Esporte

6 de dezembro de 2017 14:57

Jornal português dispara contra Douglas e Gabigol, ambos no Benfica

Jornal Tribuna Expresso foi responsável por detonar os dois jogadores em uma publicação

↑ Douglas atuou os 90 minutos do duelo contra o Basel (Foto: Patrícia de Melo Moreira / AFP)

A dupla de brasileiros contratada pelo Benfica no início desta temporada não vive um bom momento. Pelo contrário, Douglas e Gabigol, para além das poucas oportunidades que têm recebido com o técnico Rui Vitória, são alvos de duras críticas por parte da imprensa do país. O jornal Tribuna Expresso foi responsável por detonar os dois jogadores em uma publicação, por meio da qual comentou o desempenho de cada jogador na derrota desta terça-feira para o Basel, por 2 a 0, em pleno Estádio da Luz, pela Liga dos Campeões.

“Diz-se que todo jogador brasileiro habilidoso tem samba no pé. É um duplo elogio: louvamos o jogador e celebramos o patrimônio cultural do seu país de origem. O Brasil merece. Mas, e quando se dá o caso inverso?”, escreveu o veículo, introduzindo a parte do lateral, que dá título à matéria. “Douglas é o desflorestamento da Amazônia, é o sistema judicial decadente, é o déficit da educação, é um remix drum n’ bass de Marcos Valle, balada de Chitãozinho e Xororó em looping, é um assalto à mão armada no Rio de Janeiro, é o escândalo da Petrobras, é pau, é pedra, é o fim do caminho, esperem, não, isso não será com certeza. Douglas é tudo o que o Brasil tiver de mau, no pé”, completou.

Sobre o atacante revelado pelo Santos, que pertence à Inter de Milão, o jornal também não poupou críticas.”Tem neste momento mais tatuagens do que decisões inteligentes com a bola nos pés ao serviço do Benfica”, afirmou.

Não foram todos os brasileiros que sofreram com as farpas do diário lusitano. O atacante Jonas foi um dos atletas que ‘se salvaram em meio ao caos’. “Parecia a Angelina Jolie numa daquelas visitas à África subsaariana – beleza rodeada por miséria”.

A péssima campanha do Benfica na Liga dos Campeões foi o principal motivo de tal insatisfação. O time foi eliminado da competição ainda na primeira fase, ao perder todos os seis jogos que disputou no Grupo A, que também contou com Manchester United, CSKA de Moscou, e o Basel, da Suíça. Por mais que Douglas e Gabigol não estejam recebendo muitas chances na temporada, o lateral atuou os 90 minutos e o atacante entrou no segundo tempo.