Blog do Dresch

27 de Abril de 2017

Comissão quer apurar cartel dos postos

            Pode não dar em nada, mas qualquer tentativa é válida. Por isso a Câmara de Vereadores de Maceió resolveu criar uma Comissão Especial de Investigação (CEI) para apurar as denúncias de formação de cartel por parte dos postos de combustíveis. O requerimento é de autoria do vereador José Márcio Filho (PSDB) e contou com a assinatura de nove vereadores. O autor diz ter recebido um grande número de denúncias sobre a igualdade do preço dos combustíveis em todos os postos da capital.

 AGU quer mais R$ 11 bi

             A Advocacia-Geral da União (AGU) deu entrada em mais uma ação de improbidade administrativa contra 13 empresas e sete pessoas físicas investigadas pela Operação Lava Jato. A ação pretende fazer os citados a devolverem R$ 11,3 bilhões, e tem como alvo as construtoras Odebrecht, Camargo Correia, OAS, Galvão, UTC e Engefix. Também estão incluídos os ex-diretores da Petrobrás, Paulo Roberto Costa, Renato Duque e Pedro Barusco, executivos das empreiteiras e o presidente da Odebrecht, Marcelo Odebrecht. Esta é a sexta ação ajuizada pela AGU contra investigados na Lava Jato. Somando todos os processos, o montante alcança R$ 40 bilhões, valores destinados a reparar os danos causados à Petrobrás. Nesta última ação, a AGU pede o ressarcimento de R$ 2,8 bilhões, além do pagamento de multa equivalente a três vezes o valor do dano (R$ 8,5 bilhões) totalizando os R$ 11,3 bilhões.

Greve na aviação

          Pilotos e comissários de voo de todo o país estão em estado de greve, na tentativa de pressionar o governo e o congresso a fazer mudanças na reforma trabalhista que está em votação na Câmara dos Deputados. Nesta quinta acontece uma nova assembleia para decidir pela decretação da paralisação ou pelo encerramento do movimento. A maior queixa dos trabalhadores da aviação brasileira é sobre a implantação do trabalho intermitente, que permite a convocação apenas para trabalhos esporádicos, sem contratação permanente.

Greve na aviação 2

              Como as empresas aéreas têm períodos de altos e baixos na movimentação, o trabalho intermitente poderia ser aplicado, prejudicando os empregados do setor. Segundo o Sindicato Nacional dos Aeronautas, este tipo de mudança nas relações trabalhistas atingiria tanto os pilotos de pequenas aeronaves, como das grandes empresas. Outro ponto da reforma, criticado pelos aeronautas é a justa causa no caso de perdas de licenças ou certificados. Isso seria um retrocesso para a categoria.

Ações de saúde nas escolas

             A partir deste ano, as escolas públicas de todo o país vão atualizar o calendário de vacinas dos alunos e promover diversas ações de saúde, como prevenção à obesidade, cuidados com a saúde bucal, auditiva e ocular, combate ao Aedes aegipty, incentivo à atividade física e prevenção de doenças sexualmente transmissíveis. A portaria foi assinada pelos ministros da Saúde, Ricardo Barros, e da Educação, José Mendonça Filho. Serão doze ações a serem implantadas nas escolas em um prazo de dois anos.

 

Ações de saúde nas escolas 2

             Para incentivar a participação dos municípios o Ministério da Saúde vai destinar R$ 89 milhões em recursos a serem destinados, que serão transferidos em parcela única. O prazo de adesão começa no dia 2 de Maio até 14 de Junho. Segundo o Ministério, a iniciativa conta com o envolvimento de mais de 32 mil equipes de atenção básica, distribuídas em 4.787 municípios e que já atuaram nas escolas. O governo federal vai acompanhar o desempenho dos municípios por meio do registro de ações e indicadores de resultados.

Hospital do Câncer

             Arapiraca vai ganhar o Hospital do Câncer para atender a uma antiga reivindicação do município, do agreste e do sertão de Alagoas. A obra foi anunciada pelo governador Renan Filho, que conseguiu R$ 10 milhões em recursos junto ao Ministério da Saúde, para dar início à construção. O Hospital do Câncer faz parte do processo de reestruturação da rede de saúde tanto na capital (com os hospitais da Mulher e Metropolitano) como no interior.

 

 

  • Quase 25 mil vagas temporárias de nível fundamental e médio estão disponíveis para serem preenchidas através de concurso público a ser realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
  • As oportunidades são para atuar no Censo Agropecuário 2017. O concurso será realizado pela Fundação Getúlio Vargas e os salários variam entre R$ 1,6 mil a R$ 1,9 mil.
  • As vagas de nível médio são para agente censitário municipal (1.172 vagas) e agente censitário supervisor (4.867 vagas). Os postos de nível fundamental são para recenseador (18.845 vagas).
  • Do total de vagas ofertadas no concurso, 5% são reservadas para pessoas com deficiência e 20% para negros.
  • A prova objetiva será aplicada no dia 16 de julho das 13h ás 17h. A previsão de duração do contrato é de até 7 meses para agente censitário municipal e agente censitário supervisor e de até 5 meses para a função de recenseador.