Economia

12 de janeiro de 2018 11:19

Mais de dois milhões de turistas visitaram Alagoas em 2017

Dados são da Infraero e revelam que fluxo de passageiros no Aeroporto Zumbi dos Palmares cresceu 3,65% ano passado

↑ Sedetur aponta que turismo já é o segundo maior segmento da economia alagoana e estima que Alagoas segue a passos largos em direção à liderança (Foto: Ascom)

Alagoas e suas belezas naturais e atrativos turísticos, internacionalmente reconhecidos, têm atraído cada vez mais turistas. Prova disso são os dados do fluxo de passageiros do Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares, principal porta de entrada no Estado, que apontaram um crescimento de 3,65% no número de turistas em 2017 com relação ao ano anterior, superando a marca de dois milhões de passageiros, chegando ao total de 2 milhões 68 mil e 270 passageiros.

Com relação ao mês de dezembro do ano passado, o crescimento é ainda maior. Somente naquele mês, 209.581 mil passageiros passaram pelo Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares, número 8,70% maior do que o mesmo mês de 2016, quando pouco mais de 192 mil turistas estiveram em terras alagoanas.

Ainda segundo os dados repassados pela Infraero, Alagoas cresceu por oito meses consecutivos em movimentação de passageiros, acumulando índices de até 13% de aumento, como aconteceu no mês de agosto do ano passado. Em comparação aos anos anteriores, Alagoas cresce neste indicativo há quatros anos consecutivos.

À frente da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico (Sedetur), Rafael Brito ressalta a importância do índice para a economia do Estado.

“O turismo já é o segundo maior segmento da economia alagoana e segue a passos largos em direção à liderança. Superar a marca de dois milhões foi fruto de um intenso trabalho e ações do Governo do Estado, a exemplo da redução do ICMS sobre o combustível de aviação (QAV), que tornou Alagoas um destino mais atrativo para as companhias aéreas. Em 2018, iremos continuar com o trabalho de atração de novos voos, promoção do destino, qualificação dos produtos turísticos e capacitação dos prestadores de serviço. Com isso iremos fomentar ainda mais esta atividade tão importante para Alagoas”, explica o secretário Rafael Brito.

Fonte: Agência Alagoas