Roberto Baia

9 de Janeiro de 2018

Transporte público

Com Fábio Lopes – O prefeito de Arapiraca, Rogério Teófilo, conheceu no final de semana, em reunião em Maceió, projeto de Sistema de Transporte Público (STTP) pela empresa de tecnologia P&C Projeto e Consultoria.

Estiveram presentes à reunião o titular da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito de Arapiraca (SMTT), Jodelmir Pereira de Souza, e a superintendente de Desenvolvimento Urbano, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Obras (Seduo), Larissa Cajueiro, além de técnicos dos órgãos municipais.

Projeto

A apresentação do projeto foi feita pelos engenheiros responsáveis da P&C Denilson Cruz Souza e Umberto Carlos de Magalhães, ambos especialistas em Trânsito e Transportes.

Os engenheiros mostraram o Sistema de Bilhetagem Eletrônica, Monitoramento Operacional na Central de Controle e o Sistema de informações em Aplicativo de Celular. Com estas ferramentas, utilizadas através da tecnologia, o Sistema de Transporte Público (STTP) contemplará organização, disciplina, fiscalização, segurança, monitoramento, entre outros elementos de suporte ao transporte e ao trânsito.

Equipamentos

O prefeito Rogério Teófilo e a equipe da SMTT e da Seduo também analisaram a proposição de características para o STTP de Arapiraca, que contempla a implantação de um moderno sistema de transporte e que seja dotado de equipamentos modernos.

Licitação

“Para implantarmos esse Sistema de Transporte Público para Arapiraca precisaremos contratar uma empresa, via processo de licitação pública, comprometida com a assiduidade, organização e disciplina para atender a população de forma eficaz e eficiente”, afirmou Rogério Teófilo.

Pernambuco

De acordo com os engenheiros da P&C Projeto e Consultoria, a empresa já implantou o Sistema de Transporte Público (STTP) nos municípios de Petrolina, Salgueiro, Pombos, Camaragibe e Olinda, todos no estado de Pernambuco.

Improbidade

O Ministério Público Federal (MPF) em Alagoas ingressou com ação de improbidade administrativa contra o ex-prefeito do município de Novo Lino José Everaldo Alves Barbosa e o empresário Carlos Colombo, sócio da empresa Ágil Administradora e Prestação de Serviços Ltda. Os dois são acusados de enriquecimento ilícito e prejuízo ao erário praticados entre os anos de 2009 e 2012, período em que Everaldo foi prefeito da cidade.

 

Assinou

De acordo com a ação, o ex-gestor firmou Termo de Compromisso PAC 203181/2012 com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), objetivando a construção de uma creche (tipo B), no valor de quase R$ 1,5 milhão. Everaldo Barbosa pagou à empresa o equivalente a 25% do valor da obra, quando menos de 9% da obra havia sido executada.

Foi contratada

A empresa Ágil Administradora foi contratada para construir a creche no prazo de 24 meses, contados a partir do 5o. dia útil da assinatura do contrato. A primeira parcela do FNDE foi repassada ao município, no valor de R$ 290.999,81, em junho de 2012. As demais parcelas estavam condicionadas à regularidade das obras. No entanto, município realizou três pagamentos à empresa, totalizando o valor de R$ 292.741,34, sendo a diferença resultado de aplicação financeira.

Prática esportiva

Como incentivo à prática esportiva, o Sesc desenvolve diversas ações para os comerciários e público em geral. Os torneiros nas diversas modalidades conquistam adeptos na capital e interior. Um dos destaques da programação do Sesc Alagoas é a Copa Sesc de Futebol séria “C”.

Inscrição

O torneio disputado entre equipes de comerciários será realizado de 14 de janeiro a 25 de março de 2018 na Unidade Sesc Guaxuma, aos domingos. As equipes que ainda não realizaram inscrição poderão fazer até quarta-feira 10/01, no Setor de Atendimento da Unidade Sesc Poço.

A taxa por equipe é de R$ 130,00, os atletas devem apresentar para inscrição a Carteira do Sesc e mais o documento oficial como foto, como RG.

… Gestantes e nutrizes de Arapiraca  receberam, na manhã desta segunda-feira (08),  em espaço da Secretaria da Assistência Social e Políticas para a Mulher, no bairro Ouro Preto, as cestas nutricionais do Programa de Complementação Alimentar, voltado a mulheres e crianças em situação de vulnerabilidade social e insegurança alimentar.

… A iniciativa integra o programa estadual, executado pela Secretaria da Assistência  e Desenvolvimento Social, em parceria com o Governo Municipal.

… O programa assiste a 764 mulheres arapiraquenses,  tem caráter permanente e objetiva assegurar o direito humano à alimentação adequada a gestantes e nutrizes,  garantindo os nutrientes necessários  para o desenvolvimento de seus bebês.

… As cestas são certificadas pelo Inmetro e compostas por 14 itens fundamentais  para combater a desnutrição das beneficiárias. Entre os itens estão aveia , proteína, cálcio e ferro.