Flávio Gomes

1 de julho de 2017

Janot encurralado

Jorge Oliveira: “O embate entre o presidente e a procuradoria só favoreceu o Temer. Se não vejamos: Janot distribuiu seu parecer que envolve o presidente em corrupção passiva, papeis frios que chegaram à imprensa numa coletiva. Temer usou a televisão ao vivo para soltar um míssil contra Janot que vai destroçar a sua reputação e de seus procuradores caso ele não esclareça melhor que não tem nenhum envolvimento com Marcelo Miller, o procurador que deixou o cargo para trabalhar a soldo de Joesley e ajudar a aprovar os acordos de leniência que favoreceram o grupo bilionário dos Batista. A pergunta que fica no ar é a seguinte: como um procurador que chegou ao cargo por concurso público deixa o emprego vitalício tão bem remunerado para se engajar na causa dos Batista, levando com ele todos os segredos das investigações? É no mínimo esquisito, não acha? Pois é, foi por achar estranho que os assessores de Temer foram investigar o afastamento do procurador e descobriram que ele não cumpriu nem a quarentena determinada por lei para exercer outra função na iniciativa privada. E o seu envolvimento com o Joesley, coincidentemente, aconteceu no momento em que ele fazia a delação premiada que resultou em todo esse fuzuê. O lamaçal é geral. Tudo indica que dessa esculhambação generalizada não se salva ninguém.”

Argumento

Não foi fácil, como pode parecer, a decisão de Renan Filho em conceder reposição salarial aos servidores estaduais. Após muitas avaliações, a tendência era não dar aumento algum, a exemplo do ano passado. O governador foi convencido ao saber que o Judiciário e o Ministério Público iriam implantar a reposição.

Explicado

O senador Renan Calheiros (PMDB) renunciou à liderança do PMDB para não ser destituído pelos colegas de partido. É o que informa o site “O Antagonista”: “Renan decidiu entregar o cargo de líder no PMDB no Senado. Saiu antes de ser saído: Romero Jucá havia conseguido os votos necessários para tirá-lo”.

Quem pode

O advogado Omar Coêlho ganhou a disputa com o deputado federal Cícero Almeida (PMDB) e assumirá hoje a presidência em Alagoas do “Podemos”, partido que substitui o PTN. O lançamento da nova legenda, liderada pelo senador Álvaro Dias (PR), será às 9 horas, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília.

Solidários

Pelo menos quatro políticos alagoanos têm manifestado irrestrito apoio ao presidente Michel Temer, num momento político tão difícil. São eles o senador Benedito de Lira (PP) e os deputados federais Arthur Lira (PP), Maurício Quintella (PR) – Ministro dos Transportes e Marx Beltrão (PMDB) – Ministro do Turismo.

A pulso

Quando as greves ocorriam unicamente em busca de direitos trabalhistas o movimento era pacífico, conquistava adesões apenas à base do convencimento. Agora, não. Para uma “greve” é utilizada a força bruta, com fechamento de ruas e rodovias, para evitar que o cidadão possa se deslocar de casa para o trabalho.

“Convencimento”

O ministro Marco Aurélio Mello negou pedido de prisão e determinou a volta de Aécio Neves ao Senado. O que reforça a idéia, corrente em Brasília, de que, diante de tantas evidências, Aécio chantageou os ministros do STF, conseguindo se livrar e também tirar da prisão a irmã e um primo, envolvidos nas acusações contra ele.

Opinião

Advogado José Paulo Cavalcanti: “Na ditadura militar, caso fosse proibida a exibição de filme sobre um intelectual de esquerda diriam que seria censura. Inclusive esses mesmos cineastas/revolucionários de agora, imagino. Já filme sobre um intelectual conservador, eles protestam. Antes, era censura. Agora, só um gesto democrático.”

 

A Prefeitura de Paripueira pagou ontem aos servidores efetivos e antecipou 50% do 13º salário. Segundo o prefeito Haroldo Nascimento isso foi possível porque encontrou uma gestão organizada e sem dívidas, deixada pelo antecessor Abrahão Moura.

*Os salários referentes ao mês de junho de 2017 começam a ser pagos neste sábado pela Prefeitura de Arapiraca, para servidores efetivos da primeira faixa e aposentados, o que representa 80% do funcionalismo público. Os demais recebem em 10 de julho.

*O Hotel Jatiúca sedia, neste sábado, o “Data Science For Business”, maior evento de ciência de dados do Brasil. A Controladoria Geral do Estado apresentará o funcionamento do Observatório da Despesa Pública e seus fluxos, com Adriana Araújo.

*As comemorações da Semana do Bombeiro Militar 2017 continuam. Neste sábado acontece, em Arapiraca, a II Corrida do Fogo; amanhã, competição Bombeiro de Fibra e a Gincana Infantil, na Ponta Verde; 3ª feira, Seminário de Proteção Contra Incêndio.

*O Shopping Pátio Maceió anuncia a ‘Pracinha Pátio Maceió’, neste domingo, com brinquedos, recreação e atividades lúdicas. E a continuidade da exposição “Amor 21”. As atrações funcionam de 2a a sábado, das 10 às 22 horas, e, domingos, das 12h às 21h.

*O Museu da Imagem e do Som de Alagoas recebe neste sábado a oficina de teatro do grupo Cena Livre, para crianças a partir de oito anos, das 9 às 12 horas.  Ana Sofia Oliveira e Mauro Braga são os atores, diretores e dramaturgos do Grupo Cena Livre.

 *Os clubes alagoanos que participam da Série C do Campeonato Brasileiro têm jogos neste domingo, às 16 horas: em Salgueiro, o CSA, líder do grupo, pega o lanterna Salgueiro PE; em Arapiraca, o ASA, 7º colocado, recebe o Botafogo PB, segundo lugar.

 

“Ele nunca teve vocação para marionete”

 Renan Filho

 Governador de Alagoas, sobre o pai, senador Renan Calheiros, que deixou a liderança do PMDB