Cidades

6 de dezembro de 2017 10:52

Judiciário e Grupo Gay de Alagoas promovem casamento coletivo LGBT na próxima segunda

Cerimônia ocorrerá no Teatro Linda Mascarenhas, no bairro do Farol, e será conduzida pelo juíza Eliana Augusta Acioly

↑ Primeiro casamento coletivo LGBT ocorreu em dezembro de 2015, no Teatro Deodoro, em Maceió. (Foto: Caio Loureiro)

O Poder Judiciário de Alagoas, por meio do projeto Justiça Itinerante, promove casamento coletivo com casais homoafetivos, na próxima segunda-feira (11), às 15h. A cerimônia ocorrerá no Teatro Linda Mascarenhas, ao lado do Cepa, no Farol, e será conduzida pela juíza Eliana Augusta Acioly.

Até o momento, o casamento conta com 47 inscritos. Os interessados em oficializar a união devem levar os seguintes documentos: certidão de nascimento original, certidão de casamento com averbação do divórcio (caso algum deles seja divorciado) e certidão de casamento e de óbito (caso algum deles seja viúvo), além das cópias do RG, do CPF e do comprovante de residência. A habilitação dos pretendentes começa às 8h.

Este será o segundo casamento coletivo LGBT realizados em Alagoas. O primeiro ocorreu em dezembro de 2015, no Teatro Deodoro. Na ocasião, foi oficializada a união de 20 casais.