Mundo

8 de Março de 2018 15:20

Estados Unidos afirmam que negociações com Coreia do Norte ‘ainda estão longe’

Chefe da diplomacia americana reduziu a importância das declarações do líder norte-coreano

↑ Secretário de Estado dos EUA, Rex Tillerson, durante entrevista coletiva em visita à Etiópia (Foto: SIMON MAINA / AFP)

O secretário de Estado americano Rex Tillerson afirmou nesta quinta-feira (8), em Adis Abeba, que Estados Unidos e Coreia do Norte ainda estão longe de negociações diretas pelo programa nuclear de Pyongyang.

“No que diz respeito a discussões diretas com Estados Unidos (e Coreia do Norte), ainda estamos longe de negociações, devemos ser muito lúcidos e realistas sobre este ponto”, disse Tillerson na capital da Etiópia, primeira etapa de uma viagem pela África.

“Como o presidente Trump indicou, há sinais potencialmente positivos procedentes da Coreia do Norte por seu diálogo com a Coreia do Sul”, completou.

Mas o chefe da diplomacia americana reduziu a importância das declarações.

Uma primeira etapa seria ter “discussões sobre discussões” para ver se “as condições estão corretas antes de começar a pensar em negociações”, destacou Tillerson.

O presidente Donald Trump celebrou os sinais de abertura da Coreia do Norte a respeito da possibilidade de um diálogo com os Estados Unidos, mas pediu prudência e reafirmou que todas as opções estão sobre a mesa.

Os líderes da Coreia do Norte e da Coreia do Sul concordaram com uma reunião de cúpula em abril na Zona Desmilitarizada (DMZ), de acordo com Seul. O governo sul-coreano indicou que Pyongyang estaria disposto a interromper os testes nucleares e de mísseis e iniciar conversações.

Fonte: AFP e G1

Comentários

MAIS NO TH