Flávio Gomes

12 de julho de 2017

A feira da corrupção

Do cineasta Cacá Diegues, em “O Globo”: “Não foram só os ladrões públicos hoje famosos, tipo Eduardo Cunha, Sérgio Cabral ou Aécio Neves, nem só os bandidos da Petrobras de tantos nomes e caras horrendas. Não foram só esses que nos incomodaram. Aquela dupla sertaneja da JBS, hoje isenta de punição, representa muito bem os criminosos que, além de roubar o país e a nós, destruíram nossos sonhos, jogaram no lixo nossas esperanças, riram de nossa ingenuidade, nos trataram como babacas, enquanto tomavam, para seu uso pessoal, os recursos de nossos hospitais, escolas, transportes, saneamento, segurança, tudo o que os nossos governos não fizeram. Mas ainda temos exemplos luminosos a seguir. Bob Marley ia fazer um show pela paz, quando direitistas invadiram sua casa e atiraram nele, que ficou ferido. Dois dias depois, mesmo ainda ferido, Marley voltou a subir num palco em praça pública para cantar pela paz. E cantou diante de uma multidão encantada. Alguém então lhe perguntou por que arriscara tanto sua vida. Ele respondeu: ‘As pessoas que tentam tornar esse mundo pior não tiram um dia de folga. Como é que eu posso tirar?’. Entre a pobreza do real e o exagero do sonho, não existe apenas a irracionalidade, a brutalidade e a ganância dos que estão em campo.”

Repulsa

Renan Calheiros está, notoriamente, afastado do governo de Michel Temer. Isso não impede, contudo, que o presidente insista em procurar o senador para conversar. Nesta semana, por exemplo, Temer tem ligado com freqüência para Renan, correligionário de PMDB. Mas o ex-aliado não tem lhe dado retorno.

 

Ao futuro

Foi um sucesso o encontro com empresários e gestores públicos com os ministros do Turismo, Marx Beltrão, e dos Transportes, Maurício Quintella, para discussão do que o programa “Brasil Mais Turismo” tem a oferecer a Alagoas. A questão, agora, é saber se os ministros manterão os cargos, em eventual saída de Temer.

 

Epílogo

O governador Renan Filho protagonizou o final de uma demorada novela, ao nomear o procurador Rodrigo Siqueira Cavalcante, do quadro efetivo do Tribunal de Contas, para o cargo vitalício de conselheiro. Ex-Procurador de Estado, Rodrigo não tem vinculação político-partidária e é bem avaliado na área jurídica.

Olho vivo

O portal Monitora Alagoas, implantado há um ano pelo deputado estadual Rodrigo Cunha, do PSDB, permite que o cidadão acompanhe se Renan Filho está cumprindo seu plano de governo, que tem 274 metas a serem atingidas em quatro anos de gestão. Em dois anos e meio, 46% das metas não foram iniciadas.

Proposta

Do presidente do TRE/AL, desembargador José Carlos Malta Marques, sobre a intenção do TSE em reduzir o número de Zonas Eleitorais: “Fizemos um estudo que deve extinguir 13 zonas eleitorais. Porém, levarei a minha sugestão pessoal de que não haja esse remanejamento em Alagoas, já que a economia é insignificante.”

Manobra

Nem todos os postos de combustível de Maceió diminuíram os preços às vésperas da operação do Procon municipal que apura a exorbitância dos valores na capital em relação ao interior do Estado. Houve quem mantivesse o preço alto, em torno de R$ 3,75 para a gasolina. Mas muitos diminuíram para até R$ 3,14.

Opinião

Jessé Souza, sociólogo, em “Carta Capital”: “A recusa em confrontar o passado escravista gera uma incompreensão sobre o Brasil moderno. Incluo no problema de interpretação da realidade a tese do patrimonialismo, que tanto a direita quanto a esquerda, colonizada intelectualmente pela direita, adoram.”

 

*A Escola Judiciária Eleitoral, do Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas, realiza hoje, na Escola Estadual Marcos Antônio Cavalcanti, às 15h30m, debate com temas ligados à democracia, cidadania e à importância do voto. Mais de 450 alunos participarão.

*Alunos da Ufal venceram as categorias Estudante e Menção Honrosa do Prêmio José Marques de Melo de Jornalismo em Ciência, Tecnologia e Inovação: Lucas Thaynan Gomes dos Santos, Graziela França, Andreza Brandão e Karina Karolinne Dantas.

* O Centro Acadêmico de Economia da unidade da Ufal em Santana do Ipanema realiza, de hoje até 6ª feira, a Primeira Semana de Economia, com o tema “Introduzindo saberes acadêmicos”. O professor Cícero Péricles é o primeiro conferencista.

 *A Imprensa Oficial Graciliano Ramos lança hoje a nova edição da obra “Calabar – Um poema dramático”, do escritor alagoano Lêdo Ivo, com direito a leitura dramática do texto. Às 20 horas, no Teatro de Arena, pela programação do bicentenário de Alagoas.

*Seis experiências bem-sucedidas desenvolvidas em quatro municípios alagoanos serão expostas no 33º Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, de hoje a sábado, em Brasília, em rodas de conversas que estão programadas para o evento.

*O Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas inicia hoje, a partir das 9 horas, na Grota do Canaã, a primeira edição do programa Bombeiro Mirim, voltado para crianças e adolescentes das grotas de Maceió. A ação está incluída no programa Vida Nova.

*Até 21 de julho o Centro de Belas Artes, equipamento da Secult, recebe inscrições para as oficinas de produção de xequerê e atabaque. O curso é uma realização da Orquestra de Tambores, do Ponto de Cultura para Tambores de Alagoas Ilú Orun.

 

 “Das esperanças mortas nascem as grandes resoluções”

Camilo Castelo Branco

Escritor brasileiro