade. Por ocasião das buscas, encontramos 70kg de maconha, 550g de cocaína, três balanças digitais utilizadas para pesagem da droga, agenda com anotações do comércio ilícito de entorpecentes, rolos de fitas adesivas usados para embalar drogas, prensa hidráulica e metais utilizados no processo de prensagem dos narcóticos”, salienta Osvaldo Resende, diretor do Denarc.

Ao realizar a revista na casa em questão, os policiais encontraram os dois traficantes alagoanos, Renan da Silva Lima, 21 anos e Gledsi Lincon Santos Souza, 19 anos, no local. Um deles, Renan da Silva, estava armado com uma espingada 12 e esboçou atirar nas equipes. Ao perceber a intenção do acusado, os policiais reagiram e o acusado foi atingido por um tiro. Ferido, ele foi encaminhado ao Hospital de Urgência de Sergipe.

Já o outro traficante, Gledsi Lincon, foi levado à delegacia especializada. A dupla será  autuada pelos crimes de tráfico de drogas, detenção de maquinário para o tráfico, associação para o tráfico, porte de arma de fogo de uso restrito e receptação.

SSP/SEOs alagoanos foram presos em Sergipe

 

Os alagoanos foram presos em Sergipe

Na delegacia, a polícia descobriu que há um mandado de prisão em aberta em desfavor de Renan da Silva Lima, decretado pela justiça alagoana pelo crime de latrocínio. Os agentes do Denarc apreenderam ainda uma cartela com a impressão em branco de vários certificados de registro e licenciamento de veículo do Detran de Pernambuco.

Ainda segundo o delegado Osvaldo Resende, as investigações prosseguem no sentido de identificar outros envolvidos. “Vamos averiguar a participação de outras pessoas tanto em relação ao crime de tráfico de drogas como também a crimes de roubos e furtos de veículos, já que apreendemos diversos CRLVs em branco”.

Fonte: SSP/SE

 

]]>
<![CDATA[Mãe denuncia filho que escondia armas no guarda-roupa em Arapiraca]]> Maria Lúcia Lopes Pinheiro, 41 anos, entregou o filho menor de idade à polícia após descobrir que ele escondia duas armas de fogo dentro do guarda-roupa de casa. O fato foi registrado no Povoado Canafístula, no município de Arapiraca, agreste de Alagoas. 

Os policiais do 3º Batalhão Militar tiveram na casa e com a autorização de Maria Lúcia constataram o delito. Duas armas de fogo, sendo um revólver calibre 38 e uma espingarda artesanal foram localizadas no cômodo da residência. 

A mulher foi encaminhada à delegacia, ouvida e em seguida liberada. O filho está foragido e polícia segue sem pistas dele. 

 

]]>
<![CDATA[Avó é assassinada no lugar dos netos por dupla armada no bairro do Feitosa]]> Terezinha Maria de Lima, de 59 anos, foi morta na madrugada deste domingo, no bairro do Feitosa, em Maceió, vítima de uma dupla criminosa armada, que foi presa após rondas policiais na parte alta da capital alagoana. 

A vítima, segundo a polícia, teria sido assassinada no lugar dos dois netos, com um tiro na região do tórax e não resistiu à gravidade dos ferimentos. O Samu - Serviço Móvel de Urgência esteve no local e constatou o óbito.

Os suspeitos Vinícius Henrique da Silva, de 20 anos, e Ricardo Cesar Santos da Silva, 31, foram localizados e receberam voz de prisão; posteriormente a dupla foi encaminhada para a Central de Flagrante II, localizada no Benedito Bentes, parte alta de Maceió, onde receberam autuação em flagrante por homicídio. 

Equipes do IML (Instituto Médico Legal), Perícia Oficial e Delegacia de Homicídios estiveram no local do crime para a realização dos procedimentos cabíveis. 

 

]]>
<![CDATA[Polícia Civil participa de operação Lei Seca]]> Entre as ações integradas dos órgãos da Segurança Pública de Alagoas, na noite de sexta-feira (22), a Polícia Civil (PC) participou da operação Lei Seca, juntamente com a Polícia Militar (PM) e o Departamento Estadual de Trânsito (Detran), realizada em três bairros da capital.

