Restaurante popular recebe melhorias estruturais e garante acessibilidade - Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas

Cidades

17 Fevereiro de 2017 - 11:58

Restaurante popular recebe melhorias estruturais e garante acessibilidade

Seades e SESC debatem parceria para novas unidades na capital e interior funcionarem no formato de restaurantes-escola
Ascom / Seades-AL
Restaurante popular no Benedito Bentes (Foto: Ascom / Seades-AL) Restaurante popular no Benedito Bentes (Foto: Ascom / Seades-AL)

O restaurante Prato Cheio, no Complexo Habitacional Benedito Bentes, parte alta de Maceió, vai receber melhorias nas instalações elétricas e hidráulicas e passar por adaptações que vão garantir o acesso de pessoas com deficiência à unidade. O Prato Cheio serve diariamente 1.250 refeições e é administrada pela Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social (Seades).

Na quarta-feira (15), o secretário do Desenvolvimento Social Fernando Pereira e os superintendentes de Administração e de Segurança Alimentar e Nutricional da Seades, Paulo Teixeira e Antonino Cardozo, fizeram uma vistoria nas instalações do restaurante popular, acompanhados de representantes do SESC, Sebrae e Fecomércio.

“As melhorias vão solucionar as dificuldades que temos aqui com a rede elétrica subdimensionada e com a acessibilidade. A ideia, nesse caso, é providenciar o quanto antes a instalação de rampas de acesso para cadeirantes e mesas adaptadas”, disse o secretário Fernando Pereira. 

De acordo com o superintendente administrativo da Seades, Paulo Teixeira, a previsão é de que as adaptações comecem a ser feitas ainda no primeiro semestre. “O atendimento ao público, que acontece até as 14h, não será prejudicado. Vamos trabalhar nas adaptações a partir das 15h e a expectativa é de que elas sejam concluídas rapidamente”, disse Teixeira.

Novas unidades

Durante a visita, o secretário Fernando Pereira e os representantes do SESC debateram a possibilidade de transformação dos novos restaurantes populares previstos para serem construídos em Maceió e no interior do Estado em restaurantes-escola, preparando pessoal para o mercado de trabalho.

“Temos a perspectiva de construção de dois novos restaurantes populares ainda este ano. Queremos a parceria com o SESC no sentido de que essas unidades sirvam também para formar novos profissionais que podem ser aproveitados no ramo da hotelaria e nas redes de restaurantes em todo o Estado”, explicou Pereira.

Segundo o diretor regional do SESC em Alagoas, Willys de Albuquerque, a proposta vem ao encontro dos princípios de responsabilidade social da instituição. “É um projeto muito interessante, onde podemos contribuir para melhorar a situação em comunidades vulneráveis. Vamos realizar um estudo de viabilidade técnica dessa proposta”, afirmou Albuquerque.

Comentários

O Tribuna Hoje coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Digite o código abaixo para enviar seu comentário.