Flávio Gomes

25 de outubro de 2016

Algo vai acontecer

Do jornalista Carlos Chagas: “‘O ‘Sistema Único de Saúde é inviável!”’, proclamam aqueles que desde a degola de Dilma Rousseff e do PT passaram a contestar a Constituição de 1988. Empenhados em suprimir o elenco de direitos tidos até agora como imprescindíveis, os novos donos do poder lançaram-se na campanha pelo retorno de seus privilégios e a extinção das prerrogativas das massas. Insurgem-se diante do tratamento médico gratuito para quem não possa pagá-lo, condenando os pobres à miséria e os ricos à indiferença. Do corte de direitos sociais à supressão de pensões e aposentadorias, do aumento de impostos ao abandono das maiorias carentes e ao desemprego crescente, desenham um novo Brasil rachado ao meio. Ainda agora estão beneficiando quantos enviaram dinheiro roubado para o exterior e hoje poderão repatriá-lo sem maiores punições. Em tempo rápido o governo Michel Temer vai revogando conquistas sociais que levaram décadas para ser implantadas. O triste é que a sociedade não reage, ou reage muito pouco. O trabalhador deixa de ganhar as ruas, preocupado em reconquistar o emprego perdido, mesmo às custas de redução salarial. A classe média fecha os olhos e as elites ampliam reivindicações e benesses. Enquanto isso multiplicam-se as apreensões. Alguma coisa vai acontecer, mesmo ignorando-se quando e como. Pode ser amanhã. Até hoje.”

Alento

Renan Filho não concedeu reajuste aos servidores este ano, nem tem previsão de fazê-lo. Como na próxima 6ª feira, 28, se festeja o Dia do Servidor Público, um paliativo poderia ser o anúncio do pagamento do 13º salário. O que daria um ânimo à candidatura de Cícero Almeida, seu candidato a prefeito de Maceió.

Prestigiados

Em entrevista a “Conjuntura”, na TV Mar, o prefeito eleito de Arapiraca, Rogério Teófilo, disse que não tem previsão para anunciar seu secretariado. Vai primeiro avaliar a situação da prefeitura. Mas disse que, priorizando o critério técnico, terão espaço Rodrigo Cunha e Severino Pessoa, únicos deputados que o apoiaram.

Davi x Golias 

Além de Rodrigo e Severino, Teófilo só teve apoio político do PSDB, especialmente do presidente regional, Téo Vilela. Ricardo Nezinho teve apoio da prefeita Célia Rocha, do governador Renan Filho, do vice-governador Luciano Barbosa, do presidente do Senado, Renan Calheiros, e dos maiores empresários locais.

Voo curto

Tarcizo Freire, deputado estadual assim como Ricardo Nezinho, foi o outro concorrente de Rogério Teófilo. Freire, que foi apoiado pelo senador Benedito de Lira, presidente regional do seu partido, o PP, lançou a candidatura no ano passado. Liderou as pesquisas durante a pré-campanha, mas terminou em 3º lugar.

Marco

A Braskem implantou em Wesseling, Alemanha, seu Núcleo Técnico da Europa, num investimento de € 5 milhões. É mais um passo no processo de internacionalização da empresa, que aportou nos últimos sete anos mais de R$ 1 bilhão na área de Inovação. A unidade na Alemanha facilita as demandas da Europa.

Agenda 

O Banco do Nordeste reúne hoje instituições da área econômica e micro e pequenas empresas.  “Pretendemos difundir vantagens do crédito aos micro e pequenos empresários e debater formas de alavancá-lo”, diz o superintendente regional, Antônio César de Santana. O encontro é às 9 horas, no auditório do BNB-AL.

Dinheiro sujo 

Cláudio Humberto Rosa e Silva: “Lula foi interrogado sobre suas reuniões com dirigentes da Portugal Telecom e do Banco Espírito Santo (que quebrou em 2015), sócios Oi. Marcos Valério disse que Lula acertou a propina de R$ 7 milhões para o PT com o ex-presidente da Portugal Telecom, Miguel Horta e Costa.”

 

*A Secretaria da Ciência, Tecnologia e Inovação, Fapeal e Sindicato dos Jornalistas de Alagoas lançam hoje, 9 horas, no Kinoplex, no Maceió Shopping, o Prêmio de Jornalismo Científico José Marques de Melo. As inscrições irão até 31 de maio de 2017.

*O Gabinete Civil do Governo do Estado, por meio do Arquivo Público, promove hoje, das 16 às 18 horas, a primeira edição do projeto “Chá de Memória”. Participarão os historiadores Luiz Carlos Villalta, Cícero Péricles e Gian Carlo de Melo.

*A Associação dos Docentes da Ufal faz hoje Assembleia Geral, 10 horas, no auditório do Centro de Educação, no Campus A.C. Simões. Os pontos de pauta serão: Análise da Conjuntura, Mobilização da Construção da greve Geral e o 36° Congresso do Andes

*Acontece hoje o evento “Curta Moda”, com curtas de Cláudio Manoel Duarte, alagoano radicado em Salvador. “Moda.Devir – Das Criações de Carol Barreto” e “Cardoso Alfaiate”, serão exibidos na Escola de Técnica de Artes da Ufal, às 9 horas.

*O projeto “Quinta Sinfônica” de outubro, com a Orquestra da Universidade Federal de Alagoas, excepcionalmente será exibido hoje, 20 horas, no Teatro Deodoro. O grupo terá a regência de três maestros: Leonardo Arecipo, Everaldo Borges e Joselho Rocha.

*Será realizado hoje o painel “Fundepes: a serviço da inovação”, no auditório do Senac, das 9 às 12 horas e das 13h30m às 15 horas. Palestrantes: Fernando Peregrino, Geraldo Veríssimo, Luiz Antonio da Silva, Josealdo Tonholo, Eduardo Setton e Eurípedes Alves.

*O CRB repetiu na vitória contra o Joiville (2×1) a boa atuação contra o Vasco e embala ainda o sonho de classificação à Série A em 2017. O desafio de hoje é vencer o Goiás, em Goiânia, a partir das 20h30m. A torcida repete o bordão “Eu acredito”.

 

“Tudo balança na República, mas só Renan não cai”

 Josias de Sousa

 Jornalista, em seu blog, comentando a força política do presidente do Senado, Renan Calheiros