Flávio Gomes

23 de dezembro de 2017

Maluf, um amador

Jornalista Josias de Souza, em seu blog: “Uma das vítimas da cleptocracia no Brasil é a semântica. Quando celebram a prisão de Paulo Maluf como evidência de avanço institucional, você sabe que está diante de uma crise de significado ou num país de cínicos. Longe de simbolizar um avanço, a prisão tardia de Maluf representa o triunfo da conivência do Brasil com o desmando e a corrupção. Maluf ajuda a explicar como chegamos à Lava Jato. Maluf sempre foi um corrupto notório. Sua reputação estava tão associada à malversação que seu nome desceu aos dicionários como sinônimo de roubar. Nos tempos áureos, Maluf inocentava a classe política pelo contraste – tinha-se a impressão de que ninguém malufava tanto quanto ele. A despeito de tudo isso, não faltaram votos para manter Maluf nas proximidades dos cofres. Entre o escândalo e a prisão de Maluf, decorreram duas décadas. Nesse período, construiu-se a imensa área de manobra para a proliferação da corrupção no Brasil. A tese do rouba, mas faz prevaleceu sobre o bom senso. Deu origem a outras perversões: o rouba, mas investe no social; o rouba, mas promove reformas econômicas… Hoje, a corrupção é tão generalizada que o velho Maluf parece um amador.”

Reversão

Constatação quase unânime dos que acompanham os bastidores políticos de Alagoas: o governador Renan Filho tem mais possibilidades de se reeleger do que Renan Calheiros renovar seu mandato de senador. Em 2014, o pai foi importante para a eleição do filho; em 2018, o filho será fundamental para o pai se reeleger.

Diferença

Questão interessante, no processo pré-eleitoral de 2018, é que Renan Filho só tem, no momento, um provável concorrente de peso: o prefeito Rui Palmeira, que nem disse ainda se será ou não candidato. Renan Calheiros disputará duas vagas ao Senado com Benedito de Lira, de certeza, e, talvez, Marx Beltrão e Téo Vilela.

Cenário

O ponto mais favorável a Renan Filho, na disputa pela reeleição, é a boa situação do Estado, do ponto de vista administrativo, obras e investimentos. Um indicativo é que os salários do funcionalismo estão em dia, inclusive o 13º pago, ao contrário de outros Estados. E no ano da campanha RF irá dispor de R$ 1,3 bilhão para gastar.

O retorno

São próximas de 100% as chances de José Thomaz Nonô, presidente do DEM/AL, ser candidato a deputado federal. Atual secretário de Saúde da Prefeitura de Maceió, ele se decidirá no início de 2018. Promotor de Justiça aposentado, Nonô foi secretário estadual da Fazenda, seis vezes deputado federal e vice-governador.

TV Mar

O programa “Conjuntura” da próxima 2ª feira, na TV Mar, canal 25 da NET, tem como convidados: Carlos Palmeira, presidente da ABAV Nacional; Fernanda Marinela, presidente da OAB/Alagoas; Dinho Vasconcelos, presidente da Liga Carnavalesca de Maceió. Às 9h30m, com reprises ao longo da semana.

Peso no bolso

Segundo o major Felipe Lins, comandante do BPTran, a principal ocorrência nas abordagens é flagrar motoristas conduzindo veículos sem habilitação. Mas, segundo o seu entendimento, isso tem explicação: o custo da Carteira Nacional de Habilitação, que está em torno de R$ 1.600,00. Um valor exagerado, realmente.

Opinião

Eduardo Bolsonaro, deputado federal (PSC/SP): “Se o STF absolver todos esses corruptos, vai ocorrer com certeza uma comoção. Aí eu apoiaria sim, pela manutenção da lei e da ordem, de acordo com o artigo 142 da Constituição, uma intervenção militar que depois garantiria eleições gerais sem a participação desses corruptos.”

*Guilherme Palmeira festeja 2ª feira, 25, em Brasília, seus 79 anos. Ainda se recuperando e recente cirurgia na coluna, ele, que já foi deputado estadual, senador, governador, prefeito de Maceió e ministro do TCU, voltará a residir definitivamente em Alagoas.

*A Prefeitura de Maceió renovou a parceria com a empresa de call center AlmaViva do Brasil e anuncia a abertura de 1.500 vagas de trabalho pelo Sine Maceió. Do total de vagas, 500 são para preenchimento imediato, com início das atividades no dia 30.

*A partir da próxima 3ª feira, 26, a central de suporte telefônico do Portal Facilita Alagoas contará com novo horário de atendimento: das 8 às 14 horas. A central é responsável por tirar dúvidas referentes à utilização do portal. Contato: 3315.9903/3315.9904.

*A Praça Multieventos, na orla marítima de Pajuçara, recebe neste sábado a Camerata Ero Dictus e o Coretfal, para um concerto especial de Natal. As apresentações têm início 18 horas, abertas ao público. Parceria Prefeitura de Maceió e Governo do Estado.

*Uma das atrações deste sábado em Maceió é o show do cantor José Augusto, uma boa opção para quem gosta de música romântica. A partir das 22 horas, no estacionamento do Maceió Shopping, em Mangabeiras. Informações: 2126.1010.

*Até 25 de janeiro o Complexo Cultural Teatro Deodoro está com inscrições abertas para seleção de exposições, coletivas ou individuais, no próximo ano. O edital, com todos os detalhes para os interessados, está disponível em www.diteal.al.gov.br.

*Aparentemente, o CSA sai em vantagem na disputa da temporada 2018, pois manteve a base do elenco deste ano e inicia período de jogos-treino. O CRB e o ASA estão refazendo seus elencos, pois fizeram muitas dispensas e contratações.

“Empresário não pode ser político. Empresário tem de gerar riquezas e empregos.”

Abílio Diniz

Empresário, no jornal “O Estado de São Paulo”