Seades e Ufal debatem pós-graduação em Desenvolvimento Infantil - Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas

Educação

26 Dezembro de 2016 - 16:08

Seades e Ufal debatem pós-graduação em Desenvolvimento Infantil

Projeto interdisciplinar irá envolver áreas de saúde, psicologia, dinâmica familiar, assistência social, entre outros pontos
Ascom / Seades-AL
(Foto: Ascom / Seades-AL) (Foto: Ascom / Seades-AL)

A criação de um curso de pós-graduação integral em Desenvolvimento Infantil foi debatida nesta segunda-feira (26), na sede da Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social (Seades), pelo superintendente de Avaliação e Gestão da Informação da Seades, Rodrigo Araújo, e o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), Alejandro Frery.

O primeiro contato entre as partes serviu para alinhar diretrizes e analisar possibilidades no processo de criação do curso a partir de uma visão ampla que envolva, de forma interdisciplinar, as áreas de saúde, psicologia, dinâmica familiar, assistência social, entre todos os aspectos necessários para a formação integral da criança.

De acordo com o pró-reitor, essa demanda surge devido à grande preocupação em todas as esferas sociais em relação à ausência de práticas no âmbito da primeira infância. “Se não realizarmos nenhuma intervenção positiva no futuro do nosso Estado, iremos continuar cada vez mais com os índices negativos. A falta de estrutura nesse campo gera problemas para toda a sociedade. Este é um projeto completo, no qual eu acredito muito, então fico muito feliz com o convite da Seades”, explicou Frery.

O superintendente Rodrigo Araújo explicou a escolha da Ufal para realização do curso. “É um projeto que envolve muitas especialidades, buscando o desenvolvimento integral infantil. Isso é algo que a Ufal pode oferecer dentro das diversas áreas em que atua. Ter essas qualificações é essencial no sentido de que podemos contar com um curso preparado para realizar de forma eficiente essa pós-graduação e, assim, capacitar os profissionais em programas voltados para o futuro de nossas crianças”, afirmou.

O secretário de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social, Antônio Pinaud, que articulou o encontro, avaliou que a possibilidade de abertura do curso vai ampliar os horizontes de programas como o Primeira Infância, executado pelo Governo do Estado, e Criança Feliz, do Governo Federal, que deverá ser iniciado em 2017, em 86 municípios alagoanos.

“A pós-graduação em Desenvolvimento Infantil dará o suporte teórico e acadêmico aos profissionais que poderão ser aproveitados na execução dos programas, garantindo um corpo técnico mais qualificado para atuar junto às famílias e às crianças envolvidas nesses programas. Esse será um aspecto fundamental no sucesso dessas iniciativas do Governo do Estado e do Governo Federal em Alagoas”, disse Pinaud.

Comentários

O Tribuna Hoje coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Digite o código abaixo para enviar seu comentário.