Roberto Baia

29 de Março de 2017

Girau é o Jardim do Éden

Cazuza em sua música “Maior abandonado”, foi enfático: “Estou perdido, sem pai e nem mãe”… Pois é, Até agora, os aliados e “maiores abandonados” que apoiaram o prefeito de Girau do Ponciano, David Barros, não estão simplesmente sozinhos, sem pai e nem mãe, mas, também, sem eira e nem beira. Até o momento, o chefe do executivo girauense, que deu uma surra no adversário com ajuda dos “irmãos”, deu uma de Caim e foi curtir “solamente”, o Jardim do Éden…

Pois é. É a vida boa, sempre bela e aperreada.

 

Não assinaram

Do indefectível e polêmico radialista arapiraquense Ailton Avlis, em sua página do face: “Da lista dos vereadores que assinaram um documento pedindo explicação sobre o PSS da Educação de Arapiraca, apenas os vereadores Sinielza e Melquizedeque Pessoa não assinaram. Depois das 10h da manhã de terça-feira, 28, a vereadora Graça, presidente da Câmara, acabou assinando, segundo informou o vereador Willomaks da Saúde”.

 

 

Veneno no face 1

 

 

Por falar em facebook, em seu perfil, Liendja Calina Oliveira pede “ao prefeito Rogério Teófilo que “tire a b… da cadeira e visite as comunidades de bairros”. Se mostrando revoltado e indignado, Liendja desabafa, ou denuncia, que “o voto da mudança virou o voto do abandono!!! #prefeitofraco”. E Calina vai mais além: denuncia que “Secretaria de Saúde, lotada de cabos eleitorais… Pode?

 

Veneno no face 2

A propósito, o perfil Liendja Calina foi uma crítica ferrenha da gestão da prefeita Célia Rocha.

Em tempo: durante os três primeiros meses da gestão de Teófilo, o perfil se manteve silencioso. O que virá de agora por diante????

 

Veneno no face 3

Ao finalizar a sua “performance” em seu perfil, Liendja Calina foi avassaladora ao indagar: “Quantos prefeitos há no município de Arapiraca?”.

Pergunta pertinente? Pois é. Só o tempo dirá.

 

Devassa no TCE

E a Polícia Federal fez uma devassa no Tribunal de Contas do Estado (TCE), no bairro do Farol, durante a manhã de ontem, terça-feira (28). A operação foi uma determinação do Juízo da 2ª Vara Federal da Seção Judiciária de Alagoas.

Os agentes da PF recolheram documentos do setor de Recursos Humanos da corte de contas do Estado. As investigações estão relacionadas aos anos de 2009 e 2010.

 

Outra operação

No ano de 2011, o órgão foi alvo da Operação Rodoleiro, que investigava um esquema que utilizava empresas laranjas da capital, Barra de São Miguel e Atalaia, e seria responsável pelo desvio de cerca de R$ 100 milhões. O objetivo da operação em à época era investigar casos de apropriação indevida de parte dos recursos orçamentários destinados ao pagamento de pessoal da Corte de Contas.

 

Pesquisa

O presidente da Agência Reguladora de Serviços Públicos de Alagoas (Arsal), Marcus Vasconcelos, se reuniu na manhã de terça-feira, 28, com os integrantes do Núcleo de Pesquisa e Inovação da Arsal/Fapeal, para agradecer o trabalho realizado pelos bolsistas durante o período de vigência do convênio de Programa de Apoio à Pesquisa e Desenvolvimento das Políticas em Áreas Estratégicas (PDPP), entre setembro de 2015 e março deste ano.

 

Gestão da Arsal

A coordenadora do Núcleo, professora Lícia Gatto, mestre em Educação, destacou que o projeto que ora se encerra foi exitoso e colaborou pra alavancar a gestão da Arsal e plantar a semente da sustentabilidade no órgão público.

 

Gestão sustentável

“Com o trabalho realizado por uma equipe multidisciplinar, deixamos um legado na área da gestão executiva e uma proposta de sustentabilidade que precisa ser amadurecida e ter continuidade”, afirmou à coordenadora, se referindo a um dos projetos desenvolvidos pelo Núcleo na área de gestão sustentável, com a adoção de medidas sócio-ambientais e a distribuição da cartilha “Sustentabilidade em Ação”.

Relatório final

Lícia acrescentou que o relatório final, com o resumo das atividades desenvolvidas pelo Núcleo, foi entregue no dia 20 deste mês a presidência da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado (Fapeal).

 

 

… O oficio da Câmara Municipal de Arapiraca com a assinatura de 15 dos 17 vereadores foi entregue na terça-feira (28) ao prefeito Rogério Teófilo (PSDB).

 

… O documento questiona o processo seletivo para a classificação e contratação em regime temporário de 600 servidores a grande maioria da área da educação.

 

… A informação é do vereador Willomak da Saúde do (PRP) em uma entrevista concedida ao radialista Ailton Avlis na manhã desta terça-feira (28) na Rádio Pajuçara FM.

 

… De acordo com o vereador, o documento não foi entregue anteriormente em razão de um erro de data do setor jurídico da Câmara Municipal de Arapiraca.

 

… “As suspeitas de irregularidades e reclamações das pessoas nesse certame são inúmeras e se houver irregularidade vamos recorrer ao Ministério Público”, assegurou o vereador. Willomks defende a realização de concurso público e a convocação  da reserva técnica da Educação.