Em fiscalização, oito veículos de transporte de passageiros são notificados - Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas

Interior

11 Janeiro de 2017 - 16:23

Em fiscalização, oito veículos de transporte de passageiros são notificados

Operação do Inmeq/AL vistoriou 68 vans e ônibus e continua até quinta-feira (12)
Agência Alagoas
Além de notificar as irregulares, operação pretende chamar a atenção dos condutores para manter a certificação em dia (Foto: Agência Alagoas) Além de notificar as irregulares, operação pretende chamar a atenção dos condutores para manter a certificação em dia (Foto: Agência Alagoas)

Início de ano é época de grande movimentação nas estradas de todo Brasil e, principalmente, em pontos turísticos como Alagoas. Para garantir a segurança de quem está a passeio, ou utiliza regularmente vans e ônibus intermunicipais, o Instituto de Metrologia e Qualidade de Alagoas (Inmeq/AL) está realizando a fiscalização dos cronotacógrafos destes veículos na rodovia AL-101 Norte, nesta quarta-feira, 11, e quinta-feira, 12.

“Essa é uma operação de rotina, porém o nosso foco são as vans e ônibus que transportam os turistas para verificar se realmente os certificados de cronotacógrafos encontram-se em dia ou vencidos”, relato o fiscal do Inmeq/AL, Osman Navarro Navarro.

O “crono” é o equipamento responsável por medir a distância e velocidade de veículos que realizam transporte de passageiros. A verificação deve ser feita anualmente pelos condutores e empresas que se enquadram na normativa vigente, sendo essa medida obrigatória para garantir o funcionamento correto do medidor.

(Foto: Antonio Barbosa / Agência Alagoas)

No primeiro dia de operação, foram verificados 69 veículos, dos quais oito foram notificados por estarem com o certificado de calibração do equipamento vencido, segundo dados do agentes. O objetivo da operação, além de notificar as irregulares, é chamar a atenção dos condutores para manter a certificação em dia.

“Nós estamos notificando e orientando que as empresas, ou as pessoas físicas, realizem os ensaios para que possam estar circulando dentro da lei e de maneira segura”, afirma o fiscal.

Comentários

O Tribuna Hoje coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Digite o código abaixo para enviar seu comentário.