Edmilson Teixeira

31 de Março de 2017

Maribondo – em alta

A Primeira-Dama do município Emanuella Pedrosa tem se destacado na administração pública maribondense, sobretudo promovendo ações à frente da Secretaria de Assistência Social. Todas as segundas-feiras, por exemplo, como parte de um programa, percorre a periferia da cidade, distribuindo sopões para as famílias carentes. No Dia Internacional da Mulher, promoveu uma grande homenagem a toda classe feminina. Tem como grande parceiro, o esposo,Leopoldo Pedrosa, o prefeito que pegou um abacaxi sem igual na Prefeitura; mas que já deu sinais nesses primeiros três meses, de que a coisa leva jeito para se reverter.

 

Maribondo – festa

 Por falar em Maribondo, domingo passado Val Borges reuniu um grupo de amigos, a fim de comemorar seu meio século de vida. A festa foi numa chácara da família na Barra Nova, Marechal Deodoro. Val é uma liderança de Maribondo, que hoje atua no governo do prefeito Leopoldo Pedrosa, comandando uma unidade de Saúde. Na qualidade de assessor, detém uma forte  influência política; tanto em Alagoas como no Congresso Nacional.

  

Barra de Santo Antônio


 O empresário Ronaldo Lessa Campos promove nesta sexta-feira, em sua Chácara na Barra de Santo Antônio, a sua tradicional feijoada do ano. É um evento que segundo ele, visa reunir seus amigos, sobretudo políticos, lideranças e formadores de opinião, para um momento de bate-papo político e de muito entretenimento. Lessa na gestão passada comandou com destaque lá na Barra, as secretarias do Trabalho e Assistência Social; onde ambas foram tidas, conforme Lessa assegura, como as mais participativas entre todas do gênero da região Norte.    

 

Palmeira dos Índios

 

Leitor nosso em Palmeira nos revela que prefeito Júlio Cezar (PSB), tem sido bombardeado diariamente em uma emissora de rádio local pertencente a um de seus aliados. O estopim dessa história tem partido do radialista Anselmo Robério, que diariamente  dedica todo o seu programa na Rádio Palmeira FM para criticar o gestor municipal.

 

Carona

 

Detalhe é que a emissora Palmeira FM pertence ao deputado Edval Gaia (PSDB), que se aliou durante a reta final da campanha eleitoral com Júlio Cezar, de forma oportunista, visto que Cezar era o único candidato que até então se mantinha na dianteira de todas as pesquisas de forma avassaladora.

 

Turbulência

 

Na verdade os ataques contra Júlio Cezar chamam atenção pelo fato de as investidas contra ele partirem de dentro do seu próprio grupo político. É o chamado “fogo amigo”.

O que causa estranheza é que o irmão do deputado Val Gaia, Rodrigo Gaia (que chegou a ensaiar sua candidatura a prefeito) é hoje o titular de uma das pastas mais importantes do município: a Administração. Então, o que levaria a família Gaia a estar patrocinando ataques contra seu aliado?

 

São Miguel dos Campos


Depois de Maceió e União dos Palmares, agora foi a vez de  São Miguel dos Campos. É que na quarta-feira,  aproximadamente 130 transportadores complementares daquela cidade, além de Roteiro, Teotônio Vilela, Luziápolis, Boca da Mata e Campo Alegre  participaram de um treinamento promovido pela  Arsal.

 

Coqueiro Seco

 

Há oito dias o presidente da Emater/AL, Carlos Dias, se reuniu com a prefeita Decele Damaso, a fim de discutir ações conjuntas que possam fortalecer a agricultura no município. A prefeita argumentou que os agricultores de lá  precisam do apoio tanto do município como do Estado, sobretudo para aperfeiçoar suas produções, voltadas principalmente ao cultivo do coco seco, mandioca e derivados como: farinha e massa puba; além de culturas direcionadas ao consumo próprio ou pequeno comércio, como feijão, milho e melancia.

 

Mata Grande

 

Por falar em  Emater, na terça-feira o órgão  discutiu no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o resultado final do diagnóstico para implantação de projeto que busca fortalecer a bovinocultura de leite e corte em áreas remanescentes da cana de açúcar. O projeto será executado ao longo de dois anos na região da grande mata alagoana, composta por 32 municípios das microrregiões: Mata Alagoana, Serrana dos Quilombos, Litoral Norte e São Miguel dos Campos, e escolhida por seu potencial na criação do gado de corte e de leite. 

 

 

Delmiro Gouveia

 

Segundo o site Radar 89, quem passa hoje  pela ponte metálica, divisa da Bahia (Paulo Afonso) e Alagoas (Delmiro Gouveia), pode perceber que nas águas do Cânion do Rio São Francisco apareceram novamente a vegetação verde com flores roxas. Essas plantas são as baronesas que se alimentam da matéria orgânica dos esgotos. Elas alertam para os dejetos das cidades que estão sendo jogados no Rio.   

 

Diagnóstico

 

Segundo os ambientalistas, as baronesas ajudam a filtrar as impurezas que chegam às águas do rio. Mas, o problema é que, depois de certo tempo, o trabalho passa a ser feito ao contrário e surgem vários transtornos, como o mau cheiro.   Uma medida paliativa apontada é fazer a retirada das baronesas e ser tomada uma providência no despejo do esgoto da cidade.