Flávio Gomes

7 de março de 2017

José Aldo Ivo

José Aldo Ivo tinha uma paixão (o Botafogo), um hábito diário que era quase vício (ler jornal), uma qualidade rara (preservar amizades) e um amor inesquecível (sua mulher, Beatriz) É preciso dizer, contudo, que a ausência de Bia, como ele a costuma chamar, foi atenuada pela convivência com Madalena, companheira dedicada por boa parte da sua vida. Além disso, um orgulho maior: ter sido quem mais batalhou para a implantação de um curso de Comunicação em Alagoas. Bastante conservador, Aldo Ivo se afeiçoava com as coisas das quais gostava. Um dos maiores exemplos foi morar, por cerca de 60 anos, numa mesma casa simples e alugada, em Jaraguá, na Rua Graciliano Ramos que tanto o orgulhava – por conta da admiração pelo grande escritor conterrâneo. Outra característica interessante: atuou por muitos anos como jornalista esportivo, presidiu a ACDA e nunca se soube da sua preferência por algum clube de futebol local. Jamais se envolveu, também, com política partidária, embora venerasse a figura de Muniz Falcão, tanto quanto a do empresário Napoleão Barbosa. Convivi com José Aldo Ivo por mais de 40 anos e dele me fica a recordação de uma pessoa simples, fiel, que adorava ser jornalista e que era, por mais contraditório que possa parecer, humilde e vaidoso.  De agora em diante, e para toda a eternidade, certamente a estrela solitária do seu Glorioso brilhará com mais intensidade no infinito.

Fato novo

Ricardo Mota, site Tudo na Hora: “O tema ainda é tabu, mesmo entre os calheiristas “históricos”, mas a informação já circula entre eles e os fatos vão confirmando a possibilidade cada vez mais real de Renan pai não disputar a reeleição. A pressa em apontar Marx Beltrão como candidato do partido é o dado novo a corroborar a informação.”

Reversão

A vitoriosa candidatura de Renan Filho ao governo, em 2014, foi concebida, articulada e executada por Renan Calheiros. Agora, a situação se inverte: a gestão do atual governador vem servindo de base para o senador Renan, através principalmente das redes sociais, impulsionar a sua candidatura à reeleição, no próximo ano.

Cotação

Site Cada Minuto, sobre Heloísa Helena liderar pesquisas ao Senado: “Se o PMDB vier com Renan e Marx, o PP com Benedito de Lira e o PSDB com Teo Vilela, como parece estar se desenhando, Heloisa passa a ser uma forte candidata. O problema, além de convencer Heloisa, será saber se a ex-senadora vai ter uma estrutura financeira mínima”.

Drama

Dados revelados ontem na Asplana: a maior crise hídrica da história indica redução de 22% na safra de cana-de-açúcar 2016/2017. Prejuízo direto para cerca de 7.400 produtores, que proporcionam 300 mil empregos. Diz Jarbas Omena, prefeito de Messias: “Há trabalhadores se desfazendo de bens para comprar comida”.

Parceria

O presidente da Federação das Indústrias de Alagoas, José Carlos Lyra, recepcionou novos dirigentes da Braskem: Marcelo Cerqueira e Ana Carolina Sanches. “É essencial que a Federação continue atuando para fortalecer nosso parque industrial, notadamente nas cadeias produtivas, com a da Química e do Plástico”, diz ele. 

Agenda

Acontece hoje o I Fórum da Rede Sindical da Indústria, com o tema “Perspectivas para a Indústria em 2017: cenários político e econômico”, organizado pela Fiea e realizado pela Confederação Nacional da Indústria. Participam presidentes, diretores e executivos de sindicatos, da Fiea, Sesi, Senai e Iel. Das 8 às 17 horas, no Hotel Ponta Verde.

Moeda de troca

Do “Estadão”, sobre bastidores do apoio a Lula e Dilma: “A Odebrecht colocou cerca de R$ 30 milhões na operação de compra de apoio dos partidos. O acordo é descrito, em diferentes pedaços da história, nas delações de Marcelo Odebrecht, ex-presidente e dono da empreiteira, e dos executivos Fernando Cunha Reis e Alexandrino Alencar.

 

*O jornalista José Aldo Ivo, falecido ontem, aos 84 anos, será sepultado hoje, às 11 horas, no Parque das Flores, onde está sendo velado. Aldo Ivo presidiu o Sindicato dos Jornalistas e a ACDA e atualmente era vice-presidente da Abrajet/Alagoas.


*Autoridades do Judiciário, do Ministério Público e da Polícia Civil de Pernambuco conheceram, ontem, como funciona a 17ª Vara Criminal, de combate ao crime organizado em Alagoas. A reunião foi conduzida pelo vice-presidente do TJ, Celyrio Adamastor.

 

*A vice-prefeita de Arapiraca, Fabiana Pessoa, fez ontem a abertura da Caravana de Saneamento na Bacia do São Francisco. Durante toda a semana haverá atividades no auditório do Centro de Referência Integrada de Arapiraca, reunindo 20 municípios.

 

*Será apresentada hoje, em café da manhã no Palato Farol, a nova programação da TV Mar, caçula das empresas da Organização Arnon de Mello. Integrante da NET, a emissora parte agora para um conteúdo mais dinâmico e moderno.

 

*O pagamento da folha de benefícios relativos ao mês de fevereiro para aposentados, pensionistas e os demais segurados do INSS se encerra hoje. O pagamento teve início no dia 20 de fevereiro, para até um salário mínimo, e em 1º de março para quem mais.

*Cerca de 130 transportadores complementares que atuam na região metropolitana de Maceió participam, hoje, de treinamento organizado pela Arsal. O evento será nos dois horários, no auditório da Fundação de Amparo à Pesquisa, Centro de Maceió.

*A Companhia Teatro da Meia Noite, umas das principais de Alagoas, há 10 anos no mercado, promoverá um curso de atores para iniciantes. Intitulado “O Ato Cênico!”, o curso tem carga horária de 240 horas e se inicia hoje. Contato: 9.8885.0229.

 

“Perdeu as condições políticas de operar como chefe do Estado-Maior do governo do amigo Michel Temer”

Josias de Souza

Jornalista, sobre a difícil situação do ministro Eliseu Padilha, após acusações de corrupção