Flávio Gomes

15 de dezembro de 2017

Fora da hora e lugar

Míriam Leitão, em “O Globo”: “O governo está em plena temporada de fazer mais concessões e renúncias fiscais a grupos empresariais. Uma parte, com o pretexto de aprovar a reforma da Previdência, o que é uma contradição. Outra parte é renúncia fiscal fora de hora e lugar, como as que subsidiam petrolíferas ou a que pode renovar o programa de subsídio às montadoras. O governo quer gastar ou economizar? A lista das despesas tem sido enorme. O Refis que virou um quase perdão de dívidas tributárias acabou sendo aprovado para que o presidente Temer escapasse da segunda denúncia. Agora, foi o parcelamento das dívidas dos empresários rurais com o Funrural, o Refis dos que não pagaram o Simples, um regime tributário já muito favorecido. As medidas juntas terão impacto maior do que o ganho que se terá se houver a aprovação da reforma da Previdência. É um contrassenso gastar tanto para se economizar. Mas há nessa farra dos gastos do governo com os empresários muito mais do que a tentativa de comprar a aprovação da reforma. Tanto que estão sendo negociadas ou propostas mudanças no sistema de tributação das petrolíferas e das automobilísticas que não têm relação com o que está sendo votado. É apenas o atendimento dos velhos e conhecidos lobbies que rondam qualquer governo e que encontram mais respaldo em alguns deles.”

Versão

O governo Renan Calheiros tem dito que pagar o 13º salário no ano em que é devido, como acontecerá hoje, “é a primeira vez nos últimos 30 anos”. Realmente é uma medida excepcional, em relação a outros Estados, mas isso sempre ocorreu. Inclusive o próprio Renan Filho pagou o 13o em dia, em 2015 e 2016.

Realidade

O ano em que o governo teve mais dificuldades de pagar o 13º salário dos servidores foi numa das gestões de Ronaldo Lessa. Os servidores tiveram de abrir uma conta no Banco do Brasil e tomar um empréstimo, garantido pelo Estado. Corretamente, foi o próprio Estado quem pagou, em janeiro do ano seguinte.

Revelação

Site Cada Minuto: “Quem espera uma posição do prefeito Rui Palmeira (PSDB) sobre sua possível candidatura ao Governo do Estado terá que esperar sentado… com isso, aliados do tucano já labaferam em alguns locais que ele pensa em desistir da candidatura e caso o pleito eleitoral fosse hoje, Rui estaria fora.”

Efeito

A iniciativa do Ministério Público em acionar a Prefeitura de Maceió pela utilização dos radares eletrônicos para conter infrações indiretamente beneficia Renan Filho, por atingir, politicamente, o prefeito Rui Palmeira, que pode ser seu concorrente em 2018. Detalhe: os tais radares são usados normalmente em várias cidades.

Cultura

O livro “Alagoas Feita à mão” será lançado hoje, 10 horas, no Museu Palácio Marechal Floriano Peixoto, com a presença do governador Renan Filho, da primeira-dama Renata Calheiros, e do secretário do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito. A ideia é preservar e modernizar a arte popular alagoana.

Paternidade

O Senado aprovou a criação da Política Nacional de Biocombustíveis, o RenovaBio, que regulamenta o uso de biocombustíveis pelo setor de energia para transporte e geração de eletricidade. Um dos artífices da elaboração do documento foi Pedro Robério, presidente do Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool de Alagoas.

Opinião

Leonardo Sakamoto, em seu blog: “Em uma campanha em que emprego, segurança pública e poder de compra devem ser pautas mais importantes que o próprio combate à corrupção devido ao pragmatismo do eleitorado, é interessante acompanhar como os partidos irão construir suas narrativas e, principalmente, suas alianças.”

*Hoje é dia de eleição para escolha de novos dirigentes do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Alagoas. Fernando Dacal, atual presidente do Crea/AL, é candidato à reeleição, tendo como concorentes Mário Agra e Disneys Pinto.

*A prefeita da Barra de Santo Antônio, Emanuella Moura, promove hoje, a partir das 16 horas, na Fazenda Nossa Senhora de Lourdes, uma festa natalina para famílias em situação de vulnerabilidade social. Segundo ela, é um estímulo à autoestima da população.

* Hoje, às 8h30, a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de Alagoas oferecer um café da manhã no Hotel Best Western Premier para apresentar o aplicativo Abrafood, serviço de delivery exclusivo aos bares e restaurantes associados da Abrasel.

*A cientista social Ana Cláudia Laurindo e o jornalista Odilon Rios lançam hoje novos livros. Respectivamente, “Hibridismo Cultural Alagoano: o barro de onde viemos” e “Alagoas, poder e sangue”. Das 18 às 22 horas, no Espaço Cultural da Ufal, no Centro.

*A secretaria estadual da Cultura inaugura hoje, 10 horas, no Museu Palácio Floriano Peixoto, um espaço permanente sobre os mestres do Patrimônio Vivo de Alagoas. O Memorial reúne fotos e documentos sobre a história dos Mestres do Patrimônio Vivo.

* A Associação de Repórteres Fotográficos e Cinematográficos de Alagoas lança hoje a 2ª Mostra de Fotojornalismo e Vídeo de Alagoas, no Complexo Cultural Teatro Deodoro, no Centro de Maceió. A mostra estará aberta a visitação até 15 de janeiro.

*O espaço “Quilombada”, no Shopping Pátio, no Benedito Bentes, recebe hoje a escritora Ana Maria Vasconcelos e o escritor Arthur Buendía. Eles vão falar sobre as suas obras, que estarão disponíveis para compra. A partir das 19 horas. Acesso grátis.

“Não se pode prender parlamentares preventivamente”

Gilmar Mendes

Ministro do STF e presidente do Tribunal Superior Eleitoral