31 de Janeiro de 2017

Bicicleta, bike, magrela, camelo, etc.

Não importa o nome. Excelente meio de transporte,  (pode transportar até dez vezes o seu peso), de lazer e atividade física.

Recebi uma mensagem sem autor definido que mostra os benefícios do uso da bicicleta como atividade física. Perda de calorias, acelera o metabolismo, melhora a oxigenação pulmonar e cerebral, estabiliza a pressão arterial, melhora o tônus muscular e diminui a medida da cintura, reforça a musculatura dos membros inferiores e é divertido.

Já a revista VIP do mês de janeiro de 2017 nas páginas 93 A 99 de autoria da jornalista Marjorie Zoppei, trás uma excelente reportagem da qual citarei alguns tópicos.

Já temos mais de três mil quilômetros de ciclovias no Brasil. Segundo o Sistema de Informações da Mobilidade Urbana o número de viagens usando a magrela era de 1,3 bilhão e agora é 2,6 bilhões.

Outro dado importante trazido pela reportagem é que cafeterias e bares incrementaram os serviços oferecendo além de boa comida oficinas e lojas de bike no mesmo ambiente.

Um teste feito bike X carro, na distancia de 3,71km, o carro levou 23 minutos e 42 segundos, enquanto a bicicleta 10 minutos e 26 segundos.

Os dez mandamentos do ciclista se torna muito importante. Citarei com clareza:

1 Respeitar as placas de sinalização, sentido das ruas e faixas de pedestre.

2 Informar-se sobre as políticas de pedalar nas calçadas de cada cidade.

3 Sinalizar com os braços quando for mudar de direção.

4 Usar obrigatoriamente capacete e luzes de sinalização (branca na frente e vermelha atrás).

5 Na falta de ciclovia usar a pista da direita, no mesmo sentido dos carros.

6 Respeitar os semáforos, principalmente nos cruzamentos.

7 DAR SEMPRE PRIORIDADE AOS PEDESTRE (em maiúsculas por mim).

8 Ficar atento aos carros estacionados para não ser surpreendido com uma porta se abrindo de surpresa.

9 Encapar as extremidades do guidão e, assim, evitar riscar os carros estacionados.

10 Se beber não pedalar.

Como sempre fui e serei um ciclista juramentado fico muito contente, feliz e satisfeito com notícias sobre o ciclismo. Continuo pedalando, hoje usando a ciclovia da orla com a minha bike dobrável de aro 20 que me permite guarda-la na mala do meu automóvel. Quando vou ao interior tenho oportunidade de usar uma moutain bike fazendo trilhas com dificuldades nas subidas, porém com um prazer enorme nas descidas íngremes pondo a adrenalina a toda prova!