Blog do Dresch

2 de outubro de 2016

O passaralho corta cabeças na EBC

                   O governo tampão de Michel Temer, rescindiu, unilateralmente, os contratos de vários jornalistas e comentaristas da Empresa Brasil de Comunicação (EBC). Os atos, publicados no Diário Oficial da União, afastam os jornalistas Luis Nassif, Paulo Markum, Tereza Cruvinel, Sidney Rezende, Emir Sader, Lúcia Sacarano de Mendonça e Paulo Moreira Leite. As demissões aconteceram após o retorno de Laerte Rímoli á direção da empresa. Ele havia sido nomeado pelo presidente Temer em Maio, mas foi afastado pelo Supremo Tribunal Federal, porque sua indicação não havia sido avalizada pelo Conselho Curador da EBC. Agora o Conselho foi extinto, o jornalista Ricardo Melo afastado, e Rímoli pode assumir o cargo.

O “passaralho” da EBC 2

                   Segundo a EBC, os contratos rescindidos somavam R$ 2,8 milhões por ano, e foram feitos dentro da lei e que “a necessidade de ajustes orçamentários tem levado à direção da empresa a adotar medidas de redução de despesas”. Alguns profissionais disseram que vão contestar o rompimento do contrato na Justiça, porque sequer foram comunicados da decisão, somente tomando conhecimento da sua exoneração pelo Diário Oficial. Paulo Moreira leite tinha contrato de exclusividade por um ano, e sequer recebeu um telefonema ou foi chamado para um diálogo. Como ele, Paulo Markum também pretende buscar seus direitos na Justiça.

 

Aposentadorias diferenciadas

                   “Os militares devem ser diferenciados dos demais contribuintes, principalmente dos servidores públicos, na discussão das mudanças da Previdência”. A afirmativa é do Ministro da Defesa, Raul Jungmann, que defendeu que seja estabelecido um tipo de aposentadoria diferenciada para os militares brasileiros. Para ele a Constituição trabalha com duas categorias: o servidor e o militar, com suas distinções e singularidades. Entre os fatores alegados pelo ministro para esta “diferença”, estão a impossibilidade de fazer greve ou se sindicalizar; a inexistência de hora extra e a dedicação exclusiva. “O militar expõe a vida, Então, de fato, não é privilégio. É o reconhecimento da singularidade” assinalou Jungmann. E foi mais longe: “Não acredito que tratar desiguais igualmente é injustiça. É preciso reconhecer que os desiguais devem ser tratados desigualmente. Um militar hoje tem, entre todas as categorias de Estado a menor remuneração inicial ou final” comparou o Ministro da Defesa. Mas o ministro garantiu que as Forças Armadas vão contribuir com as reformas da Previdência. “Não queremos e recusamos privilégios. Vamos contribuir e vamos dar a nossa parte. Apenas defendemos a nossa especificidade” acrescentou.

 

Acesso a genética superior

            Pequenos e médios criadores alagoanos receberão doses de sêmen de touros da raça Aberdeen Angus, para melhorar e qualificar o rebanho preparado para o corte. A inciativa é da Secretaria de Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura e visa proporcionar ao pequeno e médio produtor do bovino de corte, um acesso a genética do que existe de melhor no mercado com aumento de peso da carcaça no abate, e em menor espaço de tempo. O Programa Carne Angus Certificada vem se espalhando pelo país com eficiência comprovada e garantida, proporcionando qualidade, fertilidade e precocidade do rebanho alagoano.

Acesso à genética superior 2

                 As doses de sêmen que beneficiarão os pequenos e médios produtores, são da raça Angus, bastante fértil, precoce e com muita habilidade materna, utilizada em cruzamentos industriais junto com a raça nelore, obtendo um produto rústico, conhecido e apreciado pelo mercado e com excelente produção de carne. A ação vai melhorar a renda dos criadores familiares, além de oferecer um produto de melhor qualidade aos consumidores alagoanos, garante o Secretário Álvaro Vasconcelos.

Colesterol e impotência

             Um estudo apresentado no Congresso da Sociedade Europeia de Cardiologia, ocorrido em Roma, demonstrou que o consumo diário de medicamentos para reduzir as chances de ataques cardíacos, auxilia no tratamento da disfunção erétil. Os benefícios das estatinas – que melhoram o f luxo sanguíneo-  tiveram um impacto positivo em outras partes do corpo além do coração. O estudo descobriu que a função erétil em homens que tomaram estatinas aumentou 4,9 pontos, o que significa 43% de melhoria.

Colesterol e impotência 2

            O importante deste estudo é que ele mostrou que melhorando os níveis do colesterol, os pacientes também estavam se beneficiando de melhores ereções, ou seja, o uso de medicamentos específicos para a disfunção erétil torna-se menos usual. Para complementar a pesquisa, um estudo grego rastreou 100 homens com idades entre 40 e 70 anos. Todos tinham colesterol alto e histórico de impotência. Metade deles tomou estatina por três meses, enquanto o resto ficou sem tratamento. O resultado foi que aqueles que tomaram as pílulas tiveram uma melhora significativa na qualidade de suas ereções, o que comprova os demais resultados apresentados pelos cardiologistas.

 

 

  • O ministro alagoano de Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintela participou a entrega esta semana de novas pontes de embarque (fingers), para o Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares.
  • A utilização destas pontes de embarque é também uma conquista do segmento turístico do estado, que com o início da alta temporada, serão de extrema utilidade, destacou o secretário Helder Lima, do Desenvolvimento Econômico e do Turismo.
  • Além disso, Maceió terá mais quatro voos a partir de Dezembro, partindo de Cuiabá, Belo Horizonte, Porto Alegre e Campinas. Estão sob discussão mais 40 voos de diversos outros pontos do país.
  • Os quatro equipamentos atendem à demanda do aeroporto, facilitando o acesso ás aeronaves e permitindo mais comodidade aos passageiros e também à tripulação e funcionários.
  • Maurício Quintela destacou também que o Porto de Maceió receberá recursos na ordem de R$ 100 milhões em 2017, para a infraestrutura portuária e para permitir a abertura da passagem do Porto para grandes embarcações.