Roberto Baia

29 de setembro de 2017

Parecer favorável

Durante sessão na Câmara Municipal de Arapiraca, foi aprovado requerimento dos vereadores Léo Saturnino e Fábio Henrique, solicitando ao prefeito Rogério Teófilo para que seja cumprida a Lei do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento  do Ensino  Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef), uma vez que o Supremo Tribunal Federal deu parecer favorável a Educação o recurso, sendo de 60%, destinados aos professores e 40% em capacitação e infraestrutura.

 

Vila Bananeiras

Também foi aprovado requerimento do vereador Melquisedec de Oliveira (PRP), solicitando ao prefeito Rogério Teófilo (PSDB), providências para que sejam instituído o Conselho  Municipal de Organizações das Associações.

Outra indicação aprovada foi do vereador Fabiano Leão, solicitando ao prefeito Rogério Teófilo e ao secretário municipal de Agricultura e Meio Ambiente, Roberto Amaral e também a Eletrobrás, um balneário, uma pista em torno da barragem da Vila Bananeiras e um projeto de alta tensão para os pequenos produtores.

 

Revitalização do parque

Ainda na Câmara arapiraquense, foi aprovada indicação da vereadora Professora Graça (PDT), solicitando a administração municipal promover meios  para revitalizar o Parque Ceci Cunha II, restaurando os equipamentos, brinquedos de metal e artesanais.

 

Que bobagem 1

O prefeito de Maragogi, Fernando Sérgio Lira, sancionou a lei que cria o Dia do Evangélico Maragogiense, a ser comemorado em 31 de outubro.

E, conforme a sanção publicada no Diário Oficial dos Municípios de quarta-feira, 27, a data será feriado facultativo em Maragogi.

Trocando em miúdos, segundo abordou bem uma matéria do site cadaminuto.com.br, os servidores públicos não precisarão trabalhar neste dia. (Na teoria, o “facultativo” não impede o trabalho, mas, na prática, todo mundo sabe que a história é outra).

 

Que bobagem 2

Só falta agora a Câmara aprovar e o prefeito sancionar o Dia do Católico, o Dia do Candomblé, o Dia do Espiritismo e quem sabe o dia da Macumba.

Diga aí, o prefeito deveria adotar medidas para melhorar a vida da população e deixar de fora “picuinhas” religiosas de interesse de vereadores. Não é não????

Assim, fica difícil.

 

Projeto Robótica

Implantado em 2016, pelo governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), o Projeto Robótica nas Escolas já contempla 95 unidades de ensino na capital e no interior.

A iniciativa está dotando as escolas de nova tecnologia, proporcionando a oportunidade de os estudantes da rede pública estadual desenvolver o raciocínio lógico e serem inseridos no universo digital.

 

Arapiraca

Em Arapiraca, o projeto já chegou às escolas Quintella Cavalcanti, Senador Rui Palmeira (Premem), Isaura Lisboa (Epial) e Pedro Reis.

O Robótica nas Escolas é um programa que propõe um novo despertar para o ensino na área das ciências exatas, de forma que os alunos tenham um novo entendimento em disciplinas como Matemática e Física, por exemplo.

 

Laboratórios

Por conta disso, os laboratórios de Robótica estão atraindo cada vez mais a atenção dos estudantes, fazendo com que eles se interessem pelas disciplinas exatas e não faltem às aulas.

O professor Kenison Sidney Silva de Oliveira, que leciona a disciplina de Química, também atua como formador de  Robótica Educacional para os alunos da Escola Estadual Quintella Cavalcanti, em Arapiraca.

 

Raciocínio lógico

“A robótica ajuda a desenvolver o raciocínio lógico dos alunos, pois eles adquirem noções de mecânica e programação, como também trabalham em grupo e desenvolvem o espírito de cooperação”, destaca o educador.

Devido ao sucesso do programa, o vice-governador e secretário de Estado da Educação, Luciano Barbosa, revela que o governo vai continuar investindo na adoção de novas tecnologias e projetos inovadores nas escolas.

 

Novas experiências

“Apoiamos, recentemente, a etapa estadual da Olimpíada Brasileira de Robótica, no Cepa, em Maceió. Nossos alunos participaram ativamente e mostraram muita competência e habilidade no uso da tecnologia como importante instrumento de pesquisa, aprendizado e troca de novas experiências em sala de aula”, completou.

 

 

… Devolver ao município de Palmeira dos Índios os equipamentos culturais sucateados pela ação do tempo e, também, pelo descaso de gestões passadas, é um dos compromissos do governo Júlio Cezar.

… Assim, além da revitalização da estrutura física da Casa Museu Graciliano Ramos, que está sendo feita pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), o prefeito também autorizou a reforma do auditório da casa onde viveu o escritor Graciliano e que ganhará novos ares. A obra do auditório deverá ser concluída até o dia 20 de outubro.

 

 

 

… Para a secretária de Cultura do município Isvânia Marques, a necessidade de abrir as portas do auditório da Casa Museu é urgente. “O lugar é propício e receptivo para as artes e a cultura. Estamos muito felizes com isso.

 

… O prefeito Júlio Cezar disse que há oito anos a população espera a revitalização e modernização da Casa Museu. Mas, agora, o sonho se tornará realidade. “