Blog do Dresch

5 de janeiro de 2018

Uma fortuna na busca pela saúde

tl05 600x300 c - Uma fortuna na busca pela saúde

                  O maior piloto da história da Fórmula 1, o alemão Michael Schumacher, construiu uma fortuna com suas vitórias nas competições, até sofrer um grave acidente de esqui nos Alpes Franceses, em 29 de Dezembro de 2013. De lá pra cá, os gastos médicos já consumiram 28 milhões de euros (cerca de R$ 110 milhões) da fortuna do ex-piloto, estimada em 840 milhões de euros (R$ 3,3 bilhões). Os valores foram revelados pelo jornal espanhol “AS”, que afirma em reportagem que a família do heptacampeão mundial gasta, somente com a equipe médica 140 mil euros (R$ 550 mil), fora toda manutenção do centro de atendimento intensivo montado na casa do campeão, na Suíça.

A fortuna pela saúde 2

                   Michael Schumacher aparece como o quinto atleta da história que mais ganhou dinheiro na carreira, ficando atrás de Michael Jordan, Tiger Woods, Arnold Palmer e Jack Nicklaus (um jogador de basquete e três golfistas). O piloto construiu sua fortuna com salários, prêmios, transferências, licenças, bônus de contrato, publicidades e outros itens. Ele sofreu ferimentos graves na cabeça em um acidente com esqui. Ele não é mais visto desde então, uma vez que sua família mantém total privacidade na sua casa na Suíça.

Ministra citada na Lava Jato

                   A nova ministra do Trabalho, deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ), filha do presidente do partido, Roberto Jefferson, foi citada em delação premiada dos diretores da Odebrecht como destinatária de caixa dois da empreiteira em 2012. O caso, contudo, não virou sequer inquérito no Supremo Tribunal Federal (STF) para uma investigação da denúncia. Em depoimento prestado ao Ministério Público Federal, o ex-diretor superintendente da Odebrecht, Leandro Andrade Azevedo disse ter entregue R$ 200 mil para a campanha de reeleição para vereadora no Rio de    Janeiro em 2012. “Ela foi buscar pessoalmente o dinheiro, que colocou em uma mochila” afirmou o delator. Cristiane nega a acusação e a Procuradoria Geral da República não abriu inquérito para investigar a denúncia. No STF há apenas dois processos relacionados a ela, ambos referentes a questões eleitorais e já arquivados.

Tempo para o caranguejo

                   Começou a vigorar nos primeiros dias de 2018, o período de defeso do caranguejo-uçá, segundo determinação dos ministérios da Agricultura e do Meio Ambiente. O período reprodutivo da espécie deve ser preservado, para que o crustáceo possa se desenvolver sem ficar ameaçado pelo consumo. O defeso corresponde ao início de um novo ciclo, onde os caranguejos adultos deixam suas tocas e espalham seus ovos pelo manguezal. Por isso nesta época, fica proibida a captura, o transporte, o beneficiamento, industrialização e comercialização de qualquer indivíduo da citada espécie nos nove estados do Nordeste e também no Pará.

Tempo para o caranguejo 2

                   O Instituto do Meio Ambiente (IMA) de Alagoas, vai agir em parceria com os demais órgãos ambientais do Estado para garantir o defeso, explica a gerente de monitoramento e fiscalização do IMA, Pollyana Gomes. “Estaremos desenvolvendo operações conjuntas e monitorando durante as nossas ações de fiscalização para apreender os animais em caso de flagrante e autuar os infratores” afirmou. A multa, estabelecida por decreto federal, fica entre R$ 700 a R$ 100 mil, com acréscimo de R$ 20 por quilo ou fração do produto da pescaria, ou por espécime quando se tratar de produto de pesca para uso ornamental.

Roubo etílico e milionário

                   Pense em um roubo milionário e dolorido. Pois aconteceu esta semana em um bar de Copenhague, quando uma garrafa de vodca, avaliada em 1,1 milhão de euros (cerca de R$ 2,8 milhões) foi roubada para desespero de seu proprietário. É a vodca mais cara do mundo e a única da sua classe. A garrafa, da marca Russo Baltique, foi produzida com três quilos de ouro e de prata, e tem na parte superior uma fita de couro com o desenho do primeiro carro de Monte Carlo de 1912, declarou Brian Ingberg, proprietário do bar e da garrafa.

Roubo etílico e milionário 2

                   Ingberg assegura que é dono da maior coleção de vodca do mundo, com cerca de 12 mil garrafas, e disse que estava com a vodca roubada há seis meses em sua coleção, emprestada pela montadora de automóveis Dartz. Ele acha que os ladrões tinham uma cópia da chave do bar e outra do Museu, que fica no porão do bar. O roubo aconteceu na madrugada de terça-feira e foi denunciado à polícia de Copenhagen. Através das câmaras de segurança é possível ver a ação de dois homens encapuzados roubando a preciosidade.

  • O governador Renan Filho confirmou que o Eixo Quartel, via alternativa para desafogar o trânsito na Avenida Fernandes Lima, será inaugurado no final deste mês de Janeiro.
  • As obras estão sendo finalizadas, com a pavimentação de vias que compõem o eixo, que corta os bairros do Farol, Pitanguinha e Gruta de Lourdes.
  • Renan Filho disse que a outra via, denominada Eixo Cepa, que tem o mesmo objetivo mas que fica do outro lado da Fernandes Lima, ficará pronta em Março, tendo em vista algumas inconveniências surgidas no andamento das obras, principalmente em termos de desapropriações e da compra de determinadas áreas.
  • “No Eixo Quartel, o Estado fez a compra de um terreno no Quartel, outro no Hospital dos Usineiros e desapropriado várias casas. No Eixo Cepa, tivemos de cortar a área do Hospital Portugal Ramalho, do Cepa, além de terreno da Casal e do Ibama, e ainda outras casas” explicou o governador.
  • Os dois eixos terão o formato de binários (duas vias paralelas de mão única e sentido contrário) e servirão como alternativas para amenizar o fluxo de veículos na Avenida Fernandes Lima.