Flávio Gomes

12 de setembro de 2017

Todos contra um

Da coluna “Painel”, da “Folha de São Paulo”: “As denúncias de Rodrigo Janot contra a cúpula do PT surtiram efeito no Congresso. Irritados com a atuação da Procuradoria Geral da República, deputados petistas agora endossam ofensiva antes protagonizada só por aliados de Michel Temer para fustigar o chefe do MPF. Após a sigla ser alvejada pelas acusações de obstrução de Justiça e organização criminosa, nomes do partido passaram a defender que o procurador-geral seja levado à CPI que investiga a JBS para explicar o acordo que fechou com Joesley Batista. Enquanto Janot estiver à frente da PGR, os integrantes da CPI só podem convidá-lo a falar. Quando ele deixar o comando do órgão, a partir do dia 18, poderá ser convocado. Os petistas afirmam que Janot apresentou as denúncias contra o partido para ‘desviar o foco’ da crise que se instalou em seu gabinete após o autogrampo de delatores da J&F. ‘Ele adotou procedimento básico em qualquer manual de gerenciamento de crise’, diz Paulo Pimenta (PT-RS). O discurso do PT é idêntico ao que foi adotado pelo PMDB nesta sexta (8), após Janot também denunciar a cúpula da sigla no Senado por organização criminosa.”

Proposta

O programa do PSDB/AL no rádio e na TV se propõe a mostrar obras dos oito anos da gestão de Teotonio Vilela Filho. É uma forma de se contrapor à maciça divulgação do governo Renan Filho e, ao mesmo tempo, apresentar o legado de Téo Vilela, virtual candidato ao Senado, no período em que governou o Estado.

Confronto

O objetivo maior da proposta do PSDB é tornar público que muito do que Renan Filho está fazendo é sequência de ações iniciadas por Téo Vilela, como execução de obras e elaboração de projetos. Tudo a ver, naturalmente, com o esperado confronto nas urnas, no próximo ano, entre o PSDB e o PMDB dos Renans Calheiros.

Análise

Ricardo Mota diz, em seu blog, que mesmo bem avaliado Renan Filho “não consegue ultrapassar a casa dos 30% de intenções de voto para aquilo que é o seu evidente objeto de desejo: a reeleição. Nem mesmo os institutos de pesquisa da ‘casa’, à frente o Data Renan, o colocam com um percentual que o tornaria imbatível.”

Afinidade

Assim como suaa antecessora Maria Aparecida Machado, o novo secretário de Estado da Infraestrutura, Humberto Carvalho, é funcionário de carreira da Caixa Econômica. O que reafirma a afinidade de relacionamento entre o Estado e a instituição. Humberto já atuava na Seinfra, como secretário executivo da pasta.

Boa causa

O prefeito de Palmeira dos Índios, Júlio Cezar, é anfitrião, hoje, de diversos outros chefes de governo do Agreste, Sertão e Vale do Paraíba. Debaterão soluções referentes aos lixões, como construção de aterro sanitário e áreas de transbordo. Os municípios já teriam de ter acabado os lixões, por conta do Decreto 12.305/10.

Mais uma

História que se repete com a atividade terceirizada: a Ônix Construções foi denunciada ao Ministério Público do Trabalho por não pagar salários e verbas rescisórias a cerca de 50 trabalhadores que prestaram serviço ao governo estadual em obras nas grotas de Maceió. Registre-se que o Estado pagou pelos serviços.

Armação

Jornalista Josias de Souza: “PT, PMDB e PP devem ser absolvidos nos processos que correm no Tribunal Superior Eleitoral. Pela lei, as três siglas poderiam ser punidas com a extinção. Entretanto, três dos sete ministros do TSE informaram ao blog que são mínimas as chances de condenação que leve ao fechamento das legendas.”

 

 

*O ministro da Educação, Mendonça Filho, autorizou a liberação de cerca de R$ 20 milhões à Universidade Federal de Alagoas e ao Instituto Federal de Alagoas. São R$ 11 milhões de repasse financeiro e R$ 9 milhões de recursos orçamentários.

*Acontece hoje a entrega do Troféu Gogó da Ema 2017. Uma das homenagens será para Luciana Gomes de Barros, “Destaque como coach de emagrecimento”. O evento, iniciativa da Mgazine Destaque, será iniciado às 19 horas, no Teatro Deodoro.

*A Secretaria de Saúde de Maceió realiza, até 22 de setembro, a Campanha Nacional de Multivacinação 2017, para crianças e adolescentes de zero a 14 anos, 11 meses e 29 dias. A ação objetiva resgatar os não vacinados ou completar esquemas de vacinação.

*Acontece hoje a segunda etapa da 1ª Conferência Estadual de Vigilância em Saúde, no Centro de Convenções de Maceió. O tema é “Vigilância em Saúde: Direito, Conquistas e Defesa de um SUS Público de Qualidade”. Os trabalhos foram iniciados ontem.

*A Pró-reitora de Gestão de Pessoas e do Trabalho encerra hoje as inscrições para seleção de professor substituto para os três campi da Ufal. A entrega do Currículo Lattes e dos documentos comprobatórios deverá ser feita de 31 de agosto a 14 de setembro.

*A Arena Expoagro iniciou a venda de ingressos para as noites de show na Expoagro, em 20, 27 e 28 de outubro, no Parque da Pecuária, em Maceió. Há lotes promocionais para pista, camarote e camarote Premium. Vendas em www.lojadeingresso.com.

*Balanço atual da situação dos clubes alagoanos no Brasileiro: na Série C, o ASA foi rebaixado para a Série D, o CSA pegará o Tombense/MG em dois jogos e é favorito para subir à Série B, onde o inconstante CRB está a 7 pontos da zona de rebaixamento.  

 

“José Dirceu diz que prefere morrer a delatar como Palocci”

 Mônica Bergamo

Jornalista, na “Folha de São Paulo”