Futebol

27 de setembro de 2016

Coronel e assistente que posou nua são os novos integrantes da Comissão Nacional de Arbitragem

À tarde desta terça-feira (27), no âmbito do futebol nacional ficou marcada pela mudança na Comissão Nacional de Arbitragem. O novo presidente da comissão passa a ser Marcos Cabral Marinho de Moura, o Coronel Marinho. O vice-presidente será Alicio Pena Júnior. Ainda fará parte da nova composição o ex-árbitro Cláudio Cerdeira e a ex-assistente, Ana Paulo de Oliveira, que deixou à arbitragem a época, após posar nua para revista Playboy.

Marinho já foi chefe da Comissão de Arbitragem da Federação Paulista entre os anos 2005 a 2016 e deixou o cargo no início do ano, após ter escalado o árbitro Flávio Rodrigues Guerra para comandar uma partida da Copa São Paulo de Juniores, sendo que o mesmo não poderia atuar em nenhum jogo, pois estava suspenso por determinação do Tribunal Superior de Justiça Desportiva (STJD).

O ex-comandante da Comissão de Arbitragem, Sérgio Corrêa, agora assume a coordenação do Projeto de Desenvolvimento e Implementação do Árbitro de Vídeo.

Já a tão polêmica Escola Nacional de Árbitros de Futebol (ENAF) passa a ser dirigida por Manoel Serapião Filho, que ainda terá como secretário Nilson de Souza Monção.