Flávio Gomes

28 de novembro de 2017

A reação tucana

De Teotonio Vilela Filho a Carlos Victor Costa, nesta Tribuna Independente, sobre o assédio do PMDB a prefeitos do seu PSDB: “Fui governador durante oito anos e nunca pedi ou induzi prefeito a vir para o meu partido. Não tirei prefeito de nenhum outro partido e sempre dei atenção a todos. Quando um prefeito é eleito, ele é um representante do povo e tem que ser respeitado. Nunca perguntei a um prefeito se ele votou em mim ou se iria votar. Atrair prefeitos com o objetivo eleitoral é uma política arcaica e não condiz com os valores republicanos. Os prefeitos que estão saindo dos partidos, não estão fazendo isso por amor ou por ideologia, mas a maioria, de uma forma até constrangida por absoluta necessidade de sobrevivência. Diante de uma crise imensa e da oferta que está sendo feita a eles, de obras, ações, de ajuda do governo, que teria que ser feita até porque governo é para apoiar os municípios e não fazer disso uma moeda de troca. Eu respeito os prefeitos que saíram do meu partido porque sei que a grande maioria faz isso por absoluta falta de alternativa diante de uma crise. Em relação ao prefeito de Porto de Pedras, por ser, inclusive meu primo, esse aí eu lamentei duplamente. Primeiro pela surpresa, eu não esperava isso, essa atitude dele. Ele politicamente me deixou mal, mas isso faz parte da política. João Lyra amealhou 90 prefeitos, 26 deputados, praticamente a totalidade das Câmaras de Vereadores e perdeu a eleição no primeiro turno. O voto majoritário não obedece necessariamente ao comando do líder, porque é um voto que vai muito com o momento, com a impressão que o candidato a governador, a senador coloca. Essa é minha maneira de ver.”

Menestrel

Ontem completou 34 anos a morte de Teotônio Vilela, cujo centenário de nascimento transcorreu este ano. Deputado estadual, vice-governador e duas vezes senador, foi um dos políticos alagoanos de maior destaque em nível nacional, na época da transição do regime militar para o restabelecimento da democracia.

Esquerda light

O alagoano Aldo Rebelo, que foi vereador e deputado federal por São Paulo, trocou o PC do B pelo PSB e é pré-candidato a Presidente da República. A revista “Sociedade Militar” diz que o PSB o tem como “alternativa mais racional e moderada do que Lula, cada vez mais desgastado, usando-o contra o fenômeno Jair Bolsonaro”.

Posição

Do deputado federal Ronaldo Lessa, ao defender a suspensão do leilão do terminal de álcool do Porto de Maceió: “O Estado pode, com as nossas empresas locais, manter a sistemática de política que a gente vem adotando até agora. Os problemas que fizeram cair a produção de etanol no país não foram por incompetência daqui.”

Postura

Filiada ao partido Rede, a ex-vereadora e ex-senadora Heloísa Helena, que deverá se candidata a deputada federal por Alagoas, criticou Lula e Dilma Rousseff. Ambos, segundo ela, fizeram governos “de traição à esquerda”. Mas pondera: mesmo tendo sido expulsa do partido não festeja denúncias envolvendo PT.

Profis

Quem tem dívidas referentes ao ICMS tem até depois de amanhã, 30, para parcelá-las em até 120 vezes com descontos de até 95% em multas e juros, pelo Programa de Recuperação Fiscal. O procedimento é on-line, mas interessados podem procurar também a Secretaria da Fazenda ou a Procuradoria Geral do Estado.

Proposta

Do presidente do TRT/AL, desembargador Pedro Inácio da Silva: “São louváveis as ações ligadas à implementação de políticas para proteção das crianças e para garantir o envolvimento de instituições governamentais e organizações civis nesse esforço. É necessário um trabalho muito grande. A solução é a educação e proteção.”

Opinião

Roberto Freire, deputado federal (SP) e presidente nacional do PPS: “Brasil pavimenta o caminho das reformas e fundamenta as bases para a superação da crise e o início de um ciclo mais próspero na economia. Nesse sentido, a entrada em vigor da reforma trabalhista é fundamental para a modernização do país.”

*O Parque Shopping inaugura hoje um Centro Médico com atendimento a diversas especialidades. O evento acontece às 19h30m, com uma cerimônia de apresentação do novo espaço.O funcionamento será a partir das 7 horas da manhã, de 2ª a sábado.

*De hoje a domingo, 3 de dezembro, Maceió sedia o 37º Encontro Nacional de Juntas Comerciais, no Hotel Jatiúca. O objetivo é debater os 10 anos da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim).

*Visando exibir produções de estudantes em uma sala de cinema, o Cine Arte Pajuçara recebe hoje a Mostra Universitária de Documentários, com seis curtas-metragens. Os ingressos custam R$ 10,00 e toda a renda será revertida para esse espaço cultural.

*A Secretaria Municipal de Saúde realiza hoje o Encontro dos Trabalhadores da Saúde para enfrentamento à Violência contra as mulheres em Maceió. A iniciativa pretende gerar reflexões sobre o Dia Internacional de Violência contra as Mulheres.

*O 3° Encontro e a 2ª Jornada Científica de Comunidades Quilombolas e Povos Tradicionais de Terreiros de Alagoas começam hoje, no campus da Ufal em Arapiraca. Profissionais e estudantes participarão de dinâmicas e atividades artísticas e culturais.

* A Prefeitura de Maceió colocou em operação um novo Posto de Cadastro do Cartão Bem Legal. O mais novo local de atendimento ao público, organizado pela SMTT, funciona no primeiro andar do Shopping Popular, no Centro de Maceió.

*O CRB jogou de igual para igual com o América Mineiro, mas novamente uma falha individual provocou nova derrota, de 1×0. Como compensação, a boa imagem deixada no jogo que deu ao clube mineiro o título de Campeão Brasileiro da Série B.

“Sergio Moro é um grande juiz. Ele engrandece a carreira do Judiciário.”

Carlos Fernando dos Santos Lima

Procurador da República