Roberto Baia

6 de novembro de 2016

Sem pagamento

Os servidores municipais de Palmeira dos Índios acusam o atual prefeito, James Ribeiro, de não pagar o salário dos funcionários efetivos e contratados além de ter afastado vários servidores. Alguns afirmam que estão há três meses sem salário. O último salário que teria sido pago ocorreu na última quinta-feira (03), quando o atual prefeito pagou os funcionários da Secretaria Municipal de Saúde, os salários referentes ao mês de setembro.

 

Em greve

Segundo informações dos servidores, o caos na cidade é tanto que os motoristas de Secretaria de Educação ameaçam entrar em greve e só voltar ao trabalho após o recebimento dos devidos salários. Eles denunciam também que a Prefeitura não estaria cumprindo um acordo firmado com a UPA da cidade e por isso a Unidade só irá atender pacientes em casos de riscos.

 

 Fiscalização 1

Com as novas regras de trânsito, devido à Lei nº 13.281/16, os estacionamentos especiais para idosos e deficientes físicos em estacionamentos privados de uso coletivos também serão fiscalizados. A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito de Arapiraca (SMTT) deu início à fiscalização, no estacionamento do Arapiraca Garden Shopping, na última quinta-feira (3).

 

Fiscalização 2

A ação de conscientização contou com a presença do diretor de Trânsito, Marcos Pepeu e de agentes de trânsito que inspecionaram as vagas destinadas a idosos e deficientes físicos, isto é, pessoas com mobilidade reduzida, nos estacionamentos interno e externo do shopping de Arapiraca.

 

Fiscalização 3

A nova lei também altera a classificação das multas para quem infringir e estacionar nas vagas sem disponibilizar o cartão obrigatório emitido pela SMTT por meio das portarias 002 e 003/2014 para pessoas com mobilidade reduzida e 004/2014 para idosos, passando de grave para gravíssima, no valor de R$ 127,69 para R$ 293,47 e sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação.

 

 

 Proteção ambiental

 A segunda sessão itinerante do Conselho Estadual de Proteção Ambiental (Cepram) acontece na terça-feira (8) em Arapiraca. As pautas ambientais serão discutidas pelos conselheiros a partir das 9h, na Sala de Reuniões localizada no Centro Administrativo Municipal, no bairro Santa Edwiges. 

 

 

 

Proteção ambiental 2

 

A sessão de número 276 pode ser presidida pelo governador em exercício Luciano Barbosa. Em sua ausência, os trabalhos serão presididos pelo secretário de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Alexandre Ayres. A pauta que será debatida pelos conselheiros já está pronta e tratará de processos como da solicitação da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Saneamento de Arapiraca.

  

 

 … Serão tratados assuntos como o licenciamento de empreendimentos na região; apresentação da Semasa sobre as obras de esgotamento da Bacia do Rio Piauí e sobre as obras da Central de Tratamento de Resíduos do Agreste. Também haverá análise acerca de um auto de infração feito pelo Instituto do Meio Ambiente (IMA) a um atacadão na região de Arapiraca.

 

 

.. Por iniciativa do secretário Alexandre Ayres, os conselheiros do Cepram aprovaram que as sessões ocorram nos municípios alagoanos.

 

… Segundo o secretário, esta é mais uma forma de o Governo de Alagoas atuar de forma transparente no que diz respeito aos processos ambientais.