Flávio Gomes

20 de Fevereiro de 2018

Amarga realidade

Percival Puggina, arquiteto, empresário e escritor: “Não estaríamos tão mal se ainda resistissem na cultura nacional alguns valores morais e algumas instituições a merecer acatamento e respeito. Falo das atualmente superadas e irrelevantes igrejas; falo da instituição familiar e da autoridade paterna; falo da autoridade do professor, da direção da escola, do policial; falo da experiência e sabedoria dos idosos. Mas tudo isso caiu por obra e desgraça da mesma agenda revolucionária, da zoeira, da vadiagem, da perversão em capítulos diários servida nas novelas da Globo, da ignorância transformada em nova cultura e forma de saber. E, claro, da revolucionária resistência a toda ordem e disciplina. Amargo, eu? Amarga é a colheita desse plantio! Amargo é ver o Rio de Janeiro agonizante, sob intervenção, e saber que todos estamos contidos, a distâncias diferentes, no mesmo horizonte. Que é tudo questão de tempo. Amargo é saber que absolutamente nada do que escrevi aqui e denuncio bem antes de que pudesse produzir os atuais efeitos, será enfrentado e alterado. É saber que toda eventual mobilização social trombará nos paredões ideológicos que nos sitiaram no mundo acadêmico, nos meios de comunicação, no Poder Judiciário e no Congresso Nacional.”

Explicação

Téo Vilela concedeu ontem, à TV Mar, a primeira entrevista desde que passou o governo para Renan Filho, em 1º de janeiro de 2015. Disse que a decisão de não disputar eleição este ano é pessoal, de família. E que não tem nada a ver com a acusação do Ministério Público sobre o Canal do Sertão: “Minha vida é limpa”.

Metas

Outra informação de Téo Vilela: apesar de concorrer, participará ativamente da eleição como dirigente do PSDB, em nível nacional e local. Objetivos: apoiar Rui Palmeira ao goerno, fazer do deputado estadual Rodrigo Cunha candidato ao Senado e viabilizar aqui a candidatura de Geraldo Alckmim a presidente da República.

Entrave

O problema para emplacar Rodrigo Cunha candidato ao Senado é que o deputado e ministro Maurício Quintella (por sinal, primo de Téo) tem a mesma pretensão.  Rodrigo, que não será candidato à reeleição, está entre concorrer ao Senado ou à Câmara dos Deputados. O outro candidato a senador do grupo é Benedito de Lira.

Desafio

Maria Tavares, professora da Ufal, é candidata à Câmara dos Deputados pelo Partido Novo. O detalhe é que ela foi selecionada pelo partido, obedecendo a diversos critérios, um trabalho que a legenda faz em todo o país. Como o Partido Novo não pretende fazer coligações, Maria Tavares terá de obter cerca de 130 mil votos.

Só zuada

Integrantes dos ditos movimentos sociais bloquearam ontem rodovias federais em todo o Brasil. Pretexto: protestar contra a reforma da Previdência pretendida pelo governo federal. Desculpa esfarrapada, pois a intervenção federal na segurança pública do Rio de Janeiro legalmente impede a votação da reforma.

Agenda

Dirigentes de entidades ligadas ao turismo tomam posse hoje, às 8 horas, em café da manhã no Hotel Jatiúca: Afrânio Lages (ABAV), Milton Hênio Vasconcelos (ABIH), Glênio Cedrim (Maceió Convention & Visitors Bureau), André Santos (Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares) e Carlos Palmeira ( (Sindetur).

Opinião

Site “Migalhas”: “O ministério da Segurança Nacional é uma jogada brilhante do governo. As pesquisas indicam que segurança pública é hoje o ponto mais sensível para o eleitorado. É forçoso convir que segurança é o item número 1 porque há um desmando governamental, fruto de Estados falidos e de um presidente pusilânime.”

*O jornalista Geraldo Câmara, que atua na TV Mar e no semanário “Primeira Edição”, lança hoje seu novo livro, “Por causos da vida”, das 19 às 22 horas, no restaurante Bodega do Sertão. No evento haverá sessão de autógrafos e bate papo com o autor.

*O Conselho Estadual de Educação empossa seu presidente para o biênio 2018-2020, em solenidade às 14 horas de hoje, no auditório Aqualtune, do Palácio República dos Palmares. Eliel dos Santos de Carvalho é graduado em Letras e Administração.

*Encerram-se hoje as inscrições para o concurso do Tribunal de Justiça de Alagoas, que podem ser feitas no site da Fundação Getúlio Vargas. Há vagas para técnicos e analistas judiciários, com vencimentos de R$ 2.550,96 e R$ 5.101,92, respectivamente.

*A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) realiza, ao longo desta semana, ações educativas em escolas de Maceió. As ações orientarão as crianças sobre uso da cadeirinha, cinto de segurança e a travessia da faixa de pedestre.

*O CSA inicia fase nova, com a goleada de 5×0 no Dimensão Saúde e a chegada do treinador Marcelo Cabo. Já o CRB tem hoje nova parada dura: às 21h45m, em Recife, tenta se manter líder do seu grupo na Copa do Nordeste enfrentando o Santa Cruz.

 

“Roma não se fez num dia, mas o Rio foi destruído em 10 anos”

Millôr Fernandes

Jornalista e escritor