Blog do Dresch

29 de Março de 2017

Crédito para uma comunidade quilombola

                   Cerca de 100 famílias residentes no Povoado Cajá dos Negros, em Batalha, foram beneficiadas com um crédito cedido pela Agência de Desenvolvimento de Alagoas, a Desenvolve. Os recursos foram liberados pelo governador Renan Filho e pelo presidente da Desenvolve, Rafael Brito, e serão aplicados na compra de insumos, ampliação da produção e na melhoria do estoque dos produtos. Segundo Brito “a liberação destes recursos permite aos moradores melhorarem suas colheitas e sua produção e terem condições de vida mais dignas”. Os moradores de Cajá dos Negros descendem de grupos quilombolas e mantém seus costumes e sua cultura na região do Agreste alagoano.

 

  Nova paralisação geral

                   As centrais sindicais escolheram o dia 28 de Abril como data para mais um protesto contra a reforma da Previdência e as mudanças na legislação trabalhista incluindo o projeto de terceirização aprovado pela Câmara dos Deputados. A decisão foi tomada em uma reunião que teve a participação da União Geral dos Trabalhadores (UGT), da CTB, CSB, Nova Central, Força Sindical, CUT, Intersindical, a CSP-Conlutas e a CGTB. O último movimento aconteceu no dia 15 de Março e contou com o reforço do MST (Movimento dos Trabalhadores Sem Terra) e do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) sendo que as manifestações aconteceram em diversas cidades do país, contra a reforma da Previdência e contra o governo Temer. Em nota divulgada de forma conjunta, as centrais convocam os trabalhadores para protestar contra a retirada dos direitos trabalhistas e contra o desmonte da Previdência. O objetivo das centrais é aglutinar o maior número de pessoas e realizar um protesto para parar o país.


Efeito da Carne Fraca

                   A Operação Carne Fraca, da Polícia Federal poderá produzir efeitos positivos, a médio e a longo prazo, no agronegócio do país. A opinião é do presidente da Sociedade Rural Brasileira (SRB), Marcelo Weyland Barbosa Vieira, que assumiu a presidência na última segunda feira. Ele disse não acreditar que a imagem negativa ocasionada pela ação da PF na indústria da carne possa contaminar outros setores rurais. “No inicio o impacto parecia muito preocupante. Mas agora já é possível avaliar que a médio prazo o resultado é positivo, porque o consumidor brasileiro passou a se interessar mais por toda a cadeia de controle sanitário e está vendo como é bem estruturada” disse o presidente.

Efeito da Carne Fraca 2

                   Ainda de acordo com o presidente da SRB “apesar dos problemas iniciais relacionados às suspensões de compra do produto brasileiro por alguns países, o valor deste produto rapidamente vai voltar a seu patamar original”. Ainda segundo Marcelo Vieira “como em todo o mercado de commodities, sacudido por fatores extraordinários, as oscilações são rápidas, que são corrigidas rapidamente. Voltaremos a ter preços definidos pela oferta e demanda do produto, e já estamos vendo isso no curto prazo” defendeu o presidente da entidade ruralista.

Vem aumento por aí

             O governo Temer parece já ter decidido: aumentará a carga tributária pra compensar o rombo nas contas públicas neste ano. O Ministro Henrique Meirelles, da Fazenda revelou que a possibilidade “é muito grande” e boa parte do empresariado nacional não duvida que o aumento de impostos é apenas uma questão de tempo. O aumento servirá para atingir a meta fiscal de déficit primário de R$ 139 bilhões, estabelecida na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). Segundo Meirelles, caso não haja o aumento de tributos, o contingenciamento final ficará entre R$ 42 bilhões e R$ 44 bilhões.

Vem aumento por aí 2

              Outro fator que esta forçando o aumento de impostos é a revisão do Produto Interno Bruto (PIB), que estava estimado em crescer 1,6% em 2017, mas por causa do baixo desempenho da economia, o governo reduziu a projeção para 0,5%. O governo também acabou reduzindo as receitas em R$ 54,8 bilhões. Também teve de rever, para cima, gastos obrigatórios com os benefícios da Lei Orgânica da Assistência Social, créditos extraordinários, fundos de desenvolvimento, subsídios, transferências e multas da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

 Censo Escolar 2017

                   Os dados da educação básica nas escolas deverão ser enviados ao Censo Escolar, até o final do mês de Julho, através do sistema Educacenso, via internet. O calendário foi publicado no Diário Oficial da União, na segunda (27). O envio dos dados ficará sob a responsabilidade dos diretores, responsáveis pela escola ou pelo sistema educacional. O Inep enviará os dados preliminares ao Ministério da Educação para publicação no D.O. até 17 de Agosto. Depois disso, as informações ficarão disponíveis para conferência dos gestores municipais e estaduais.

 

 

  • Com profundo pesar recebemos a notícia da morte do médico e pesquisador Sérgio da Hora Farias. Dedicado profissional, estudou e se entregou à pesquisa sobre os radicais livres e sua ação no organismo.
  • Alagoas perde um profissional do bem, que tratou e curou muitos alagoanos, sempre com bom humor, otimismo e seriedade no trato das suas atividades.
  • Geriatra reconhecido em todo o país pelo seu trabalho de pesquisa, Sérgio da Hora Farias elevava o nome de Alagoas em palestras, cursos e trabalhos que realizava em universidades e centros de pesquisa em todo o território nacional.
  • Sua dedicação e seu conhecimento o levaram a ser homenageado no Brasil e no exterior.
  • Seu falecimento precoce na Santa Casa de Misericórdia deixa uma lacuna na geriatria brasileira e entre os homens de bem de Alagoas.