Entretenimento

16 de Abril de 2018 10:21

Últimos capítulos! Patrick mata Renato em ‘O Outro Lado do Paraíso’

O vilão tentará se safar do sequestro de Tomaz, mas será surpreendido pelo grupo de Clara

↑ Foto: Reprodução/TVGlobo

O plano de Renato (Rafael Cardoso) para sequestrar Tomaz (Vitor Figueiredo) e sair milionário irá pela culatra nos últimos capítulos de O Outro Lado do Paraíso. O médico, exigindo R$ 100 milhões em barras de ouro pelo resgate do filho de Clara (Bianca Bin), morrerá pelas mãos de Patrick (Thiago Fragoso) ao tentar se dar bem. As informações são de Patrícia Kogut, do jornal O Globo.

Para resgatar Tomaz, Gael (Sergio Guizé) se prontificará à missão, indo ao local informado por Renato. Antes disso, porém, Bruno (Caio Paduan) entrará para a equipe e concordará com a ideia de Clara para encurralar o inimigo. Desta forma, o grupo estará armado.

Gael se comunicará com os amigos pelo celular durante o trajeto até o médico. No local, ele levará dois baús pesados, fazendo Renato pensar que se trata de ouro. Contudo, somente as duas primeiras fileiras são compostas pelas barras; o resto são placas de metal. Satisfeito com a troca, o mau-caráter abandonará o local ainda com Tomaz, garantindo que dará instruções depois.

O filho de Sophia (Marieta Severo) seguirá o vilão com os faróis apagados, invadindo a casa de Juvenal (Anderson Di Rizzi) posteriormente. Renato estará na residência e será surpreendido com a aparição de seu opositor, mas não perderá a pose e dirá: “Resolveu bancar o valente, Gael?”. “Eu quero meu filho de volta”, esbravejará o playboy. Será aí que o confronto começará.

O médico atingirá Gael na barriga, derrubando-o no chão. Logo em seguida, Clara, Patrick e Bruno entrarão na casa, o delegado apontando uma arma e declarando a prisão do bandido. Contudo, a equipe vai se distrair com Gael ensanguentando, e Renato aproveitará para capturar a arma do moribundo.

“Abaixem as armas ou eu mato a Clara”, anunciará. Um policial tentará impedir o assassinato, mas será morto. Patrick, então, sacará sua pistola disfarçadamente, disparando contra Renato logo após. O tiro acertará o pescoço do rival, que, assim como Gael, tombará no chão. “Eu vou sair livre. Foi legítima defesa. Mas você mereceu. Você matou minha tia Beatriz [Nathalia Timberg]”, dirá o advogado antes de Renato falecer.

Fonte: Metrópoles

Comentários

MAIS NO TH