O trabalho resultou em quatro veículos removidos ao pátio do Detran; 3 prisões  por embriaguez; 16 recusas ao teste de alcoolemia (etilômetro); cinco ADM ( teste de alcoolemia entre 0.05 a 0.33mg/L); 617 testes  de alcoolemia realizados; 602 Veículos abordados e seus condutores revistados; 24 CNHs recolhidas; 94 Autos de Infrações por diversas irregularidades de trânsito; 19 pessoas inabilitadas;

Segundo o tenente Emanuel Costa, coordenador da operação, as ações aconteceram na parte baixa e alta em Maceió. A primeira foi na Avenida Durval de Góes Monteiro, no bairro do Tabuleiro dos Martins. A segunda operação foi na avenida Dr Antônio Gouveia, no bairro da Pajuçara, e a terceira aconteceu na avenida Thomás Espíndola, no farol. As operações aconteceram das 21h às 05h do dia 22 para o dia 23 de setembro, e contou com o importante apoio da equipe de inteligência do Detran.

 “Os 24 condutores autuados e retirados de circulação por estarem conduzindo veículos automotores sob a influência de álcool e 03 conduzidos a delegacia e autuados em flagrante for conduzir Veículo automotor com a capacidade psicomotora alterada em razão das influência de álcool.(Art. 306 do CTB)”, concluiu o coordenador da Lei Seca.

Participaram agentes e escrivães do Grupo Especial de Apoio Investigativo (Geai), Asfixia, Superintendência de Planejamento, Finanças, Orçamento e Contabilidade (SPFOC) e Delegacia Geral da Polícia Civil, militares do Batalhão de Trânsito, da Polícia Militar,  e servidores do setor de inteligência do Detran, comandados pelo delegado Francisco Amorim e pelo tenente Emanuel Costa.

A Polícia Civil disponibilizou 30 policiais civis, incluindo quatro escrivães e levou a Delegacia Móvel, para agilizar procedimentos cartorários, só deslocando as ocorrências para as Centrais de Flagrantes, para serem autuados, em casos mais graves. Com isso, várias situações foram resolvidas pelas equipes do Geai. dando agilidade ao processo de atendimento.

 “Nas ações, após abordagens, quando era necessário realizar flagrantes, nós agíamos imediatamente com o encaminhamento à Central de Flagrantes da Polícia Civil, para retornarmos rapidamente e continuarmos promovendo a segurança à sociedade”, disse o delegado. A autoridade policial disse ainda que a integração dos setores da segurança pública do Estado está sendo muito importante para a população.

O tenente Emanuel Costa enfatizou as integrações policiais nestas ações que completaram cinco anos no Estado. “O Detran/AL vem fazendo uma campanha de reeducação progressiva e essa integração policial é significativa para todos nós, e ontem foi um dia nacional e comemorativo, porque ações como estas estão sendo realizadas em todo o Brasil ”, enfatizou o tenente.  

Durante a noite, os policiais realizaram atividades em três pontos de Maceió, dois na parte baixa, e um na parte alta da capital, e foram realizadas diversas fiscalização a condutores que apresentavam documentos dos veículos e pessoais. Nestas abordagens os policiais civis investigavam chassis de veículos, placas e se as pessoas eram foragidas, por terem cometido algum delito.

Estas iniciativas integradas fazem parte da política da Secretaria de Segurança Pública, visando também a redução no número de acidentes de trânsito. “Executamos os trabalhos com agilidade e determinação, não só com o propósito de punir os condutores imprudentes, mas também de educar e conscientizar o infrator que está pondo em risco a sua própria vida e a de terceiros”, enfatizou o delegado-geral da Polícia Civil, Paulo Cerqueira.

]]>
<![CDATA[Em Feliz Deserto, patrulhamento policial realiza duas prisões]]> Um homem foi preso e um menor apreendido após abordagem policial na comunidade Pacheco, município de Feliz Deserto. Ação executada por equipes da Força Tarefa na tarde de sexta-feira (22) encontrou uma arma de fogo e drogas com os suspeitos.

