Roberto Baia

15 de outubro de 2016

Buscando conhecimento

Sidinéia Tavares_ interina

 

A vereadora eleita de Viçosa, Sâmia Bida, visitou na última quinta-feira (13) o gabinete do deputado estadual Rodrigo Cunha. Ela foi ao local buscar mais um pouco de conhecimento e ideias para melhor legislar a cidade de Viçosa. Para a visita foi formada uma comissão de pessoas com interesses em comum ao da vereadora e que apoiaram todo seu período de campanha.

 

Visita produtiva

De acordo com Sâmia Bida a visita foi bastante produtiva. “Com certeza voltamos de lá com um pouco mais de bagagem. O Monitora Alagoas foi uma das diversas dicas que o deputado nos deu: pegar as propostas de campanha que foram registradas em cartório pelo prefeito eleito, dividi-las por área (saúde, educação, esporte etc.) e depois ir cobrando do secretário da respectiva área. Mostrar a quem lhe elegeu como fiscal e representante do povo que você está cobrando, acompanhando o início e a execução das propostas de campanha do prefeito eleito”, explicou a vereadora eleita.

 

Homenagem

O vice-governador de Alagoas e secretário de Estado da Educação, Luciano Barbosa, participou ontem (14), em Arapiraca, da entrega de homenagens a 31 professores e servidores públicos de 30 escolas sob a coordenação da 5ª Gerência Regional de Ensino (Gere)_ distribuídas nos municípios de Arapiraca, Girau do Ponciano, Feira Grande, Lagoa da Canoa, Taquarana, Coité do Noia, Craíbas, São Sebastião, Traipu e Limoeiro de Anadia – e da própria gerência.

 

Valorização dos professores

O evento aconteceu no Planetário Municipal de Arapiraca, que recebeu dezenas de educadores, familiares e convidados. Na ocasião, Luciano Barbosa parabenizou todos os homenageados e voltou a destacar o papel dos servidores públicos e, de forma especial, os trabalhadores da Educação, no pleno exercício da formação de crianças e jovens em todo o estado de Alagoas. 

Tratamento de câncer 01

O Ministério Público Federal em Alagoas (MPF/AL), por meio da procuradora da República Roberta Barbosa Bomfim, realiza nova audiência pública com o tema “Quem tem câncer, tem pressa”. No próximo dia 18, instituições públicas, órgãos de fiscalização e sociedade civil vão debater os avanços e dificuldades para garantir o acesso universal e igualitário às ações e serviços de prevenção e tratamento de pacientes oncológicos no estado de Alagoas. 

 

Tratamento de câncer 02

Com o tema “Quem tem câncer, tem pressa”, a audiência pública contará com a participação de representantes das Secretarias de Saúde do Estado de Alagoas e do Município de Maceió; do Ministério Público do Estado de Alagoas; dos CACON´s – Hospital Universitário Prof. Alberto Antunes e Santa Casa de Misericórdia; da UNACON – Hospital do Açúcar; da Defensoria Pública da União; do Departamento Nacional de Auditoria do SUS – DENASUS; da Rede Feminina de Combate ao Câncer e de outras entidades da sociedade civil envolvidas com a temática.

 

Filme em Arapiraca

O premiado documentário “O Passe”, produzido em Sergipe e dirigido pela jornalista alagoana Erna Barros entrará este mês de outubro em cartaz no teatro Planetário, na cidade de Arapiraca. A primeira sessão ocorre neste sábado (15), com sessões as 14: 30 horas e 16: 30 horas. “O Passe”, foi lançado em maio deste ano na cidade Natal-RN e trata-se de uma obra sobre ciência, fé e as forças que ligam uma à outra, buscando trazer à tona reflexões acerca do magnetismo, comumente realizado em casas espíritas através do passe, mas de atuação terapêutica em diversas áreas no ramo da medicina alternativa.

 

Proposta do documentário

 

Utilizando imagens de tratamentos realizados no Instituto Espírita Paulo de Tarso, em Aracaju-SE, e locações em outros estados como Goiânia e Alagoas, a obra busca retratar como médiuns, espíritas e estudiosos entendem esta forma de tratamento, como ela funciona, a quem serve, quais são os resultados obtidos e como essa energia, invisível aos olhos humanos atua na vida daqueles que buscam a cura de seus males.

 

Censura 01

A Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (ABRAJ) divulgou esta semana uma matéria informando o número de ações judiciais de autoria de partidos e políticos solicitando a censura prévia a jornalistas e publicações. A notícia dizia que as ações mais que triplicaram em relação a 2012. Entre os citados, no informe da ABRAJ, estão o Facebook, que em Alagoas entre os anos de 2014 e 2016 foi processado três vezes_ pedindo inclusive suspensão de 24 horas da rede social; e os Jornais Impressos ‘Jornal de Arapiraca’ e ‘Tribuna Independente’.

 

Censura 02

O processo contra a Tribuna Independente foi apenas o direito de resposta; mas (pasmem) o processo contra o Jornal de Arapiraca pedia a suspensão da circulação do Jornal por duas semanas. Felizmente, a Justiça não aceitou calar o jornalismo e negou o pedido absurdo da coligação “Unidos por uma nova Arapiraca”. E o impresso conseguiu derrubar uma liminar que proibia a circulação de qualquer matéria referente ao candidato da coligação.

  

…A prefeita de Joaquim Gomes, Ana Genilda Costa Couto (PMDB), exonerou todos os servidores comissionados da administração pública do município, segundo a decisão publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) a medida foi tomada para adequar os limites de gastos da Prefeitura.

 

… A medida vale para o pessoal que trabalhava sem concurso público, independente dos cargos que exerciam. O decreto aponta que o limite de gastos da folha de pagamento do município é de 60%, sendo 6% para o Legislativo e 54% para o Executivo.

 

… “Foi considerado o desequilíbrio das finanças públicas, ocasionado principalmente pela queda de arrecadação na conta do Fundo de Participação dos Municípios (FPM)”, dizia a decisão.