Engenheira da Braskem torna-se primeira a conquistar certificação internacional - Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas

Cidades

20 Abril de 2017 - 11:24

Engenheira da Braskem torna-se primeira a conquistar certificação internacional

Camila Câncio, da unidade Alagoas da empresa, foi a primeira em todo o Brasil a conseguir a certificação
Assessoria
Camila Câncio conseguiu a certificação da Sociedade Internacional de Automação (Foto: Assessoria) Camila Câncio conseguiu a certificação da Sociedade Internacional de Automação (Foto: Assessoria)

Para celebrar seus 10 anos de trabalho na área de Automação, a engenheira elétrica Camila Câncio decidiu se submeter à certificação da Sociedade Internacional de Automação (ISA, na sigla em inglês) para  e validar e reafirmar sua performance profissional. O que no início  era apenas a certificação de seu desempenho no exercício de suas atividades  se transformou em uma importante  conquista. Com a sua  aprovação no Certificado Profissional de Automação (CAP, na sigla original), no começo de abril, ela se tornou  a primeira mulher no Brasil  a receber  este título, além de ser a única profissional na Braskem, em todo país, a deter este reconhecimento por parte da ISA.

Esta Sociedade, fundada em 1945 e sediada nos Estados Unidos, é a instituição que regulamenta e define as boas práticas na área de Automação Industrial no planeta. Desta forma, a CAP é a única certificação que comprova a capacitação de um engenheiro de automação válida em todos os países do mundo.

Aos 34 anos de idade e há seis na planta PVC da Braskem, em Marechal Deodoro, a engenheira trabalha com automação desde o período de estágio, e ao buscar este reconhecimento, quis testar suas habilidades e se capacitar para outros desafios. Camila pensou em obter o certificado CAP inspirada em um outro integrante da Braskem, Artur Toledo, que hoje está em uma unidade da empresa nos Estados Unidos. Ela sabia que seria a única profissional da Braskem no Brasil a ter o reconhecimento, mas ficou surpresa ao saber que foi uma pioneira entre as mulheres no Brasil.

“Soube disso através de uma publicação da Revista Controle & Instrumentação, que me parabenizou na página deles no Facebook. Eu senti muito orgulho de ser a primeira mulher no Brasil a ter o CAP e espero que isso sirva mais ainda de inspiração para que outras mulheres também se disponham a tirar a certificação e avancem na Engenharia e dominem também esta área”, comemorou Camila.

Preparação e empenho

Atuando numa  atividade que, por si,  já exige muita dedicação, Camila passou todo o ano de 2016 estudando para a prova de certificação, cumprindo um cronograma diário de leitura e resolução de questões de provas do CAP. “A cada questão, de múltipla escolha, eu fazia um pequeno resumo do conteúdo teórico que se aplicava àquele caso, para facilitar a assimilação do aprendizado. Eu tinha também o livro padrão de preparação para a certificação e agendei minha prova para o começo deste ano, no período das minhas férias, para poder estudar mais e revisar o que já tinha aprendido”, explicou.

Com todas as etapas cumpridas, ela partiu para Recife, onde a prova foi aplicada. Foram quatro horas para responder 175 questões sobre a prática de Automação. Em inglês. O resultado  foi divulgado logo após o término da prova. “Quando saiu o resultado , e eu vi que fui aprovada, senti uma alegria muito grande, como se estivesse recebendo um presente pelos  10 anos trabalhando com Automação”, relembrou Camila, que contou com o incentivo e a  torcida de seus colegas de fábrica, hoje orgulhosos por seu sucesso.

Uma conquista que inspira e motiva outros integrantes, homens e mulheres,  na busca de novas certificações dentro da Automação, e que destaca o estado de Alagoas em todo o país, como lembrou Francisco Brasileiro, líder de Camila na PVC.

“O exame de certificação reflete o conhecimento teórico, prático e as habilidades necessárias para o desempenho em alto nível de um profissional de Automação. Fico muito orgulhoso com a conquista da Camila e a grande repercussão deste feito no âmbito da Automação. Temos uma equipe extremante qualificada e dedicada aqui em Alagoas e este reconhecimento permite uma maior divulgação das realizações desta área”, afirmou Francisco.

Comentários

O Tribuna Hoje coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Digite o código abaixo para enviar seu comentário.