Interior

13 de janeiro de 2018 11:23

O encanto das piscinas naturais de Ipioca

Elas são a porta de entrada para a Costa de Corais na segunda matéria da série “Destinos Turísticos do Litoral Norte”

Foto: Jorge Menezes / Hibiscus Beach Club - Cortesia

Considerada por especialistas e jornalistas da área de turismo como a mais bela praia de Maceió, a praia de Ipioca é uma praia linda, com areia fina e branca, água quente e ainda pouco explorada, sem ambulantes, pouca gente na praia, ou seja, perfeita para descansar ou passar o dia. Suas piscinas naturais, com barreiras de corais das mais preservadas, marca a porta de entrada para a Área de Proteção Ambiental da Costa dos Corais, complexo ecossistema marinho que contém os mais extensos e preservados arrecifes de corais do Brasil, com 135 km de extensão entre os estados de Alagoas e Pernambuco.

A unidade da APA da Costa dos Corais é um bioma marinho costeiro que existe desde 1997.

Em seus 8 km de extensão, esconde alguma das enseadas mais bonitas de Alagoas. Esconde, mesmo: a rodovia passa relativamente longe da costa e entrando a direita nas diversas ruas de terra batida que dá cesso ao vilarejo à beira-mar, com mansões de veraneio e muitas casas de nativos, além de alguns bares, restaurantes e até hotéis, se chega à praia. Na opinião de muitos o canto esquerdo (norte) de Ipioca é a praia mais bonita do Litoral Norte de Maceió.

O povoado onde nasceu Floriano Peixoto, o segundo presidente do Brasil, conhecido como o Marechal de Ferro, mantém duas vilas distintas: a parte alta, com igreja histórica, ruas apertadas, todas em subida, casas dos anos 50, algumas ainda bem preservadas e moradores antigos, que passam os dias contanto histórias na Praça da Matriz, olhando para o mar. Nessa parte existem alguns bares e um restaurante bem famoso, o Vila Chamusca.

A parte baixa, próximo ao mar, ocupada mais recentemente pela exploração imobiliária, apesar de casas de veraneio, restaurantes e hotéis, ainda lembra uma típica vila de pescadores: barcos, sítios, coqueirais, praia tranquila e águas mornas.

Para que o local se tornasse um atrativo turístico, surgiu há quatro anos o Hibiscus Beach Clube, com entrada por dentro do Condomínio Angra de Ipioca, às margens da rodovia, dois quilômetros depois do povoado.

O local tem uma ótima infraestrutura e funciona com sistema day use, ou seja, você paga uma taxa e pode usar as instalações.

Para quem tem filhos, é uma proposta legal curtir o local e praia, que conta com todo conforto e segurança.

O cardápio é variado, com destaque para os frutos do mar

A grande atração do Hibiscus é o passeio de catamarã até as piscinas naturais de Ipioca que ficam a 3 km do local do embarque, ainda desconhecidas da maioria dos alagoanos e turistas. O objetivo é ter um controle para não danificar o meio ambiente. Alguns chegam a dizer que são tão belas como as da Pajuçara ou até mesmo as Galés de Maragogi. De águas cristalinas e mornas dá para ver realmente peixes e corais.

E aviso aos navegantes: quando for visitar, apenas fotografe e nada de alimentar os peixes.

Fonte: Tribuna Independente / Cláudio Bulgarelli

Comentários