Interior

13 de novembro de 2017 13:12 / Por: Tribuna Hoje

Em Campo Alegre, Estado encerra o 39° lixão

Município passa a destinar seus resíduos à Central de Tratamento em Craíbas

↑ Ascom Semarh

Mais um lixão está encerrado em Alagoas. Com o apoio irrestrito da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), a Prefeitura de Campo Alegre, localizada no Agreste alagoano, acabou de vez com as atividades do envio de resíduos para um local inapropriado.

O encerramento ocorreu no último sábado (11) e contou com representantes do Governo de Alagoas, a exemplo do Instituto do Meio Ambiente (IMA) e autoridades da gestão em Campo Alegre.

A partir de agora, o município passa a encaminhar a produção de resíduos sólidos para a Central de Tratamento na cidade de Craíbas, localizada também na região Agreste.

Pelas redes sociais, o secretário Alexandre Ayres, titular da Semarh, parabenizou o município de Campo Alegre em adotar a política da gestão responsável dos resíduos em Alagoas.

Dados atualizados da Semarh mostram que 39 lixões já foram encerrados em Alagoas durante 35 meses da gestão do governador Renan Filho. Somando-se a Maceió, que destina seus resíduos sólidos para o seu aterro sanitário desde 2014, Alagoas o Estado tem 40 lixões finalizados.

AL sem Lixões

Atualmente, as cidades que destinam adequadamente seus resíduos e encerraram seus lixões são: Olho d’ Água das Flores, Batalha, Senador Rui Palmeira, Carneiros, Monteirópolis, São José da Tapera, Olivença, Santana do Ipanema, Belo Monte, Pão de Açúcar, Maravilha, Palestina, Cacimbinhas e Dois Riachos, na região do Sertão.

No Agreste, as cidades são Arapiraca, Limoeiro de Anadia, Coité do Nóia, Igaci, Taquarana; Craíbas, São Sebastião, Lagoa da Canoa, Junqueiro, Feira Grande, Girau do Ponciano, Paulo Jacinto, Traipu e Campo Alegre.

Os municípios da Região Metropolitana também encerraram os lixões. São eles: Pilar, Santa Luzia do Norte, Atalaia, Marechal Deodoro, Satuba, Messias, Mar Vermelho, Rio Largo e Coqueiro Seco.​