Cadê o dinheiro? - Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas

Blog | Roberto Baia

20/04/2017 05:15

Cadê o dinheiro?

Do blogueiro Berg Moraes: Amplamente divulgado pela então vereadora Sheila Duarte (PT), os recursos conseguidos pelo deputado federal Paulão (PT) para a reforma do auditório da Casa Museu Graciliano Ramos, em Palmeira dos Índios, parecem ter se perdido no caminho de Brasília até Alagoas. É que até agora nada foi feito no local, que está sem ser utilizado por conta da situação precária que se encontra.

 

Cadê o dinheiro 2?

Ao que parece, esses recursos destinados pelo deputado Paulão serviram apenas para fazer “auê”. A praça do bairro Jardim Brasil, cujos recursos foram enviados também pelo parlamentar, está com as obras paralisadas há um bom tempo. O local, que está abandonado, serve como ponto para uso de drogas e descarte irregular de lixo. Será que o dinheiro voltou?

 

Santana do Ipanema

Em mais um resultado das operações realizadas pelo Grupo Estadual de Combate às Organizações Criminosas (Gecoc) em janeiro, o Ministério Público do Estado de Alagoas (MPE/AL) ajuizou, na terça-feira (18), uma ação penal (denúncia), com pedido de medidas cautelares, em desfavor do ex-prefeito de Santana do Ipanema, José Mário da Silva e mais nove pessoas. Pesam contra eles a acusação de fraude a procedimentos licitatórios prévios à contratação de estrutura física para as festividades carnavalescas e Festa da Juventude promovidas no município em 2013.

 

Improbidade

Com base na investigação e no material comprobatório, o MPE/AL pede à 17ª Vara Criminal da Capital a condenação dos denunciados pelos crimes de desvio de recursos públicos (art. 1º, I, do Decreto-Lei 201/67); falsidade ideológica (art. 299, caput, do Código Penal); fraude em licitação (art. 90 da Lei. 8.666/93); e composição de organização criminosa (art. 2º da Lei 12.850/13). As penas para os tipos penais vão de multa a penas de reclusão que, no somatório, podem ultrapassar doze anos.

 

Provas

“A peça acusatória demonstrou cabalmente a existência dos crimes narrados, encontrando-se fundamentada em robusta prova, convindo citar a gravação de um vídeo na sede da Prefeitura de Santana do Ipanema, cujo teor evidencia a distribuição ilícita de recursos públicos entre o prefeito, servidores públicos e empresa prestadoras de serviços de montagem de estrutura para eventos festivos”, destaca o MPE/AL na ação penal.

 

Caos na Educação

Sem liderança na Câmara Municipal de Arapiraca, o prefeito Rogério Teófilo não teve quem o defendesse na sessão realizada na terça-feira, 18. Dos 17 vereadores, apenas dois são “Rogerianos”: Sinielza Pessoa e Melquisedec, mas permaneceram em silêncio sepulcral enquanto o “pau cantava” .

E o foco principal, que gerou severas críticas dos vereadores, foi o setor educacional, com a “falta de planejamento para o inicio do ano letivo e superlotação no transporte de estudantes”.  Isso sem falar na falta de merenda para escolas e creches.

 

Escolas interditadas

Durante a sessão, o vereador Rogério Nezinho (PMDB) lembrou que seis escolas da rede municipal de Educação estão interditadas. “E o mais absurdo: 20 unidades ainda não começaram o ano letivo 2017”, afirmou Nezinho que denunciou que as escolas de Tempo Integral não têm previsão de iniciarem as aulas. Ele revelou que no conjunto residencial Brisa do Lago, as aulas começam às 13h e são encerradas às 14h00.

 

Risco de morte

Rogério Nezinho se mostrou preocupado com denúncias formuladas por membros da comissão do Sinteal e do Fundo de Desenvolvimento da Educação (Fundeb). Segundo ele, no Sítio Carrasco, tem ônibus que está fazendo o transporte escolar com até 100 alunos, colocando em risco a vida das crianças. “Será preciso esperar que aconteça algum acidente grave para a gestão municipal tomar uma posição”, indagou o vereador.

 

Vereador indignado

As críticas ao governo tucano tiveram sequência com o vereador Fabiano Leão (PMDB), que cobrou da secretária municipal de Educação, Mônica Pessoa, o envio para a Câmara Municipal da lista com os nomes dos 682 aprovados no Processo Seletivo (PSS), que já foi solicitada há mais de 15 dias pelos pela Casa.

Leão, em seu pronunciamento, mostrou sua indignação com péssima gestão de Teófilo, lembrando que na terça-feira (18), já havia sido anunciada a sexta chamada convocando novos inscritos no PSS.

 

“Buraqueira”

“Está na hora de para de reclamar da gestão anterior e começar a trabalhar”, afirmou Fabiano Leão, acrescentando que alguns secretários, a exemplo do da Secretaria de Obras, têm medo de entrar nos carros dos vereadores para visitarem as ruas que ficaram repletas de buracos com a paralisação das obras do saneamento básico.

 

 

... O secretário de Urbanismo de Palmeira, Marcos Parreco, criticou duramente os serviços de engenharia prestados ao município na gestão anterior e ameaçou apresentar denúncia no CREA. “Que herança... consertar coisas erradas dos outros.

 

... Sou presidente do Tribunal Estadual de Ética [do CREA]. Vou detonar”, disparou. O desabafo é referente a diversas obras do município que estão em estado precário. Recentemente, o telhado do matadouro público desabou.

 

... A vereadora Adelaide França mostrou que não é de levar desaforo pra casa. Recentemente, ela deu o recado a um popular que reclamou porque as sessões legislativas só acontecem uma vez por semana.

 

... “Sessão é para apresentar projetos, indicações e requerimentos. Aprovar ou desaprovar Projetos do Executivo e também emendar. O trabalho maior é junto à população no seu dia a dia, tentando atender as solicitações e reclamações, que não são poucas. Vereador no interior faz papel de assistente social. O eleitor não tem hora de bater na porta de um vereador”, desabafou Adelaide França.

 

Facebook