A Palavra em palavras

27 de Março de 2018

GARÇOM (Parte 2)

Garçom, a conta, por favor!

Não quero sair e deixar dívidas.

Quero, nas nuvens, deitar.

.

Como dize-me que foi paga?

Tanto que aqui bebi e comi…. E desperdicei…

Tantas vezes que me serviste a Mesa e nem cheguei.

Elevaste o Sacrifício e não O enxerguei.

.

E agora tu me dizes que era o Senhor, no Altar,
E me parecia ser só uma mesa. E agora…

Compreendo que era Deus – naquelas pessoas

ao Livro – que me inflamava os ouvidos coa fé, meu Deus!

.

Confesso a ti meus pecados.

E deles eu já havia perdido a conta.

E Quem pagou foi o Deus Amado.

.

Maceió, 23 de março de 2018.

Alisson Francisco Rodrigues Barreto.1

1Alisson Francisco Rodrigues Barreto é poeta, filósofo, bacharel em Direito, pós-graduado. Seminarista, cursando Teologia no Seminário Arquidiocesano de Maceió. Autor do livro Pensando com Poesia (disponível em clubedeautores.com.br e americanas.com), bem como do blog A Palavra em palavras (disponível em TribunaHoje.com, desde 2011).