Flávio Gomes

21 de Fevereiro de 2018

As razões de Temer

Jornalista Ricardo Noblat: “A intervenção na insegurança pública do Rio foi a maneira esperta, talvez a única, para que Temer avisasse aos interessados: estou vivo e não pretendo morrer antes do tempo. Se o resultado for apenas sofrível, ele sairá no lucro. Se for um desastre, dirá que tentou e não fugiu à luta. Bobagem a história de que os militares, treinados para matar, não saibam o que fazer para contornar o colapso das forças policiais de um Estado. Esse é um dos papéis que lhes cabem de acordo com a Constituição. São treinados para isso também. Têm planos para tudo. O crime organizado capturou parte das forças de segurança no Rio e infiltrou-se no aparelho do Estado. Em nenhum outro lugar do país isso aconteceu em tais proporções. Teria sido cômodo para Temer deixar que o problema fosse enfrentado pelos novos governantes a serem eleitos. É possível que daqui a 10 meses ele conclua que correu um risco desnecessário. Mas decidiu correr e pelo menos os cariocas, a julgar pelos dados das primeiras pesquisas conhecidas, estão muito gratos. Surpreendidas com a intervenção, a esquerda burra (PT) e a direita igualmente burra (Bolsonaro et caterva) procedem como de costume. Na contramão do sentimento compartilhado por ricos e pobres, torcem para que tudo dê errado e apostam nisso suas fichas. Tomara que percam.”

A conferir

A serem levadas em conta as informações de bastidores, o governador Renan Calheiros Filho, candidato à reeleição, hoje teria como candidatos ao Senado o pai, Renan Calheiros, e Marx Beltrão. Já Rui Palmeira, possível opositor seu, teria Benedito de Lira e Mauricio Quintella como seus candidatos às duas vagas ao Senado.

Opções

Faltaria, para Renan e Rui, a indicação do candidato a vice-governador. Correndo por fora, tanto para o Senado quanto para o cargo de vice, circulam os nomes do deputado estadual Rodrigo Cunha e do Procurador Geral de Justiça, Alfredo Gaspar de Mendonça. A cada dia mais aumenta a pressão sobre eles dois.

Agenda

Informação do site “Cada Minuto”: “Rui Palmeira já marcou, na próxima sexta-feira, reunião com o seu vice Marcelo Palmeira, que governará Maceió pelos próximos dois anos. Sexta é o dia ‘zero’ da transição, onde serão discutidas quais secretarias ficam com os titulares atuais e quais mudanças serão feitas.”

Corpo a corpo

Lideranças sindicais e do PT resolveram fazer marcação cerrada sobre parlamentares que apoiam Michel Temer, no embarque do Aeroporto Zumbi dos Palmares. A primeira vítima foi o senador Benedito de Lira. Os deputados Ronaldo Lessa, Givaldo Carimbão, Paulão e Cícero Almeida, de oposição, passaram ilesos.

Concorrência

Mílton Hênio Vasconcelos revelou, ontem, ao assumir a presidência da ABIH/AL: em Maceió a hospedagem alternativa (aluguel de imóveis por temporada) representa 8% do total de leitos para turistas e não paga nenhum tributo. “Um hotel de 160 apartamentos deixa R$ 1,5 milhão em tributos no seu primeiro ano”, comparou.

Otimismo

Já Glênio Vasconcelos, presidente do Maceió Convention & Visitors Bureau, disse que está prevista a implantação de novos 2.500 leitos em hotéis e pousadas de Alagoas ao longo de 2018. Ressaltou ainda que a maior parte dos empresários de hotelaria do Estado é daqui mesmo, realizando um trabalho de qualidade.

Opinião

Carlos Ari Sundfeld, na “Folha”: “Curioso foi o presidente anunciar que, para votar a emenda constitucional da reforma da Previdência, algo proibido na vigência de intervenções federais, poderia revogar a medida, que depois voltaria. Mas ela não era indispensável para conter o grave comprometimento da ordem pública?”

*Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados, queixando-se de Michel Temer por anunciar pauta de projetos econômicos em tramitação no Legislativo: “Foi desrespeito ao parlamento, já que os projetos já estão aqui. Isso é um abuso.”

*O sinal analógico de TV será desligado em 30 de maio na região de Maceió. A Seja Digital, entidade não governamental responsável pelo processo de digitalização da TV no Brasil, explicará a transição a jornalistas, hoje, 10 horas, no Ritz Lagoa da Anta.

* Um seminário sobre a cadeia produtiva de Ovinocaprinocultura que acontece, de hoje até 6ª feira, 23, no Centro Xingó, em Piranhas. A abertura do evento será às 9 horas, com apresentação de um estudo centrado no Território da Chapada do Vale do Itaim.

*O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional em Alagoas, com apoio do Governo de Alagoas, promove hoje o seminário “Discutindo o Forte Bass: História, Arqueologia e Restauração”. Às 9 horas, na Casa do Patrimônio de Maceió, em Jaraguá.

* Dirigida por Afonso Marinho Espíndola Filho, a Ouvidoria da Ufal gerencia elogios, críticas, sugestões e denúncias que a instituição recebe. Atendimento presencial, no Campus A. C. Simões, e-mail ouvidoria@ufal.br ou pelos telefones 3214.1908/1906.

*O caminhão escola do projeto Luz do Saber, da Eletrobras Alagoas, apresentando dicas de eficiência energética e segurança, estará hoje na cidade de Taquarana e amanhã em São Sebastião. Sempre das 9 às 15 horas, com acesso gratuito à população.

*O CSA recebe o Salgueiro hoje, 19h30m, no Trapichão, pela Copa do Nordeste, querendo esquecer de vez a eliminação da Copa do Brasil. A torcida está motivada pela goleada de 5×0 no Dimensão Saúde e pela estréia no técnico Marcelo Cabo.

“Se pode busca na favela, pode no Congresso”

Deltan Dellagnol

Procurador da República, sobre a ação militar no Rio de Janeiro