Roberto Baia

13 de Abril de 2018

Novo escândalo

Em entrevista coletiva na manhã de quinta-feira, 12, na sede da Polícia Federal, o delegado Regional de Combate ao Crime Organizado, Agnaldo Mendonça Alves, revelou detalhes da operação realizada no início da manhã em Campo Grande. Segundo ele, um servidor da secretaria de Assistência Social da prefeitura é o principal suspeito no envolvimento das fraudes de saques de parcelas do Programa Federal do Bolsa Família.

Organização criminosa

O delegado afirmou que a organização criminosa cadastrava pessoas com suposto “registro familiar”. “A quadrilha também falsificava documentos e inseria no registro pessoas que nem sabiam que participavam do programa, para fazer a posterior arrecadação do dinheiro”, disse Agnaldo Mendonça.

Depoimentos

O delegado Agnaldo Mendonça também revelou que mais de vinte pessoas já foram ouvidas e em depoimento disseram que não sabiam que estavam cadastradas no Bolsa Família.

“O prejuízo total foi de R$ 17.900,00, o que daria para pagar cerca de 500 famílias que estão cadastradas de maneira legal no Bolsa Família”, concluiu.

Novo reitor

Em cerimônia ecumênica no hall do prédio da Reitoria, em Arapiraca, na manhã de quarta-feira (11), o reitor da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal), Clébio Correia de Araújo, apresentou a nova equipe que deverá assumir os cargos de gestão da instituição, bem como os princípios norteadores dos trabalhos que serão realizados em todas as unidades da Uneal.

Cadeia neles

Alguns prefeitos do interior alagoano insistem em trilhar no caminho obscuro da “bandidagem”, desviando recursos públicos a torto e a direito. Acreditando na impunidade de tempos atrás, onde os gestores andavam até com talões de cheques em seus bolsos, metem a mão na grana do povo como fosse sua propriedade.

Vida de luxo

Alguns deles esbanjam “riquezas” e do dia para a noite passam a andar em carros de luxo, a morar em apartamentos à beira-mar e compram fazendas, chácaras e sítios, dentro e fora do Estado de Alagoas.

É mole?

Novo momento

Hoje, Alagoas vive um novo momento e o exemplo está nas prisões de prefeitos e ex-prefeitos que estão pagando por seus “pecados” nos presídios, recebendo o mesmo tratamento de presos comuns, com direito a companhia de assessores que ajudaram a arrombar os cofres públicos. Só para se ter uma ideia, estão lá os ex-prefeitos de Canapi, Celso Luiz; de Girau do Ponciano, Fabinho Aurélio; de Campo Grande, Arnaldo Higino, dentre outros.

Caça aos corruptos

E a caça aos gestores municipais corruptos continua com toda intensidade, unindo órgãos e instituições públicas sérias como a Justiça, o Ministério Público e a Polícia Federal.

E um aviso aos navegantes, principalmente de uma importante cidade do interior: todo cuidado é pouco ao formar suas equipes. Como diz o provérbio português: “Paga o justo pelo pecador”.

Brecha

Segundo a lei, qualquer pessoa deve estar filiada a algum partido até o dia 7 de abril para ter direito a disputar a eleição. Mas, segundo um dirigente partidário, ainda existem brechas na lei eleitoral que podem permitir exceções à regra. Segundo o sistema Filiaweb, é possível promover filiações até esta sexta-feira, 13.

O TSE só divulga a relação de filiados após o dia 15. O sistema continua aberto até o dia 13. O que vale até o dia 7 é apenas a ficha de filiação no partido.

Mais lazer

A população de Arapiraca ganhou um novo espaço para a prática de atividades físicas e lazer que beneficiará a 13 mil estudantes da rede estadual. O Governo de Alagoas a parte esportiva do Centro de Educação Integral

Mário César Fontes, que vai contemplar a população com ações de educação, sociedade, cultura e esporte.

Duplicação

Parte integrante de um dos maiores projetos de melhoria viária de Alagoas, o primeiro trecho de duplicação da AL-220, Maceió-Arapiraca está a um passo de ser concluído. Com trabalhos ao longo dos mais de 18 quilômetros de extensão, conectando Barra de São Miguel até São Miguel dos Campos, a obra já está com 80% dos serviços concluídos e deverá ser entregue ainda no mês de maio.

…Nesta última etapa, as atividades seguem em três frentes distintas e simultâneas.

…Mais avançados, os serviços de terraplanagem, que consistem na regularização do solo, já estão 97% executados em todo o trecho; os trabalhos de pavimentação chegam aos quilômetros finais com 70% das ações concluídas.

…Já a construção das barreiras de segurança também continua em ritmo acelerado, com 75% dos serviços realizado