Polícia

10 de junho de 2018 20:00

Crânio encontrado em terreno no Litoral Sul pode ser de Roberta Dias

Mês passado, uma gravação transcrita pela Polícia Federal e que chegou à imprensa dava conta de uma trama para matar Roberta Dias. Um dos suspeitos confessa que assassinou a jovem e enterrou o corpo em um terreno no Litoral Sul

↑ Roberta está desaparecida desde 2012 (Foto: Arquivo)

Foi encontrado neste domingo (10), em um terreno no Pontal do Peba, em Piaçabuçu, Litoral Sul do Estado, um crânio humano que pode ser da jovem Roberta Dias, desaparecida desde 2012. A jovem morava em Penedo

Parentes de Roberta foram até o local acompanhar os trabalhos da polícia e dos peritos criminais. A equipe não localizou nenhuma outra parte do esqueleto na região como também nenhum objeto que identifica-se se o crânio é de Roberta Dias.

Familiares da desaparecida irão esperar a Polícia Civil solicitar o exame de DNA para tentar identifiacar o crânio. O material genético deverá ser colhido e servirá como subsídio para futuro procedimento.

Os parentes vão, agora, esperar a Polícia Civil vai solicitar o exame de DNA para tentar identificar o crânio. Material genético deverá ser colhido e servirá como subsídio para o futuro procedimento.

A assessoria da Perícia Oficial informou que o crânio foi recolhido para o IML de Arapiraca, onde ficará guardado.

Mês passado, uma gravação transcrita pela Polícia Federal e que chegou à imprensa dava conta de uma trama para matar Roberta Dias. Um dos suspeitos confessa que assassinou a jovem e enterrou o corpo em um terreno no Litoral Sul. A Polícia não descarta nenhuma possibilidade, por isso deverá ser feito os exames para identificar o resto mortal.

Fonte: Da redação

Comentários

MAIS NO TH