Blog do Dresch

27 de julho de 2017

“Direita atropela as conquistas sociais”

            O ex-presidente do Uruguai e atual senador, José “Pepe” Mujica, disse em entrevista à BBC Brasil, que existe atualmente no Brasil “uma direita muito conservadora que está utilizando, entre outras coisas, a influência de mecanismos da Justiça para frear movimentos progressistas”. E disse mais o senador uruguaio “acho que isto que está acontecendo no Brasil tem antecedentes. Eu não posso separar isso da forma como expulsaram Dilma Rousseff da Presidência” explicou. Para ele é evidente que existe um tom conspirativo da extrema-direita, que atropela um conjunto de conquistas e melhoras sociais. E há uma onda regressiva no campo trabalhista para os trabalhadores. “Isso é um problema sério” disse Mujica.

Justiça faz jogo da direita 2

              Outra consideração feita por Pepe Mujica “é impressionante os ataques contra o ex-presidente Lula, usando o argumento de um apartamento na praia (o tríplex)”. Ele disse que não acredita em nenhuma das acusações contra o ex-presidente Lula, porque não conseguem provar nada. O ex-presidente do Uruguai criticou ainda o mecanismo da delação premiada. “Isso foi inventado pelo fascismo, na época do Mussolini. Uma bomba prestes a explodir. É muito difícil separar a verdade da mentira. As pessoas, quando se verem perdidas, recorrem a qualquer coisa. É um recurso retrógrado do sentido liberal da Justiça” concluiu Mujica.   

Mudanças na mineração

                   O governo anunciou ontem que vai enviar três medidas provisórias ao Congresso para encaminhar algumas mudanças no setor da mineração no país. Entre as principais medidas estão a alteração na base do cálculo e aumento das alíquotas da Compensação Financeira pela Exploração Mineral (Cfem), o royalty cobrado das empresas que atuam no setor, e a transformação do Departamento Nacional de Mineração em uma agência reguladora, a Agência Nacional de Mineração (ANM). No total, as medidas alteram 23 pontos no Código de Mineração. A expectativa do governo é aumentar a arrecadação da Cfem em 80%, que atualmente arrecada em royalties cerca de R$ 1,6 bilhão. Além de aumentar a arrecadação o governo quer dar mais segurança jurídica à cobrança. Os percentuais dos royalties dos entes federativos não mudam, continuando com 12% para a União, 23% dos estados e 65% para os municípios.

 

HGE amplia hemodiálise

          Oito novas máquinas foram adquiridas para reforçar o Serviço de Hemodiálise do Hospital Geral do Estado (HGE), sendo quatro de diálise e quatro de osmose. Isso irá possibilitar uma ampliação no atendimento, já que o serviço antes era prestado por duas máquinas que só atendiam três pacientes renais por dia. O novo equipamento terá capacidade de atender a doze pacientes. Quatro técnicos e uma enfermeira estão sendo treinados para o manuseio dos novos equipamentos, com apoio de uma enfermeira enviada pelo fabricante para repassar o conhecimento.

HGE amplia hemodiálise 2

          A hemodiálise é o método que visa atender, mecanicamente, o trabalho que é desempenhado pelos rins no corpo humano. A máquina filtra o sangue, retirando as impurezas e garantindo a sobrevivência do paciente. Este procedimento libera o corpo dos resíduos prejudiciais à saúde, como o excesso de sal e de líquidos. Também controla a pressão arterial e ajuda o organismo a manter o equilíbrio de substâncias como sódio, potássio, ureia e creatinina. A hemodiálise é indicada a pacientes com insuficiência renal aguda e crônica.

Artistas reduzirão as críticas?

                   O novo ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, disse em entrevista após tomar posse, que tentará buscar um consenso em meio à radicalização da classe artística contra o governo de Michel Temer. Ele disse que se considera um “ecumênico” e por isso vai trabalhar pelo bom senso, e que este é o momento de “baixar a bola e buscar objetivos comuns”. Neste momento, artistas comandam uma campanha nacional pressionando o Congresso a aceitar a abertura de investigação contra Temer. Para o novo ministro a hora é de união para enfrentar a crise juntos. “É fundamental que a cultura brasileira retome seu papel na agenda da sociedade” disse Leitão.

Artistas reduzirão as críticas? 2

                   Ao assumir a pasta Sérgio Sá Leitão pediu ao presidente a “recomposição orçamentária” do Ministério da Cultura. Defendeu que essa medida é fundamental para que as instituições ligadas à cultura possam funcionar com um padrão mínimo de qualidade. Disse ainda que pretende canalizar recursos para a realização do Carnaval do Rio de Janeiro. A Liga das Escolas de Samba pleiteia R$ 13 milhões do governo federal para realizar o evento, uma vez que o prefeito do Rio, Marcelo Crivella, cortou pela metade a subvenção da festa. “O Ministério da Cultura não pode ficar de fora deste evento, e vamos ver de que forma será possível contribuir com a festa” disse o Ministro.

 

 

  • A Caixa Econômica Federal (CEF) garantiu ontem que não haverá prorrogação no prazo para o saque das contas inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). O prazo se encerra dia 31 (segunda-feira).
  • Em Alagoas, mais de 150 mil trabalhadores procuraram as agências da CEF para o saque, cerca de 10 mil pessoas a mais do que esperava a Caixa.
  • Pelo menos R$ 150 milhões foram sacados das contas inativas e injetados na economia alagoana nos últimos 60 dias.
  • Inicialmente o dinheiro era liberado de acordo com a data de nascimento do trabalhador. Agora, o saque está disponível para todos os que tem direito, independente do mês de nascimento.
  • Podem sacar o benefício todas as pessoas que pediram demissão ou tiveram seus contratos encerrados por justa causa até o dia 31 de Dezembro de 2015.
  • Quem ainda tiver dúvidas sobre o direito ao benefício e sobre o valor que vai receber pode acessar o site da Caixa Econômica Federal, ou ligar para o Serviço de Atendimento ao Cliente pelo 0800 726 2017.