Edmilson Teixeira

24 de Abril de 2018

Alternativa para os desfavorecidos

O desemprego em Alagoas, sobretudo entre as famílias pobres que não têm formação alguma, tem preocupado muitos gestores públicos, que a todo custo buscam um canal de saída. É o caso de Batalha, onde cerca de 700 famílias integram hoje o programa “Batalha Feliz” cuja ação é assegurada pela Prefeitura, como forma de garantir cidadania. A prefeita Marina Dantas (MDB) comemora as condições que garantiram a implantação do tal projeto. Na última semana, ela fez questão de participar de mais uma entrega de cestas básicas. “Estou muito feliz com o avanço desse trabalho, quando na verdade são centenas de famílias beneficiadas que merecem uma atenção especial de nosso governo” comentou.

 

Água Branca

 Movimentação política intensa na última sexta, na cidade sertaneja de Água Branca. Tudo por conta da presença do presidente da Codevasf, Avelino Neiva, que veio a Alagoas, a fim de assinar uma obra de R$ 16,5 milhões. O projeto visa beneficiar 21 comunidades rurais, que reúnem cerca quatro mil famílias que vivem as margens do Canal do Sertão. São comunidades encravadas nos municípios de Água Branca, Delmiro Gouveia e Pariconha.

 

Penedo  

A cruz de pedra em estilo bizantino que há séculos foi erguida na Praça Clementino do Monte apareceu quebrada no último domingo. O objeto, que faz parte da história do município ribeirinho, foi encontrado, por populares, partido ao meio. Assim que a notícia a respeito do fato começou a se espalhar, moradores que realmente amam Penedo e apreciam sua história começaram a postar mensagens em tom de revolta nas redes sociais.

Penedo- novidade

Buscando resgatar, preservar e despertar seu povo para os bens material e imaterial de Penedo, as instituições: Ufal, Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), Prefeitura de Penedo e Universidade de Évora (Portugal), criaram o programa: Penedo: a Criança, a Cidade e o Patrimônio. Inicialmente atuará com crianças da rede pública municipal da educação infantil e seus professores, com três vertentes que se interconectam:  Educacional, Artística e Patrimonial.

Planos

“Vamos revitalizar nossas manifestações culturais, desenvolver pesquisas, resgatar o que é da cidade de Penedo; lendas, brincadeiras, canções e saberes populares e despertar o sentimento de apropriação em nossas crianças. A revitalização do patrimônio imaterial torna possível especificar e denominar a parcela do currículo local como aquele que olha e dialoga com a cultura local e se diferencia da cultura hegemônica”, explicou a professora da Ufal, Lenira Haddad.

Chã Preta – chuva

 

Pena que choveu muito de sábado para domingo no município, e algumas estradas ficaram  bastante encharcadas. É que em Chã Preta, as estradas vicinais estão sendo recuperadas em tempo hábil, por meio de máquinas pesadas da Prefeitura. Algumas localidades foram beneficiadas por esse tipo de trabalho, ao longo da última semana. A ação proporciona para os pequenos agricultores, sobretudo as famílias que residem nos povoados muita felicidade.

 

Chã Preta – lixo

 

Pois agora em Chã Preta, a Prefeitura que recentemente decretou o fechamento de seu lixão, começa  a trabalhar, a fim de sensibilizar a população quanto ao manejo correto do lixo doméstico. Na sexta-feira última, a prefeita Rita Tenório ladeada do secretário de Infraestrutura, Marcos Vasconcelos, esteve nas escolas panfletando e conscientizando  estudantes, pais e professores, sobre a questão dos resíduos sólidos. É que todo material agora coletado na cidade está sendo destinado para a central de tratamento da região metropolitana de Maceió, que fica no município do Pilar.

Jornal

Por falar em Chã Preta, está sendo organizada uma sessão solene para o mês de maio na Câmara Municipal, a fim de celebrar os 130 anos do jornal “O Camponez”. Segundo o edital-chefe deste periódico o advogado Olegário Venceslau  haverá a sua distribuição gratuita aos presentes. Ainda segundo Venceslau este jornal centenário tem contado com o apoio de grandes colaboradores e amantes da cultura local: Ari Vasconcelos, Tó Teixeira, Padre Geraldo Filho, Sinval Clemente, José Celso Passos, Hugo Novaes, Célio Rebelo, Samuel Duarte, Sérgio Aguiar dentre outros.

Santana do Ipanema

Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura (Seagri), fez ontem em Santana a distribuição de quarenta equipamentos, entre ensiladeiras e batedeiras de cereais, aos agricultores familiares de associações e cooperativas do município. Para aquisição dos equipamentos, foram investidos R$ 600 mil, recursos provenientes da parceria entre o Governo Federal, por meio do Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA), e do Governo de Alagoas.

Integral

Tramita na Assembleia Legislativa projeto de lei de autoria governamental, que institui o Programa Alagoano de Ensino Integral (Palei), no âmbito da Rede Estadual de Ensino de Alagoas. O objetivo é o  de adequar as unidades de ensino já em funcionamento, ou que vierem a fazer parte do Programa, para a oferta de Ensino em Tempo Integral.

Meta

O Programa tem como finalidade, entre outras coisas, assessorar o desenvolvimento integral dos estudantes do ensino fundamental e médio, considerando suas diferentes necessidades e promovendo a formação de sujeitos capazes de se inserir de forma crítica e autônoma na sociedade; elevar a qualidade de ensino; preparar o estudante para o exercício da cidadania, para o mundo do trabalho e vida acadêmica; e promover a integração da Escola com o Território.