Roberto Baia

26 de Maio de 2017

O clima é tenso

Não é nada saudável o clima entre Poderes Executivo e Legislativo de Arapiraca. Em meio à falta de diálogo e troca de farpas entre assessores diretos do prefeito e vereadores, alguns blogueiros têm colocado ainda mais lenha na fogueira. Um deles, que está sendo acusado de ter sido contratado a peso de ouro pela Prefeitura, fez uma postagem onde afirma que “vereadores imploram para que Rogério Teófilo não divulgue os nomes dos servidores fantasmas”. Ou seja: Vereadores estariam pedindo pelo amor de Deus para Teófilo não divulgar os nomes dos servidores que não trabalham e que foram indicados por eles”.

 

Mais polêmica

De imediato, houve repúdio dos vereadores que durante a sessão especial realizada no auditório da CDL, na noite de quinta-feira, 24, usaram a tribuna da Casa para criticar a notícia, que alegam ser inverídica e que teria sido postada com a finalidade de denegrir a imagem da Câmara de Vereadores.

 

Voto de repúdio

Na parte das explicações pessoais dos vereadores, o primeiro a falar foi o Pastor Marcos Caetano, que iniciou dando um voto de repúdio as críticas que estão sendo feitas aos vereadores por parte da imprensa, principalmente por pessoas que ele classificou de “incapacitadas intelectualmente”, que usam a mídia para tentar denegrir a imagem de homens e mulheres de bem.

 

Campanha difamatória

O vereador Moisés Machado também foi outro a lamentar o problema. Ele lembrou que em toda a história do Poder Legislativo de Arapiraca, ninguém nunca viu uma campanha difamatória como está ocorrendo.

Machado lamentou que neste contexto haja servidores da Prefeitura, usando as redes sociais para denegrir a imagem de uma instituição como a Câmara Municipal.

 

 

“Fantasminhas”

Ainda em seu pronunciamento, Moisés Machado indagou por que um vereador não pode ter um cargo comissionado, se em todas as esferas isso acontece. Segundo ele, um vereador parceiro da administração não pode, mas um vereador de Pão de Açúcar pode.

“Não posso entender certas coisas. Por exemplo: Um vereador de Arapiraca não pode ter um cargo comissionado e um vice-prefeito de outra cidade pode. É importante registrar que a Prefeitura está mapeada com cargos de “fantasminhas” e é bom o próprio prefeito Rogério Teófilo, dizer quem são os “fantasmas”, alfinetou o vereador.

 

Hospital de Emergência

O Setor de Ortopedia do Hospital de Emergência Daniel Houly (HEDH), em Arapiraca, está ampliando os serviços para garantir maior rapidez na recuperação dos pacientes atendidos no estabelecimento público de saúde.

Após reunião com a presença do assessor-diretivo do hospital, Paulo Roberto Pereira,  assistente social e coordenador do Setor de Gerenciamento de Leitos e Risco, Rodrigo Barbosa,  coordenador de Ortopedia do Hospital de Emergência, médico Gustavo Nascimento, bem como de enfermeiras e técnicas de enfermagem, ficou definido, nesta quinta-feira (25), um novo procedimento para os pacientes que necessitam de acompanhamento especializado depois de um processo cirúrgico.

 

Mais ágil

Todos os pacientes que receberem alta médica, no Hospital de Emergência do Agreste, já sairão da unidade de saúde com dia, hora e especialistas previamente agendados para atendimento no Centro Hospitalar Manoel André (Chama).

“Já conseguimos reduzir e tornar mais ágil todo o procedimento das cirurgias de segundo tempo e, agora, vamos ter maior eficiência e qualidade nos atendimentos aos pacientes da área da ortopedia”, destacou o assessor-diretivo do HEDH, Paulo Roberto Pereira.

 

Recuperação

Antes da adoção da nova logística com a parceria do Hospital Chama, os pacientes recebiam alta médica e o médico recomendava procurar o serviço de ortopedia, mas nem sempre os usuários retornavam ao Hospital de Emergência, tornando mais difícil o acompanhamento acerca de sua recuperação.

“Agora, com essa ampliação do serviço, estamos garantindo uma dinamização dos leitos hospitalares aos pacientes oriundos do setor de emergência, assegurando mais vagas, maior comodidade e eficiência nos atendimentos à população”, completou o diretor Paulo Roberto Pereira. 

 

A greve continua

Em assembleia, realizada na Escola Hugo Lima, na manhã de ontem (25), os professores da rede municipal de Arapiraca, votaram pela permanência da greve.

Reconheceram o canal de diálogo que foi aberto pela prefeitura, mas que de concreto não houve nenhuma proposta real.  “Vamos manter a greve até os estudos da situação for apresentada”.

‘Só agora resolveram entregar alguns documentos, cinco meses depois. E ainda vamos ter que analisar a situação, como também fazer recadastramento. “Isso serve só pra ganhar tempo”, falaram os professores.

 

Licença ambiental

O Ministério Público Federal em Alagoas (MPF/AL) expediu mais uma recomendação ao Instituto do Meio Ambiente (IMA) para que reavalie a concessão de licença ambiental ao empreendimento imobiliário “Reserva dos Milagres”, localizado em São Miguel dos Milagres/AL, bem como em relação a outros empreendimentos similares na região que abrange os municípios de Passo de Camaragibe e São Miguel dos Milagres, reavaliando-se o processo e a própria concessão de licenças ambientais.

 

 

Recomendação

A Recomendação 03/2017, de 4 de maio, também é destinada empresa à Home Construções e Incorporações Ltda e à Jotabê Construções e Engenharia, responsáveis pelas obras do empreendimento, os quais devem se abster de iniciar qualquer construção em “Reserva dos Milagres” até que o IMA/AL promova a reavaliação técnica necessária na licença ambiental expedida, sob pena de serem adotadas as medidas judiciais cabíveis.

  

… Do Norte ao Sul do Estado, as estradas conectam os alagoanos e abrem caminhos para novas perspectivas de segurança viária e crescimento econômico e social. E no Sertão não é diferente. Pensando nisso, o governador Renan Filho e o secretário de Transporte e Desenvolvimento Urbano, Mosart Amaral, assinam, nesta sexta-feira (26), a ordem de serviço para início dos trabalhos de recuperação asfáltica em Olivença, às 10h, e no município de Olho d’Água das Flores, às 11h30.

 

… Ao todo, mais de 81 mil moradores serão beneficiados com a reestruturação de cerca de 30 quilômetros de rodovias. 

 

… Na AL-125, os serviços do Pró-Estrada vão recuperar 11 quilômetros do trecho que vai do entrocamento da AL-130 ao acesso de Olivença; já na AL-130, o programa atuará em 18,5 quilômetros da rodovia, que interliga os municípios de Olho d’Água das Flores e Santana do Ipanema.