Sérgio Toledo

2 de Maio de 2017

A falta de lideres.

 

Estamos presenciando no Brasil a falta de líderes para conduzir uma imensa nação. Citarei alguns que infelizmente já nos deixaram: Ulisses Guimarães, Franco Montoro, Mário Covas, Francelino Pereira, etc.

O País vai se arrastando meio que sem rumo. Não temos noção até onde vai ou se vai chegar a algum lugar. “Os líderes” atuais estão cada dia sendo envolvidos nas famosas operações e suas ações. E o pior. Os partidos que são mais de vinte, quase trinta, também estão bastante comprometidos.

Todos sentem a necessidade das reformas política, trabalhista e previdenciária, porém como não existem líderes não há uma voz que possa explicar o porquê das mesmas e da sua necessidade para o bem dos seres humanos brasileiros.

Então o que aparece? O falso líder espalhando o terror entre os menos avisados. Principalmente os que carecem de um melhor estudo e discernimento.

Ontem fazendo minha atividade física, caminhada, na orla de Maceió fui seguindo o movimento do 1º de maio. Muito triste mesmo o que “as lideranças” falavam e instigavam os que ouviam. Parecendo até que moram em outro planeta ou em outra galáxia, pois atravessavam tudo que se pode imaginar. O que pensar? Ou não ouvem, não leem, não percebem ou simplesmente só pensam em si. No seu bem estar e da sua patota.E pior é que em toda a sua fala não apresentavam nenhuma proposta consistente para a solução dos problemas.