 Os militares estavam realizando patrulhamento na região quando foram acionados por uma mulher informando que dois indivíduos estavam tentando pular o muro da casa dela. Após as buscas, as equipes conseguiram capturar um adolescente de 16 anos com 45 gramas de maconha e um jovem com um revólver calibre 38 e seis munições intactas.

 Diante do fato, os dois suspeitos, José Edson da Silva, de 27 anos e o menor, foram conduzidos à Delegacia Regional de Penedo para a realização dos procedimentos legais.

]]>
<![CDATA[Após denúncias, PM apreende mais de cinco quilos de maconha]]>
Na tarde dessa sexta-feira (22), equipes da Radiopatrulha (RP) e do Pelotão de Operações Especiais (Pelopes), pertencentes ao 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM), prenderam Weverton Pereira Alves, de 30 anos, por tráfico de drogas no Povoado Lagoinha, em Delmiro Gouveia.
 
Os militares chegaram até a residência de Weverton após uma denúncia anônima. Com a autorização do proprietário foi iniciada a busca domiciliar. Após a averiguação nos cômodos e a constatação de um rolo de sacos plásticos, os militares fizeram busca também no quintal da casa, e acabaram encontrando enterrados mais de cinco quilos de maconha (5.380 gramas da droga). Também foram apreendidos dois celulares, uma motocicleta Honda CG 125, de cor preta e placa de do Estado de Sergipe, e ainda R$ 325,00 em espécie.
 
Todo o material apreendido e o infrator foram encaminhados à Delegacia Regional de Delmiro Gouveia para a realização dos procedimentos cabíveis.

]]>
<![CDATA[Ex-funcionário é preso suspeito de assassinar fazendeiro em Braquinha]]> Uma operação conjunta envolvendo policiais civis e militares, sob o comando do delegado Cayo Rodrigues, realizada no município de Branquinha, nesta sexta-feira (22), resultou na elucidação do crime e detenção de suspeito de assassinar o fazendeiro Tadeu Omena.

A vítima foi executada por um grupo de quatro jovens, através de golpes de facão, dentro de sua propriedade. Os suspeitos foram até a fazenda de Tadeu, com o objetivo de subtrair dinheiro e pertences de valor da vítima.

Segundo o delegado Cayo Rodrigues, titular dos 116º e 117º Distritos Policiais, o acusado Dijovan Tiele Silva, 20 anos, conhecido como “Gonçalo”, foi o mentor do latrocínio.

Os autores do crime sabiam que o pagamento dos funcionários seria no dia que cometeram o latrocínio. No momento do delito, servidores da fazenda, que fica localizada na zona rural de Branquinha, reagiram, e acabaram executando um dos integrantes do bando.

“Dijovan já havia cometido crimes contra a vítima. Ele responde a dois inquéritos em Branquinha, que já foram concluídos. Nos dois inquéritos ele foi indiciado por roubo e teve prisão preventiva decretada, foi detido, e fugiu do sistema penitenciário”, disse o delegado.

Na noite do homicídio os policiais prenderam em flagrante Lucas Eduardo da Silva, de 20 anos, e segundo o delegado, ele confessou o crime e indicou os demais envolvidos.

Com as investigações, os agentes se deslocaram ao Conjunto Padre Donalds, Morro das Cobras, em União dos Palmares, montaram um cerco e visualizaram “Gonçalo” invadindo uma residência obrigando a moradora a esconder o acusado no imóvel. Neste momento Dijovan investiu contra a ação policial, foi atingido e faleceu.

Participaram da operação policiais civis da Asfixia, Tático Integrado de Grupos de Resgates Especiais (Tigre), Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic), militares do 2º Batalhão da Polícia Militar e o Grupamento Aéreo da Secretaria da Segurança Pública (SSP).

“O quarto comparsa acusado do latrocínio, é um adolescente, e vamos permanecer nas ações para o apreender. O crime já tem motivação, e autores, e durante o delito eles ainda roubaram uma motocicleta, Honda de cor vermelha, que foi utilizada  para a fuga do “Gonçalo””, concluiu o delegado.

]]>