Blog do Dresch

16 de Maio de 2018

Huck resolve financiar campanhas do PPS

O apresentador da Rede Globo, Luciano Huck declarou que pretende financiar campanhas de candidatos do PPS para cargos no Legislativo. Não especificou quais candidatos irá apoiar, nem quanto vai dispor, e muito menos porque tomou a decisão. Afirmou que pretende doar do próprio bolso para candidatos que hoje fazem curso de formação política no RenovaBR e para nomes que militam no movimento “Agora! ”. Disse também que “não sou a favor de espalhar doações por vários partidos”.

Huck auxilia o PPS 2

O apresentador afirmou ainda que fará todo o possível para “dar visibilidade” a nomes ligados a esses dois grupos. Em relação a cargos majoritários, disse que terá de “esperar um pouco”. Huck destacou também que tem ajudado a financiar as entidades que trabalham pela renovação da política. Questionado sobre o valor que já gastou desde 2017, para manter estes grupos, o marido de Angélica, disse não saber. “Eu não parei para fazer as contas ainda. Estou tentando gastar tempo, energia e dinheiro nos estudos e na formulação da agenda” concluiu.

 

CIA confirma Comissão

O documento liberado pela CIA na semana passada, sobre a ordem dos generais da ditadura brasileira, de exterminar os adversários do regime, representa uma importante confirmação do trabalho desenvolvido pela Comissão Nacional da Verdade (CNV). Segundo a ex-coordenadora da CNV, advogada Rosa Cardoso, o relatório final, entregue em dezembro de 2014, responsabilizou os agentes públicos do alto escalão da ditadura, inclusive os generais Médici, Geisel e Figueiredo, pelas centenas de execuções. A ex-coordenadora disse que faltou colaboração por parte da agência americana, que deveria ter repassado os documentos para análise dos mesmos pela Comissão. Vinculada à Presidência da República, a CNV funcionou de 2012 a 2014 com o objetivo de investigar graves violações de direitos humanos ocorridas no Brasil de 1946 a 1988.

Redução dos trotes

Pode parecer inacreditável, porém o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) registrou uma redução no número de trotes no primeiro quadrimestre deste ano, de 18,76% em comparação com o mesmo período do ano passado. O percentual representa uma redução de 28.685 trotes, uma vez que em 2017 foram 152,825 trotes contra 124.140 nos primeiros quatro meses deste ano. A redução é atribuída ao êxito obtido com programas de conscientização promovidos pelo órgão, a exemplo do “SAMU nas escolas” e o “Conheça o SAMU” desenvolvidos nos últimos anos, e tendo como público alvo jovens e adolescentes.

Redução de trotes 2

De acordo com o major Dárbio Alvim, coordenador do órgão, existem situações dignas de registro como o ocorrido em 22 de abril quando o SAMU recebeu 974 ligações para o número 192, e dessas, 410 foram trotes (42,09%). Mas a quantidade de trotes ainda é motivo de preocupação. Somente no mês passado a Central Maceió recebeu 17.028 trotes o que representou 53,57% das chamadas totais. Também no SAMU de Arapiraca constatou redução nos trotes. Das 16.749 ligações recebidas em abril, 9.866 foram trotes, representando 58,90% do total.

Reeducandos se qualificam

Atualmente em Alagoas, 700 custodiados do sistema prisional estão inseridos no mercado de trabalho. São 34 convênios firmados pela Secretaria de Ressocialização e Inclusão Social (Seris) com secretarias, órgãos e empresas em geral que utilizam uma mão de obra qualificada e que auxiliam na reintegração destes trabalhadores. O mais recente convênio foi firmado com a Secretaria de Planejamento, Gestão e Patrimônio que vai empregar dez custodiados imediatamente, e outros quinze posteriormente.

Reeducandos se qualificam 2

Entre os cursos profissionalizantes ofertados aos presos estão: assistente administrativo, pedreiro, serviços gerais, eletricista e técnico em refrigeração. Além de garantir o sustento de suas famílias, o reeducando apreende uma profissão, ganha uma redução na sua pena e retorna ao convívio social. Os mesmos passam por um processo seletivo criterioso e são acompanhados por uma equipe multidisciplinar. O resultado disso está no percentual baixíssimo de reincidência criminal que é inferior a 2%. “O trabalho contribui para que o custodiado não volte a delinquir. Isso garante a continuidade dos bons resultados já alcançados” diz um dos dirigentes da Seris.

 

  • Dois magníficos quadros, que pertenciam à coleção do bilionário David Rockfeller foram arrebatados por verdadeiras fortunas durante leilão realizado recentemente em Nova York.
  • “Nymphéas em fleur” de Claude Monet, e “Odalisque couchée aux magnólias” de Henri Matisse, fazem parte do testamento deixado por Rockfeller, onde inúmeras obras (além de outros objetos valioso) seriam leiloadas com a renda revertida para instituições de caridade.
  • A tela de Monet que deve ter sido pintada em 1914 e 1917, com tamanho de 1m60 por 1m80 foi vendida pela bagatela de US$ 84,6 milhões.
  • O óleo sobre tela que Matisse pintou em Nice, na França em 1923, de 60,5 cm por 81,1cm, foi arrematado por US$ 80,7 milhões.
  • Apesar dos valores, uma outra obra de arte, igualmente da coleção de David e Peggy Rockfeller, pintada por Pablo Picasso em 1905, foi vendida anteriormente por US$ 115 milhões. O maior valor obtido entre os itens leiloados.