Roberto Baia

23 de janeiro de 2018

Na capital

prefeito julio cezar3 5 600x300 c - Na capital

O prefeito Júlio Cezar e a secretária municipal do Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Palmeira dos Índios, Anna Luísa França, participaram ontem (22) de uma reunião, em Maceió, com o presidente do Instituto do Meio Ambiente (IMA) Gustavo Lopes. O objetivo da reunião foi fazer a entrega da licença ambiental para a implantação da primeira Estação de Transbordo de Alagoas, que será implantada no município palmeirense.

Estação de Transbordo

A secretária Anna Luísa explicou que agora as obras para a construção da Estação de Transbordo de Palmeira já podem ser iniciadas. “Com esta licença já poderemos iniciar as obras. Estamos atendo as etapas do encerramento do lixão municipal, que deverá acontecer até abril, conforme acordo firmado entre o município e o Ministério Público Estadual para o encerramento do Lixão em 2018”, disse a Anna Luísa.

Licença ambiental

O prefeito Júlio Cezar agradeceu ao IMA pela liberação da licença ambiental. “Quero agradecer ao Conagreste e também ao IMA a liberação da Licença Ambiental para que possamos implantar a primeira Estação de Transbordo de Alagoas. O IMA tem sido grande parceiro do município, por meio do presidente Gustavo Lopes. Foi um trabalho em parceria com o Conagreste, por intermédio do presidente Ediel Leite e do superintendente Ivens Leão. Aproveitamos também para pedir a Licença dos conjuntos habitacionais Brivaldo Medeiro e Antônio Ribeiro. É Palmeira dos Índios sendo pioneira na questão ambiental no Estado de Alagoas”, comemorou o prefeito.

Também estavam

Também estiveram presentes à reunião, o presidente do Consórcio Regional de Resíduos Sólidos do Agreste (Conagreste) e prefeito da cidade de Craíbas Ediel Leite e o superintendente do Consórcio Ivens Leão.

Igreja Nova 1

Com ASCOM – Rizicultores familiares do Projeto Público de Irrigação (PPI) do Boacica, mantido pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) no município de Igreja Nova (AL), iniciaram a colheita da safra verão de arroz.

Igreja Nova 2

A expectativa é que a produtividade da safra gire em torno de oito toneladas por hectare. A implantação da nova estrutura da Estação de Bombeamento Ceci Cunha, que recebeu investimentos da Codevasf de cerca de R$ 10 milhões, e as fortes chuvas que atingiram a região do Baixo São Francisco, entre junho e julho do ano passado, foram apontados como fatores que contribuíram para a boa expectativa.

 

Prisão em Arapiraca

Com G1 – m homem foi preso na manhã desta segunda-feira (22) ao tentar fugir da polícia pulando o muro de uma casa em reforma, no município de Arapiraca, Agreste de Alagoas.

José Charles Guilherme dos Santos, 31, foi detido em flagrante com dois tabletes de maconha, um celular e R$ 20,00 no bairro de Caititus. A prisão ocorreu durante rondas da polícia pelo local.

Versão da PM

De acordo com o 3º Batalhão de Polícia Militar, ao avistar a polícia, Santos tentou fugir pulando o muro de uma casa em reforma com mais outros suspeitos, que não foram localizados. À polícia, ele afirmou ser proprietário do local.

 Maconha

Após a busca domiciliar, os militares encontraram dois pequenos tabletes de maconha escondidos entre as telhas, embalagens para armazenar a droga, um celular e R$ 20.

Depois de também assumir ser dono do material apreendido, Santos foi conduzido à Central de Polícia, em Arapiraca, e autuado por tráfico de entorpecentes.

Em ascensão                                             

Com 7segundos – Lecivan Martins, natural do sítio Cangandu, povoado pertencente ao município de Arapiraca – a capital do Agreste alagoano – é hoje pianista em cruzeiros do mundo inteiro. O músico já atuou em várias bandas nacionais, como ‘Moleca 100 vergonha’ e ‘Malla 100 alça’.

… Filho de agricultores, Lecivan conta que sua vontade pela música começou na infância: “Ainda criança, com meu amigo Adailton, tínhamos um sonho de tocar um instrumento. Até então, era uma bateria de brinquedo, construída artesanalmente. Naquela época, frequentávamos os bailes, festas de padroeira, e eu já via tocando artistas como Lourenço, Jorginho, Bandinha Verde Verão, maestro Abelardo… E isso foi alimentando e despertando paixão por teclado”.

… A carreira do músico começou em projetos locais, e se expandiu para bandas maiores. “Saí tocando com várias bandas e artistas, como Nelsinho Silveira, César Soares, Moleca 100 vergonha, Malla 100 alça, dentre outros’, relata. Em 2015, o músico foi convidado a fazer parte de uma empresa internacional que promove cruzeiros no mundo todo.