Cidades

23 de novembro de 2017 08:02

Repórter da Jorgraf vence Prêmio Nacional

Ana Paula Omena foi premiada na categoria internet/texto na 11ª edição do Abracopel de Jornalismo, realizada em São Paulo

↑ Ana Paula Omena durante solenidade de entrega do troféu na noite da última terça-feira; repórter também foi finalista na categoria jornal impresso (Foto: cortesia)

A repórter Ana Paula Omena do portal Tribuna Hoje,  um  dos produtos da Cooperativa dos Jornalistas e Gráficos do Estado de Alagoas (Jorgraf), venceu na noite da última terça-feira (21), em São Paulo, a 11ª edição do Prêmio Abracopel de Jornalismo na categoria internet/texto. O trabalho inscrito por ela foi “Quase 1.900 estudantes ficam sem aula por risco de choque elétrico”.

Além de vencer na categoria internet/texto, a repórter também foi finalista na categoria jornal impresso com a reportagem “Danos na rede elétrica causados por fogueiras podem gerar notificação’’ publicada no jornal Tribuna Independente, um outro produto da Jorgraf.

A repórter já traz em sua bagagem profissional algumas premiações. Segundo ela, em 10 anos de atuação já são 10 prêmios entre estaduais, regionais e nacionais.

“Foi uma honra e uma emoção à parte participar desse prêmio nacional. A primeira vez foi em 2015 e agora novamente. Só tenho a agradecer a Deus pela oportunidade de me manter firme na missão de levar o bom jornalismo, aos diretores da Jorgraf, Paulo Gabriel e Flávio Peixoto, pelo incentivo. Aos jurados, pela escolha do meu trabalho e aos organizadores do Prêmio Abracopel, Edson e Meire Martinho. Esse é décimo prêmio na minha carreira, entre estaduais, regionais e nacionais”, contou Omena,  emocionada.

Matéria vencedora foi publicada no Tribuna Hoje em maio deste ano (Imagem: Reprodução)

 

Os veículos finalistas que disputaram com o portal Tribuna Hoje na categoria internet/texto, foram: R7, Mundo da Elétrica e Portal Itapetininga.

ALGUNS PRÊMIOS

Entre os prêmios conquistados por Ana Paula estão: A quarta edição do Prêmio Braskem de Jornalismo Saúde e Segurança do Trabalho (SST), promovido pelo Sindicato dos Jornalistas de Alagoas (Sindjornal) em parceria com a Braskem, onde ela com a colaboração da jornalista Andrezza Tavares, que também já foi repórter do Tribuna Independente durante 5 anos, levaram o primeiro lugar na categoria impresso texto.

A repórter foi vencedora no Abracopel de Jornalismo, em 2015, cujo tema enfocou a liderança de Alagoas no ranking de mortes por choque elétrico no Nordeste.  No mesmo ano, também venceu o Prêmio Banco do Nordeste, Regional III, com a matéria “Elas são mais que donas de casa, elas são empreendedoras de sucesso”; Ainda em 2015, venceu o Prêmio Braskem de Jornalismo Saúde e Segurança no Trabalho (SST), conquistando o 2º e 3º lugares na categoria webjornalismo, com as reportagens: “Motoboys: profissão quase suicida” e “Matadouros clandestinos ameaçam saúde e segurança do trabalhador”.

Em 2013, venceu na categoria jornalismo impresso texto no Prêmio Sincor de Jornalismo com a reportagem “Escolas de Maceió fazem seguro para alunos: os pais agradecem”, publicada no jornal Tribuna Independente. Ela também foi premiada no Octávio Brandão de Jornalismo Ambiental, com a reportagem “Lagoa Manguaba, santuário ecológico ameaçado”. E finalista na 24ª edição do Prêmio Braskem de Jornalismo, nas modalidades geral e cultura.

Já em  2014, a jornalista repetiu a dose e conquistou o 1º lugar no Prêmio Octávio Brandão de Jornalismo Ambiental, também na categoria jornalismo impresso texto com a reportagem “Maceió: Paraíso das águas poluídas”.

“Conquista comprova qualidade do jornalismo da cooperativa”

Para o diretor financeiro da Jorgraf, Flávio Peixoto, o prêmio comprova a qualidade do jornalismo feito pelos jornalistas da Jorgraf e a dedicação da equipe.

“É mais uma conquista importante para nossa cooperativa e o resultado alcançado pela jornalista Ana Paula Omena na 11ª edição do Prêmio Abracopel de Jornalismo comprova a qualidade e competência de nossa equipe de profissionais do tribunahoje.com, principalmente por ter se tratado de uma disputa nacional’’, parabeniza o diretor financeiro, acrescentando que o empenho dos profissionais da cooperativa é sempre buscando um jornalismo de qualidade.

Para a diretora comercial, Marilene Canuto, a Jorgraf está vivenciando uma nova fase. “Tudo que está acontecendo é fruto de muito comprometimento dos nossos profissionais em produzirem matérias com conteúdo dentro do que é pautado, saindo do trivial e partindo para um produto mais bem elaborado e pesquisado. O trabalho em equipe, a união dos que fazem a cooperativa tem sempre um saldo positivo. E aí está mais uma premiação. Dessa vez um prêmio nacional e por nossa premiada Ana Paula Omena. Não nos surpreende. Essa é a segunda vez que ela ganha um prêmio nacional. Esse com um diferencial. Desta vez ela foi para solenidade receber o prêmio  pessoalmente e representar também  a Jorgraf. E isso tem todo um peso”, comenta.

Canuto comentou ainda que a Jorgraf, com seus produtos Tribuna Independente, portal Tribuna Hoje, Gráfica Tribuna e agora a TV Web, está se consolidando cada dia mais tanto no cenário do jornalismo alagoano quanto nacional. “É o reconhecimento de toda equipe e diretoria envolvida levando a informação com qualidade, conteúdo e independência para os leitores’’, ressalta.

Fonte: Tribuna Independente / Lucas França

Comentários

MAIS NO TH