Edmilson Teixeira

15 de setembro de 2017

Atalaia, redução salarial

Para assegurar a máquina administrativa, sobretudo financeiramente, o prefeito de Atalaia, Chico Vigário baixou decreto nesta quinta-feira, reduzindo em 30%, os salários de todos os cargos que não são efetivados. A medida atinge o próprio prefeito e seu vice, secretários e subsecretários, procuradores, controladores, contratados e comissionados. O decreto vai estender até o último dia do ano em curso.

Luz no final do túnel

A expectativa do prefeito Chico Vigário é de que a partir do mês de novembro, a situação comece a dá bons sinais, visto que a Usina Uruba inicia sua moagem no mês que vem, prometendo aquecer a economia do município na geração de emprego e renda para muitos. “A nossa maior intensão no momento, é a de não desempregar ninguém; razão de termos encontrado essa saída de redução salarial, justamente com o propósito de suportar a crise financeira até quando for possível”, argumentou o prefeito.  

Igreja Nova

A Prefeitura de Igreja Nova viabilizou na terça-feira, a reabertura de seu  matadouro público. Foi preciso a prefeita Verônica Dantas, assinar um Termo de Ajuste de Conduta –TAC, junto ao Instituto do Meio Ambiente de Alagoas (IMA). É que o próprio IMA teria interditado o Matadouro na sexta-feira da semana passada por conta de descarte ilegal de vísceras em lagoas de decantação, situação que vinha causando danos ambientais.

Obrigação

Com a assinatura do TAC, o município se responsabilizou a pagar 6 parcelas de R$ 2.712,45 (Dois mil setecentos e doze reais e quarenta e cinco centavos), além de promover a readequação do matadouro em um período de 180 dias. A notícia tranquilizou aos comerciantes que precisam do espaço para promover o abate dos animais e consequente comercialização da carne com procedência legal.

Joaquim Gomes

Prefeito  Adriano Barros, recebeu representantes da Casal, com quem negociou o débito de contas de água dos órgãos do município com a empresa. O encontro definiu as condições de pagamento da dívida, fator essencial para a regularização da situação da Prefeitura junto à companhia. Simplesmente o prego deixado por outros gestores, ultrapassa a casas dos 220 mil reais.

Bronca  

Por falar em Joaquim Gomes, o novo prefeito só tem enfrentado broncas em sua administração. É que na quarta-feira, o gestor reuniu vereadores, sindicalistas e líderes, a fim de tratar da realidade financeira do município. É que Adriano Barros vem sofrendo pressão de tudo quanto é lado, para conceder reajuste salarial para os servidores, sobretudo da Educação. Depois de muita conversa, o prefeito se comprometeu em apresentar nesta sexta-feira, uma proposta de reajuste dentro das condições.

 

Índios na praça

Dezenas de manifestantes índios  de Joaquim Gomes, ligados a sindicatos, movimentos sociais, grupos indígenas e minorias aproveitaram o desfile no 7 de Setembro, na Orla do Jaraguá, em Maceió,  para chamar a atenção do governador e autoridades presentes. Eles fazem parte de um grupo chamado “Grito dos Excluídos”, que pela 27ª vez, marcham em protesto. Esse ano se deu contra questões políticas e outras problemáticas que envolvem o país atualmente. O manifesto chamou a atenção do governador  Renan Filho, que recebeu as categorias. 

Som

Os índios da Tribo Wassu Cocal, fezeram parte desse movimento. Uma caravana saiu logo cedo da aldeia e participou da marcha. Bastou terminar o tradicional desfile cívico, em meio à dispersão do público que assistia ao evento, diversos militantes começaram a desfilar pela avenida, com bandeiras, faixas e carros com alto-falante. O governador, desceu do palanque quando resolveu dialogar com os manifestantes. 

Flexeiras

A Prefeitura de Flexeiras está anunciando que tem uma verba de 400 mil reais, específica para a construção de uma agroindústria que atenda as famílias da agricultura no município. A ação visa fomenta a geração de emprego e renda. Diante do valor anunciado, o vereador Alysson David, apresentou uma indicação, que propõe um projeto para implantação de uma Mini Fábrica de Beneficiamento da Mandioca.

Piranhas

Durante sua visita a Piranhas, na quarta-feira, o governador Renanzinho não poupou palavras para a prefeita Maristela. Disse que ela que vem servindo de exemplo para Alagoas. “Só tenho a agradecer pela sua visita, o senhor também vem se destacando, a sua vinda a Piranhas, ressalta a importância de que juntos podemos alavancar o município” destacou a prefeita.

Canapi

Mais 80 famílias da zona rural  foram contempladas com ações do Programa “Segunda Água”. Eles receberam telhas e madeira para a conclusão dos serviços de construção dos apriscos para a criação de pequenos animais. Além dos investimentos mensais da Prefeitura em prol das melhorias na Agricultura Familiar, existe ainda a importante parceria com o CODRIN (Consórcio para o Desenvolvimento da Região do Ipanema).

Geral  

Na realidade, em Canapi, segundo o prefeito Vinícius Lima, cerca de 250 pequenos agricultores, envolvendo mais de 80 famílias, serão beneficiados com a criação de caprinos e ovinos. “É um modelo econômico de sobrevivência  que tem se mostrado como alternativa satisfatória de alimentação para boa parte dos brasileiros, sobretudo, se tornando uma importante fonte de renda para os sertanejos que vivem da prática rural” disse.