Flávio Gomes

3 de Abril de 2018

“Pega a Netflix”

De J. R.Guzzo, em “Veja”: “No momento, o que está deixando a esquerda em estado avançado de cólera é a série ‘O Mecanismo’, uma produção internacional do diretor José Padilha, que está sendo exibida pela Netflix e cujo enredo se inspira no ambiente de ladroagem sem limites criado no Brasil a partir, principalmente, da chegada do PT ao governo do país. Não é um documentário. É uma obra de ficção… Mas a história de Padilha é tão parecida com a vida real, e tão parecida com a roubalheira comandada pelo complexo Lula-PT, que o ex-presidente e sua turma saem muito mal na foto – saem horríveis, na verdade. Tiveram então, mais uma vez, a reação automática que têm diante de qualquer obra que não gostam: apelam para a repressão. Lula prometeu ‘processar a Netflix’; disse que não vai ‘aceitar isso’. Eis aí o mundo petista em seu estado mais puro. Lula não tem de ‘aceitar’ ou ‘não aceitar’ coisa nenhuma. Não cabe a ele permitir ou proibir nada, nem selecionar para a exibição pública apenas os filmes que aprovar. Mas é exatamente assim que a esquerda pensa e age no Brasil. Para filmes, músicas, exposições, páginas do Facebook, imprensa em geral – eles estão convencidos de que só deve ser publicado aquilo que autorizarem. Não podem impor essa censura agora. Mas dão a impressão exata de que vão fazer isso assim que puderem. É o tal ‘controle social da mídia’.”

 

Bola fora

O governador Renan Filho determinou o cancelamento do ato de assinatura do patrocínio da Caixa Econômica ao CRB e ao CSA, que ocorreria domingo, no Museu de Esportes do Trapichão, antes do clássico. Gilberto Ochhi, então presidente da Caixa, viajou de Brasília para Maceió somente para a solenidade.

Na canela

O senador Benedito de Lira, padrinho político de Ochhi, criticou a atitude de Renan Filho, segundo revelou a Davi Soares, no site “Diário do Poder”: “O governador não pode se envolver em atitude tão pequena e contrária aos clubes. É ridículo, mas comum na Alagoas de hoje. Um ato pequeno, ridículo e que depõe contra o Estado”.

Versão

José Thomaz Nonô, presidente do DEM/AL, confirmou no programa “Conjuntura”, da TV Mar, que esteve com Renan Filho, mas nega ter feito algum acordo. Foi tratar das candidaturas de deputado do seu partido, a pedido dos interessados. Quando ao apoio a governador, tem conversado até com Rodrigo Cunha, da oposição.

Ao futuro

Luciano Barbosa deixa a secretaria estadual da Educação e se dedica às atividades de vice-governador. E, salvo mudanças ao longo do percurso, é o favorito para continuar vice. A se confirmar, Luciano Barbosa será efetivado governador, caso Renan Filho seja reeleito e renuncie em 2022 para concorrer ao Senado.

Perseverança

A Liga de Saúde e Espiritualidade recebeu para palestra o médico Hemerson Casado, portador de Esclerose Lateral Amiotrófica, que disse: “Tive a impressão de que a vida não tinha mais saída. Hoje aceito minha doença e agradeço a misericórdia de Deus por estar superando o tempo que me deram de sobrevivência de forma ativa”.

Aposta

O deputado federal Givaldo Carimbão, novo presidente do Avante, tem como certo que Renan Calheiros será reeleito para o Senado e o também deputado federal Maurício Quintella conquistará a outra vaga. Para governador, Carimbão considera favas contadas a reeleição de Renan Filho, favorito absoluto na disputa.

Hum…

Site “O Antagonista”: “Autoridades federais estão intrigadas com os tiros na caravana de Lula. Isso porque, pelo aspecto das perfurações, os disparos devem ter sido feitos à curta distância e com o veículo parado. Essas autoridades dizem que, quando um veículo é atingido em movimento, a marca da bala deixa um aspecto de rasgo ou ‘respingo’. No entanto, as marcas mostradas são redondinhas.”

*Acontecem hoje, em todo o Brasil, manifestações em favor da prisão do ex-presidente Lula, condenado em duas instâncias judiciais. Em Maceió a concentração é anunciada para as 18 horas, na chamada “Praça do Alagoinhas”, orla de Ponta Verde.

*Por iniciativa do semanário “A Notícia”, acontece hoje a primeira apresentação de “Perguntar não ofende”, com o jornalista Elias Ferreira entrevistando o juiz aposentado Diógenes Tenório. Às 20 horas, no Restaurante Filé do Zezé, no Stella Maris.

* O projeto “Arte da Palavra – Rede Sesc de Leituras” chega a Alagoas. Hoje, em Maceió (Complexo Cultural Teatro Deodoro); amanhã, em Arapiraca (auditório da Ufal), depois de amanhã, em Palmeira dos Índios (Academia Palmeirense de Letras).

*Teatro, artesanato, música, circo, literatura e culturas afro-brasileira e popular…  Agora escolas públicas de Maceió contam com atividades da Rede Municipal de Pontos de Cultura, implantada mediante convênio firmado com o Ministério da Cultura.

*Definidos ontem os dias 2 e 23 de maio para as quartas de final da Copa do Nordeste. De Alagoas somente o CRB ainda participa. Chave 1: Santa Cruz x ABC; Chave 2 : Vitória x Sampaio Corrêa; Chave 3 : Ceará x CRB; Chave 4 : Bahia x Botafogo.

*O CRB ganhou do CSA, por 1×0, mais uma vez graças a falhas individuais do adversário. Foi um jogo ruim, em que os times pareciam ter medo um do outro. Agora o CRB só precisa empatar, no próximo domingo, para ser tetracampeão.

“Não passa pela minha cabeça disputar o cargo de vice”

Marx Beltrão

Deputado federal, reafirmando a Carlos Amaral, nesta Tribuna Independente, que é candidato ao Senado